X-Men da vida real! Conheça 13 super poderes provocados por mutações

X-men da vida real! Conheça 13 super poderes provocados por mutações. Com mutações genéticas que conferem habilidades especiais, conheça os x-men da vida real
Com mutações genéticas que conferem habilidades especiais, conheça os X-Men da vida real

Qual fã de super-heróis nunca sonhou em acordar com poderes e ser convocado para os X-Men ou qualquer outra equipe? Mesmo não existindo uma tecnologia de implantes de adamantium, a humanidade seguiu seu rumo evolutivo. Mas de tempos em tempos, surgem indivíduos com habilidades especiais dignas de qualquer gibi da Marvel. Os verdadeiros X-Men da vida real!

Não estamos falando em poderes pirotécnicos como os raios ópticos do Ciclope ou as cartas explosivas do Gambit. São habilidades que passam despercebidas se os donos assim quiserem. Porém, de tão extraordinárias, os cientistas as classificam como saltos na evolução humana. Ou seja, uma mutação genética.

Vale lembrar que toda mutação faz parte do processo evolutivo. Sem elas, qualquer espécie seria extinta nos primeiros sinais de adversidades. Temos os próprios humanos como exemplo. Um belo dia, um indivíduo desenvolveu a habilidade de ingerir leite de vaca e não adoecer. Tal habilidade especial foi passada para seus descendentes.

A ciência estima que, em média, ocorram 100 novas mutações toda vez que o genoma humano se duplica. Por muitas vezes, são mudanças simples como uma pigmentação de unha ou cor diferenciada na íris. Entretanto, existem pequenas individualidades da evolução que geram os casos curiosos e extraordinários.

Trazemos aqui uma lista com 13 exemplos de habilidades humanas extraordinárias dignas dos chamados “X-Men da vida real“. A maioria comprovadas cientificamente, por meio de exames clínicos minuciosos. Confira abaixo:

Super resistência

X-men da vida real
Eero Mantyranta é o primeiro atleta “super-resistente” atestado clinicamente. (Imagem: Getty Images / Central Press)

Uma resistência sobre humana é muito comum para os X-Men ou qualquer grupo de heróis da Marvel. No mundo real, o campeão olímpico de esqui finlandês Eero Mantyranta ficou conhecido como o primeiro atleta a testar positivo no recém criado “exame antidoping”. Mas foi através dele que descobriram uma rara mutação no gene ligado à eritropoiese, a produção de células vermelhas do sangue.

Assim, o atleta transportava 50% a mais de oxigênio em sua corrente sanguínea, potencializando seus resultados em qualquer prova de resistência. Foi o primeiro caso comprovado de indivíduo com “super resistência”. Uma pena ter duvidado de suas próprias capacidades e apostado em substâncias proibidas, destruindo sua carreira. Algo nada digno para os X-Men da vida real.

Superforça

Muitas vezes, uma mutação é classificada como uma doença genética. Tal distúrbio pode provocar problemas sérios de saúde. Porém, em raras ocasiões, as mudanças na estrutura muscular de um indivíduo acarreta em força sobre-humana. É o caso de Liam Hoekstra, o “bebê mais forte do mundo”.

O caso ganhou destaque em 2009, quando sua rara condição genética foi apresentada pelo canal de TV TLC. O corpo de Liam bloqueia naturalmente a proteína miostatina, que inibe o crescimento muscular. Assim, seus músculos eram muito maiores em relação à uma criança da sua idade e precisavam de pouca gordura corporal. Com isso, o bebê possui uma força comum a adultos e anormal a qualquer criança. Uma verdadeira superforça mutante.

Estômago de avestruz

Nos quadrinhos da Legião dos Super-heróis da DC Comics, existe o inusitado Digestor. O herói possuía o poder de devorar qualquer coisa com o seu “estômago de avestruz alienígena”. No mundo real, temos o francês Michel Lotito,

Conhecido como Monsieur Mangetout ou “Mr. Eats All” (devorador de tudo), Michel era capaz de consumir objetos não comestíveis como vidro, metal ou madeira. O francês possuía o distúrbio alotriofagia, uma compulsão em consumir objetos sem valor nutricional, mas em níveis alarmantes.

Por sorte, seu corpo adaptou-se ao estranho regime alimentar, permitindo que sobrevivesse. Sua maior façanha foi consumir um avião Cessna 150 inteiro ao longo de dois anos.

Devorar dezenas de cachorros quentes

Quem nunca viu uma competição de “quem come mais”? Bastante popular, alguns indivíduos são considerados atletas profissionais e competem por anos. A maioria é favorecida por uma “condição” digestiva anormal, em especial no posicionamento do estômago.

É o caso de Takeru Kobayashi, que alega que a posição do seu estômago é diferente da maioria das pessoas. Ficando abaixo do normal e associada a elasticidade padrão do órgão, ele é capaz de consumir dezenas de cachorros quentes. Seu recorde é de 69 unidades devoradas em menos de uma hora.

Hiper memória fotográfica

O mentor dos X-Men, Charles Xavier, utiliza de sua telepatia para acessar as lembranças mais profundas da mente humana. Na vida real, existem aqueles com memória fotográfica, que memorizam com facilidade informações diversas, sejam úteis e triviais. O talento vira super humano ao atingir o ápice com a hipertimesia.

A rara condição permite ao portador catalogar suas memórias como arquivos de computador. Assim, a pessoa é capaz de acessar os menores detalhes de qualquer coisa vivenciada ou vista. Até hoje, apenas 25 casos foram catalogados. A atriz Marilu Henner é uma delas. Em reportagem especial ao canal ABC, ela explicou que sua memória funciona como pequenos vídeos, que ela pode ver e rever ao falarem uma data ou momento específico.

Muitos alegam que a hipertimesia é uma necessidade mental obsessiva de reorganizar memórias. Mas estudos comprovam que pessoas diagnosticadas com a condição possuem dilatações anormais no lobo temporal, responsável por atividades ligadas à memória. Com tamanha precisão mental, Marilu Henner seria o computador mutante “Cérebro” dos X-Men da vida real!

Super flexibilidade

A flexibilidade elevada é comum em vários indivíduos, em especial artistas circenses. Mas existem casos que beiram ao sobrenatural, a exemplo de Javier Botet. Muitos o reconhecem parcialmente graças a sua atuação em filmes de terror como [REC], A Múmia, Mama e Slender Man.

E nada de computação gráfica! As criaturas sobrenaturais de flexibilidade “amedrontadoras” interpretadas por Javier são resultado da doença conhecida como síndrome de Marfan. De origem genética, ela afeta o tecido conjuntivo de todo o corpo. Como resultado, seus portadores são extremamente altos, com membros e dedos longos e uma “flexibilidade sobre-humana“.

Infelizmente, Marfan também afeta tecidos ligados ao coração, provocando defeitos no órgão e sérios problemas cardíacos. Por sorte, Javier é um dos raríssimos casos que tais problemas são mínimos.

Invulnerabilidade à ressaca do dia seguinte

Eis um poder desejado pela maioria dos festeiros! Apesar de muita gente possuir resistência à ressaca, foi o controverso Ozzy Osborn que tornou esta habilidade algo super-humano. Após admitir que bebeu, fumou, estourou e cheirou drogas pesadíssimas, o artista decidiu tirar a limpo sua resistência.

Em 2010, Ozzy teve seu genoma sequenciado e vários exames médicos realizados. Os pesquisadores afirmaram encontrar variantes genéticas “nunca vistas antes”. As regiões do genoma associadas ao alcoolismo e absorção de drogas como metanfetamina são únicas no corpo do cantor.

A beleza dos super cílios

Elizabeth Taylor por sua beleza e talento como atriz. Poucos sabem que o ícone do cinema é uma mutante! A atriz possui uma condição rara chamada distiquia, que provoca o crescimento de cílios em pontos anormais da pálpebra. Na maioria dos casos, o excesso de pelos provoca inflamação e irritabilidade.

Para Taylor, o conjunto extra de cílios e seus olhos “violetas” ajudaram a destacar a atriz no mundo cinematográfico.

Imunidade ao sono

X-men da vida real! Conheça 13 super poderes provocados por mutações. Com mutações genéticas que conferem habilidades especiais, conheça os x-men da vida real
O “sono curto” é uma rara habilidade herdada por alguns indivíduos. (Imagem: Freepik)

Essa é uma habilidade almejada por muitos. A Organização Mundial de Saúde recomenda uma noite de sono de oito horas. Mas sabemos que existem aqueles que exigem muito menos. E na maioria dos casos, o motivo é genético.

São vários os estudos ligados à chamada “ciência do sono”. Um deles é da University of California, e acompanhou uma mãe e sua filha que compartilham uma condição rara. Ambas possuem uma cópia anormal do gene DEC2, que afeta o ritmo circadiano, provocando o chamado “sono curto”. Assim, esta família em especial conseguia dormir tranquilamente por cerca de quatro horas por dia.

O “sono curto” é uma disposição genética que afeta perto de 5% da população mundial.

O mega arremesso dos seis dedos

X-men da vida real! Conheça 13 super poderes provocados por mutações. Com mutações genéticas que conferem habilidades especiais, conheça os x-men da vida real
Com seu dedo extra, Antonio Alfonseca executava super arremessos.

O crescimento de um sexto dedo é algo anormal, mas frequente na humanidade. Porém são raríssimas as vezes que tal anomalia dá origem a uma habilidade especial. No caso do ex-lançador da MLB, Antonio Alfonseca, o seu dedo extra deu origem ao mega arremesso.

Somado a um rigoroso treinamento, Alfonseca nasceu com polidactilia, anomalia que adiciona dedos extras nas mãos e pés. Apelidado pelos colegas de time como “El Pulpo” (O Polvo), o jogador ficou conhecido por um arremesso extremamente forte, gerado por sua mão de lançador com um dedo adicional 100% funcional.

Ossos inquebráveis

X-men da vida real! Conheça 13 super poderes provocados por mutações. Com mutações genéticas que conferem habilidades especiais, conheça os x-men da vida real
O poder de Willis em “Corpo Fechado” existe na vida real. (Imagem: Touchstone Pictures)

Alta densidade óssea é uma característica incomum, mas encontrada ocasionalmente em várias regiões do mundo. No filme Corpo Fechado (Unbreakable), vemos a atuação de Bruce Willis como David Dunne, um homem de meia idade que sobrevive a situação extremas devido a sua estrutura óssea sobre-humana.

Em Connecticut, a Universidade de Yale conduziu um estudo em membros de única família que possuíam uma condição genética rara que gerava poderosos e densos ossos. Além disso, os ossos eram resistentes ao efeito do tempo, provocando uma situação raríssima de anti-osteoporose. Resumindo, os ossos tornam-se mais fortes à medida que o tempo avança.

Sem impressões digitais

X-men da vida real! Conheça 13 super poderes provocados por mutações. Com mutações genéticas que conferem habilidades especiais, conheça os x-men da vida real
Nem todos possuem impressões digitais… (Imagem: pch.vector)

Um super poder digno dos grandes ladrões dos quadrinhos. Gambit, além da capacidade de carregar objetos com energia explosiva, não possuía impressões digitais. Essa habilidade especial o tornava o melhor ladrão do mundo antes de virar um herói e entrar para os X-Men.

Na vida real, a adermatoglifia é uma condição genética rara que afeta os pés e mãos dos seus portadores, afetando suas impressões digitais. O caso mais extremo registrado veio de uma mulher suíça não identificada. Ao tentar entrar legalmente nos Estados Unidos, a Imigração constatou que ela não possuía qualquer traço de impressões em seus dedos. Por lei, todo visitante estrangeiro deve registrar suas digitais ao entrar no país. Para o azar da pobre mulher, seu visto foi negado e ela nunca ingressou no país.

Resistência a doenças

Https://static01. Nyt. Com/images/2013/09/15/us/dog-crohn-obit/dog-crohn-obit-jumbo. Jpg? Quality=90&auto=webp
Stephen Crohn foi o primeiro caso registrado de total imunidade à doenças como Aids. (Imagem: The New York Times)

Você com certeza já ouvi algo como “fulano nunca fica doente” ou “tenho uma imunidade alta”. Em vários casos, o motivo está na predisposição genética a resistir a doenças. Porém, em casos de mutação genética, a resistência chega ao nível de super poder.

É o caso de Stephen Crohn, portador da mutação “Delta 32”. Graças a ela, Crohn produzia glóbulos brancos CD4 ultra resistentes. Tamanha é sua resistência que ele foi o primeiro caso registrado de completa imunidade ao vírus HIV. Infelizmente, ele faleceu em 2013 ao cometer suicídio.

Porém, os estudos  na anatomia e mutação de Crohn  criaram significativos avanços em vários tratamentos relacionados à Aids.

 

Bônus: Zé Peixe, o Aquaman Brasileiro

X-men da vida real: zé peixe.
A lenda de Zé Peixe é tão venerada que um espaço em sua homenagem foi construído. (Imagem: Governo de Sergipe)

Como não poderia faltar, trazemos um caso brasileiro. José Martins Ribeiro Nunes, conhecido com Zé Peixe, nasceu e cresceu na cidade de Aracaju, capital de Sergipe. Ele é considerado uma lenda local devido a sua extrema habilidade de nado. Seu trabalho era “prático”, uma antiga profissão de condutor de embarcações para o porto.

Dentro da água, Zé Peixe conduzia embarcações no Rio Sergipe até as margens durante três a quatro horas ininterruptas. Além da grande resistência, o prático era capaz de atravessar de uma margem a outra do rio em 15 minutos, metade do tempo normal de um atleta profissional.

*Fonte: PC Magazine
** Imagem de destaque: 20th Century Studios

Receba notícias como essa no seu email. Inscreva-se aqui:
Tags

Adicionar Comentário

Clique aqui para postar um comentário