Capa — como funciona o chromecast, a solução de streaming do google

Como funciona o Chromecast do Google

Avatar of joão pedro boaventura
Entenda como funciona o Chromecast, aparelho do Google que transmite apps de streaming, filmes, séries, música e até YouTube na TV

Com o crescimento dos serviços de streaming, tornou-se crescente e comum a procura por plataformas capazes de reproduzi-los. As Smart TVs começaram a alçar certa popularidade no mesmo período, mas nem todo mundo se via na necessidade de adquirir um aparelho novo só para conseguir assistir a seus conteúdos favoritos.

Assim, logo surgiram as TV Box, aparelhos que agem como conversores informais, capazes de reproduzir os serviços de streaming. O Google não perdeu tempo e logo lançou o seu sistema. Entenda como funciona o Chromecast, a solução de streaming do Google que funciona de uma forma própria e bastante peculiar.

O que é o Chromecast?

O Chromecast é, em sua definição mais enxuta, um aparelho capaz de conectar dispositivos mobile — como um tablet ou celular — e reproduzi-los por streaming em interfaces às quais ele está conectado, como um monitor ou uma televisão com entrada HDMI. Lançado em 2013, ele surgiu como uma alternativa aos conversores de TV Box, que simplesmente emulavam os sistemas de uma Smart TV em um televisor ou monitor sem tais capacidades. Na prática, o Chromecast simplesmente funciona como um conector direto entre o dispositivo móvel e o monitor ao qual o aparelho está conectado.

Em vez de agir como uma tv box, as edições originais do chromecast optaram por abdicar de um sistema operacional robusto para servir apenas como um receptor de transmissão da tela dos dispositivos móveis via google cast (imagem: google/divulgação)
Em vez de agir como uma TV Box, as edições originais do Chromecast optaram por abdicar de um sistema operacional robusto para servir apenas como um receptor de transmissão da tela dos dispositivos móveis via Google Cast (imagem: Google/divulgação)

Como funciona o Chromecast?

O Chromecast é um sistema construído como uma espécie de canalizador de um protocolo próprio do Google chamado Google Cast, lançado juntamente do Chromecast original, em 2013. Desde então, outros aparelhos de terceiros chegaram a incorporar o Google Cast em suas próprias funcionalidades. O Chromecast, então, é a casca capaz de armazenar o Google Cast.

Assim, para entender como funciona o Chromecast, é preciso compreender que o funcionamento se dá a partir de duas extremidades. O aparelho Chromecast serve como o receptor do sinal. Quando conectado, ele pode emparelhar e reproduzir (no monitor ou TV onde está inserido) a tela do dispositivo móvel que age de emissor do sinal. Para isso, é necessário que ambas as frentes estejam conectadas na mesma rede de internet.

Como funciona o chromecast do google. Entenda como funciona o chromecast, aparelho do google que transmite apps de streaming, filmes, séries, música e até youtube na tv
(Imagem Google/divulgação)

Nota-se que vários aplicativos, como o YouTube e a Netflix, conseguem realizar esse pareamento, bem como certos modelos de celulares que são capazes de reproduzir o próprio ecrã. O Chrome no navegador também conta com essa função de forma nativa. Com o tempo, outros browsers, como o Opera, e programas de desktop, como o reprodutor de mídia VLC, também incorporaram o Google Cast e podem ser compatíveis.

Também é válido ressaltar que outros aparelhos que não são o Chromecast podem ser compatíveis como receptores do protocolo Google Cast. Várias Smart TVs modernas, por exemplo, são compatíveis com a função, assim como plataformas diversas de TV Box.

Para verificar se algum aplicativo é compatível com o Chromecast e tem o protocolo Google Cast incorporado, basca procurar pelo Cast Icon e ver se o receptor está pronto para fazer a conexão. Do outro lado, basta verificar se a função de recepção existe e ativá-la.

Como funciona o chromecast do google. Entenda como funciona o chromecast, aparelho do google que transmite apps de streaming, filmes, séries, música e até youtube na tv
O Cast Icon é o principal indicativo de que o aplicativo é compatível com a transmissão via protocolo Google Cast. (imagem: creative commons)

Quantas versões do Chromecast existem?

Atualmente, o Chromecast está em sua quarta versão, além de contar com outras duas que funcionaram no passado como edições paralelas do Streaming do Google independentes da linha principal — e que já foram descontinuadas.

Chromecast (1ª geração)

Imagem ilustrativa do primeiro chromecast, assemelhando-se a um pequeno pen drive.
Embora o design dos Chromecast atuais sejam bem característicos, o primeiro deles se assemelhava a um pequeno Pen Drive. (imagem: Creative Commons)

A primeira edição do Chromecast chegou em 2013 e tem suporte a redes Wi-fi de 2.4 GHz e 512 MB de RAM, o suficiente para reproduzir resoluções de até 720p com uma taxa de 60 quadros por segundo. Resoluções de 1080p são suportadas, mas a taxa de quadros acaba sofrendo um revés, caindo para 30 quadros por segundo nesse caso. Ela foi descontinuada em 2015, com o lançamento da segunda geração.

Chromecast 2

O formato redondinho do chromecast 2 já é mais próximo do design característico que conhecemos hoje (imagem: creative commons)
O formato redondinho do Chromecast 2 já é mais próximo do design característico que conhecemos hoje (imagem: Creative Commons)

A segunda edição do Chromecast é bastante parecida com a primeira. Lançada em 2015, ela tem como diferencial o suporte a redes de diferentes, sendo possível transmitir pelo Chromecast através de redes de 2.5 GHz e de 5.0 GHz, conseguindo alternar entre as duas, caso necessário. Ela continua com os 512 MB de RAM e capaz de reproduzir 60 quadros por segundo na resolução 720p, embora o suporte a 1080p também exista com o revés de diminuir a taxa de quadros pela metade. O lançamento da terceira geração em 2018 sepultou o Chromecast da segunda geração.

Chromecast Audio

Imagem ilustrativa do chromecast audio plugado em uma entrada auxiliar.
O Chromecast Audio era voltado exclusivamente para a reprodução sonora e podia ser usado em entradas auxiliares como a de uma caixa de som (imagem: Google/divulgação)

Nesse meio tempo, em 2015 foi lançada uma edição paralela do Chromecast voltada exclusivamente para a reprodução de áudio, o Chromecast Audio. Embora essa versão fosse incapaz de reproduzir vídeos, essa versão do streaming do Google tinha como diferencial uma entrada para conector de áudio TRS de 3,5 mm — a entrada de áudio mais comum no mercado — e outra para o menos disseminado conector TOSLINK de fibra ótica. Foi descontinuada em 2019.

Chromecast Ultra

O chromecast ultra não é exatamente uma geração própria, mas uma edição paralela de luxo independente e que já foi descontinuada em detrimento do chromecast with google tv. (imagem: creative commons)
O Chromecast Ultra não é exatamente uma geração própria, mas uma edição paralela de luxo independente e que já foi descontinuada em detrimento do Chromecast com Google TV. (imagem: Creative Commons)

Em 2016, o Chromecast Ultra chega ao mercado. Servindo como um modelo de luxo independente da lógica sequencial dos anteriores, o modelo Ultra custava o dobro do preço, mas trazia 1GB de RAM, sendo possível transmitir pelo Chromecast imagens tanto em resolução 4K quanto em HDR. Este modelo foi descontinuado em 2020 em detrimento do Chromecast 4 com Google TV.

Chromecast 3

O chromecast 3 é uma das versões ainda com suporte oferecido pelo google, sendo uma continuação natural das anteriores (imagem: creative commons)
O Chromecast 3 é uma das versões ainda com suporte oferecido pelo Google, sendo uma continuação natural das anteriores (imagem: Creative Commons)

A terceira edição do Chromecast ainda não foi descontinuada e chegou em 2018 com um hardware aprimorado, sendo uma evolução dos modelos básicos, mas ainda inferior ao Ultra, continuando como uma alternativa econômica dentre os dongles de streaming do Google. De acordo com a empresa, o Chromecast 3 é aproximadamente 15% mais rápido, tem suporte a 1080p e consegue reproduzir vídeos de até 60 quadros por segundo nessa resolução, ao contrário dos modelos básicos anteriores.  No Brasil, o preço do Chromecast 3 fica na casa dos R$225,99 via Amazon.

Chromecast 4 com Google TV

Como funciona o chromecast do google. Entenda como funciona o chromecast, aparelho do google que transmite apps de streaming, filmes, séries, música e até youtube na tv
O Chromecast 4 com Google TV traz um sistema mais robusto que seus antecessores, contando com um sistema operacional interno e se assemelha mais a uma TV Box tradicional (imagem: Google/divulgação)

Substituindo o Chromecast Ultra, o Google lançou em 2020 o Chromecast 4 com Google TV, por vezes também conhecido apenas como Chromecast 4. Nessa versão, ele conta com 2 GB de RAM, tecnologia Bluetooth e também reproduz vídeos em 4K e HDR, igual ao Chromecast Ultra. A principal diferença dos aparelho de Streaming do Google anteriores, contudo, é que o Chromecast com Google TV se assemelha muito mais a uma TV Box no sentido de que traz consigo um sistema operacional próprio (o Google TV) em vez de apenas reproduzir o ecrã do dispositivo móvel, permitindo a instalação de diversos aplicativos de forma nativa. No Brasil, o Chromecast 4 sai por R$ 472,00 via Carrefour.

Como configurar o Chromecast?

1 — Para configurar o Chromecast, com o dispositivo em mãos, plugue-o na entrada HDMI do monitor ou aparelho televisor após conectá-lo a uma fonte de energia. Em seguida, selecione o canal HDMI correspondente à entrada à qual o Chromecast está conectado.

2 — Na interface do smartphone ou outro dispositivo móvel, baixe o aplicativo do Google Home e siga os passos na tela para configurá-lo, ativando o Bluetooth e permitindo os acessos que ele solicitar. Em seguida, selecione o “Chromecast/Google TV” na tela que pergunta “O que você está configurando?” e basta seguir as instruções na tela. Nota-se que é necessário que tanto o Chromecast quanto o seu dispositivo móvel estejam conectados à mesma conexão de internet.

Como funciona o chromecast do google. Entenda como funciona o chromecast, aparelho do google que transmite apps de streaming, filmes, séries, música e até youtube na tv
Para configurar o sue Chromecast, é necessário que todas as partes estejam conectadas na mesma rede e a utilização do aplicativo Google Home. (imagem: captura própria)

Como transmitir pelo Chromecast?

1 — Para transmitir pelo Chromecast via dispositivo móvel, basta acessar algum aplicativo compatível e procurar o Cast Icon para abrir a janela de transmissão e selecionar o Chromecast.

Como funciona o chromecast do google. Entenda como funciona o chromecast, aparelho do google que transmite apps de streaming, filmes, séries, música e até youtube na tv
Aplicativos de streaming como o Youtube e Funimation (acima) são alguns dos vários compatíveis com o protocolo Google Cast. (imagem: captura própria)

2 — De forma alternativa, alguns celulares também conseguem realizam esse emparelhamento pelo próprio sistema operacional.

Como funciona o chromecast do google. Entenda como funciona o chromecast, aparelho do google que transmite apps de streaming, filmes, séries, música e até youtube na tv
Alguns smartphones já trazem compatibilidade com o sistema do Google Cast nativamente no próprio sistema operacional (imagem: captura própria)

3 – Via desktop, também é possível transmitir pelo Chromecast via Chrome. Basta selecionar o menu de opções e escolher a opção “transmitir”.

Como funciona o chromecast do google. Entenda como funciona o chromecast, aparelho do google que transmite apps de streaming, filmes, séries, música e até youtube na tv
Também é possível transmitir a tela do Google Chrome rodando em um notebook ou Desktop através do Chromecast (imagem: captura própria).

O Showmetech teve a oportunidade de testar o Chromecast 4, confira nossa análise.

Fontes: XDA News, Business Insider, Make Use Of e Google

Inscreva-se para receber nossas notícias:

Total
7
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Posts Relacionados