Imagem com diversos aparelhos em exibição

Vendas de smartphones no mundo crescem 10,8% no 2º tri

Avatar of bruno martinez

Com a chegada da pandemia e crescimento do trabalho remoto, cada vez mais pessoas estão investindo para que a vendas de smartphones continuem crescendo. Também podemos citar a compra de celulares como uma forma de entretenimento e até mesmo educação, uma vez o ensino virtual faz parte de nossa realidade, pelo menos por agora.

Como marcas presentes no mercado, hoje foi divulgado pela Gartner que Samsung, Xiaomi e Apple estão no topo de empresas que mais tiveram aumento na venda de smartphones. O ponto mais interessante é que a Apple acabou sendo ultrapassada pela Xiaomi, se levarmos os dados do segundo trimestre de 2021. Não há mais a concorrência entre a fabricante da linha Galaxy e a empresa maçã. Confira todas as informações agora mesmo.

Samsung segue no topo do mercado de telefonia móvel

De acordo com dados da Gartner, a empresa coreana segue colhendo bons frutos de seus lançamentos realizados em plena pandemia de COVID-19. Apenas no segundo trimestre de 2021, foi feita a compra de 57,7 milhões de celulares da empresa. O que deu para a Samsung, o primeiro lugar na tabela geral de empresas que mais tiveram vendas de smartphones neste mesmo período. As boas vendas acontecem em um período de recuperação do mercado. No ano passado, a empresa fabricantes dos modelos da linha Galaxy teve 54,7 milhões de unidades vendidas.

Exemplos de celulares lançados pela samsung
Samsung segue no topo quando falamos sobre venda de smartphones

Falando sobre a participação de mercado, a Samsung também teve uma queda em relação ao segundo trimestre de 2020. Se no ano passado, a porcentagem da empresa estava em 18,4% no mercado, este número diminuiu para 17,6%. Apesar de números negativos, isso não foi impedimento de que a empresa ainda ficasse no topo da lista de empresas que mais tiveram vendas de smartphones no segundo trimestre de 2021. O mesmo vale para a participação de mercado, onde a Samsung ainda segue no topo.

Xiaomi com crescimento constante: Apple é jogada para o terceiro lugar

A Xiaomi é uma das empresas que mais cresceram nos últimos anos e não estamos falando apenas sobre a venda de smartphones. Com um ecossistema que conta com produtos para diversas ocasiões, a empresa conseguiu ter uma presença de mercado no segundo trimestre de 2021 que chegou a 15,5%. Em comparação com o mesmo período do ano passado, este número estava em 9,5%. Em junho deste ano, a Xiaomi chegou a ultrapassar a Samsung em vendas de celulares.

Logo de apple e xiaomi em um fundo preto
Xiaomi ultrapassou a Apple pela primeira vez

Ao mesmo tempo, a empresa conseguiu vender 51 milhões de smartphones das mais variadas categorias. Com um crescimento de chamar atenção, saiba que em 2020, a Xiaomi conseguiu vender 28,1 milhões de celulares. Tais números deram o segundo lugar no ranking de empresas que mais venderam smartphones durante o segundo trimestre de 2021. Foi a primeira vez que a Xiaomi conseguiu chegar ao segundo lugar da tabela geral.

A Apple, que está agora em terceiro lugar na lista geral, conseguiu vender 49,2 milhões de unidades do iPhone (contando todas as versões) entre abril e junho de 2021. Para comparação, a empresa da maçã chegou a vender 38,3 milhões no mesmo período de 2020. A marca também conseguiu atingir uma participação de 15% no segundo trimestre de 2021. O número era de 12,1% no ano passado.

Iphones segurados por uma mão
Apple ainda segue dentro do top 3 da lista de empresas que mais venderam

Os números “negativos” sobre 2020 possuem explicação: o ano anterior, como você sabe, provocou a interrupção do funcionamento de diversos setores. E o mercado de smartphones não ficou de fora. Ocorreu uma escassez de componentes essenciais para os celulares, onde a venda acabou sendo menor.

Oppo e VIVO ocupam quinto lugar de empresas que mais tiveram vendas de smartphones

Não tão presentes no Brasil de forma oficial, as companhias Oppo e Vivo, seguem crescendo no resto do mundo. Se a Oppo teve 33,6milhões de smartphones vendidos no segundo trimestre de 2021, a Vivo conseguiu realizar 32,2 milhões de vendas.

Apesar de não atuarem de forma ativa na América Latina, a Oppo segue atuando para crescer na Europa Ocidental. Isso sendo realizado por meio do lançamento de celulares intermediários com preços que desbancam concorrentes. Também se sabe que a mesma empresa está atuando com amplas campanhas de marketing. Houve um crescimento de 42,4% quando olhamos para o mercado global.

Celulares de oppo e vivo
Apesar de não estarem no Brasil, empresas cresceram em outras partes do Mundo

Falando sobre a Vivo, a empresa chinesa viu suas vendas crescerem 41,6%. Isso foi decorrente de um trabalho feito em seu continente de origem, o mercado Ásia Pacífico. Ao mesmo tempo, a Gartner, empresa que realizou o estudo sobre vendas de smartphones, nos informa que a Vivo está expandindo sua presença em outras partes do mundo, como Europa, Oriente Médio e África. Outras empresas que chegaram a fazer um certo “barulho” em relação à venda de smartphones também foram citadas no resultado, veja:

Gráfico sobre vendas de smartphones no segundo trimestre de 2021
Vendas de smartphones no mundo crescem 10,8% no 2º tri

Vendas de smartphones no segundo trimestre de 2021 também foram maiores do que o mesmo período do ano passado

Se no segundo trimestre de 2020, foram vendidos 296,9 milhões de smartphone, isso subiu para 328,8 milhões em 2021. Tal crescimento se dá pelo maior investimento dos consumidores em telefonia móvel, onde como você sabe, os celulares são praticamente uma extensão de nosso corpo. Também se sabe que as pessoas estão investindo mais em especificações mais altas, sem se preocupar com o preço de que irão pagar.

“A demanda por smartphones continuou forte neste trimestre, pois os compradores preferiram especificações mais altas e melhor experiência de usuário. A demanda reprimida de 2020 continua a gerar vantagem para os fornecedores mundiais de smartphones em 2021”

Anshul Gupta, Diretor Sênior de Pesquisa do Gartner

A maior presença no 5G está conectada com isso, uma vez que as antenas estão sendo colocadas em celulares considerados topos de linha. Dessa forma, para ter acesso à internet de quinta geração, as pessoas precisaram gastar mais. Um exemplo básico é a Samsung, que lançou modelos compatíveis com 5G apenas em suas linhas premium. O mesmo aconteceu com empresas como Apple e Xiaomi, que fecham a lista de marcas com mais vendas de smartphones no segundo trimestre de 2021.

“Instruções para reforçar os estoques locais e os fechamentos de fábricas na Índia e no Vietnã, devido à nova onda de COVID-19, junto com o fechamento de negócios de varejo e restrições de entregas on-line afetaram negativamente as vendas de smartphones no segundo trimestre após um forte início no início de 2021. No entanto, as regiões com maior rede e conectividade 5G viram uma forte demanda por smartphones 5G e foram impulsionadores de crescimento para os principais fornecedores de smartphones.”

Anshul Gupta, Diretor Sênior de Pesquisa do Gartner

Sobre a Gartner

Desenvolvedora do estudo sobre vendas de smartphones em todo o mundo, a Gartner oferece informações essenciais para os líderes de mercado conseguirem tomar as melhores decisões com embasamento de mercado. Como parceira de mais de 15.000 empresas, a mesma está atuando em mais de 100 países, onde capta dados de vendas que colaboram para o acompanhamento do mercado.

A Gartner também possui um programa de impulsionamento de negócios. Vale lembrar que a empresa é a a principal empresa de pesquisa e consultoria do mundo, também sendo membro do S&P 500. Este é um índice de mercado que é formado por 500 ativos nas bolsas NYSE e NASDAQ.

Fonte: Gartner

Mas diga pra gente nos comentários: você esperava que a Xiaomi chegaria ao segundo lugar de empresa que mais teve vendas de smartphones em algum momento?

Inscreva-se para receber nossas notícias:

Total
0
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Relacionados