Soundscape e Seeing AI são os novos apps da Microsoft para pessoas com deficiência

Soundscape e Seeing AI são os novos apps da Microsoft para pessoas com deficiência
Novidade faz parte do projeto de acessibilidade da Microsoft através do uso de Inteligência Artificial (IA) com o Soundscape e Seeing AI

Segundo dados de pesquisas recentes, existem mais de 1 bilhão de pessoas com deficiência (PCD) no mundo. Isso equivale a dizer que 1 entre 7 pessoas possui algum tipo de deficiência. Dessa população específica, 70% das deficiências são consideradas “invisíveis”, ou seja, alguma incapacidade física que não é tão evidente quanto cadeirantes ou cegos, por exemplo. Contabilizando que 70% dessas pessoas estão desempregadas, promover a inclusão desses indivíduos em um mundo cada vez mais tecnológico se torna um grande desafio.

Pensando nesse mundo que precisa de cada vez mais inclusão, a Microsoft Brasil realizou um evento digital nessa terça (20/10) para divulgar seu projeto de acessibilidade através do uso de Inteligência Artificial (IA) com o lançamento de dois aplicativos destinados a PCDs: o Soundscape e o Seeing AI. O evento contou com as participações de Rico Malver, engenheiro de destaque na Microsoft e apresentado por Alessandra Karine, Vice-Presidente para o Setor Público, Educação e Saúde e Líder de Diversidade & Inclusão na Microsoft Brasil.

Por mais inclusão através da IA para acessibilidade

A Microsoft acredita que, em nossa cultura digital, nunca foi tão importante focar em incluir pessoas com deficiência de forma a torná-las produtivas e eficientes tanto no ambiente pessoal quanto profissional. Nesse sentindo, o uso de IA no desenvolvimento de ferramentas de acessibilidade é capaz de promover a inclusão para que todas as pessoas que estão conectadas nessa gigantesca “aldeia mundial” tenham o mesmo tipo de experiência.

A IA amplifica a capacidade humana uma vez que essa tecnologia fornece diversos recursos de acessibilidade como reconhecimento de imagem, reconhecimento de fala, interação com a linguagem natural, entre outros. Bert Floyd, líder de equipe de tecnologias assistivas da TD Bank, no Canadá, comenta sobre a falta de projetos de tecnologias voltadas para a acessibilidade:

“… é como dizer a cada quinta pessoa que bate na sua porta: ‘eu realmente não quero fazer negócio com você.'”

Chamado de “AI for Accessibility” (IA para acessibilidade, em inglês), o programa de cinco anos da Microsoft e que custou 25 milhões de dólares aproveita o poder da IA para amplificar a capacidade humana em três principais área de foco: emprego, com o uso de IA para ajudar as pessoas a desenvolverem habilidades adicionais no local de trabalho; vida diária, ao construir soluções modernas para PCDs com softwares e dispositivos inteligentes; e comunicação e conexão, modernizando as opções de comunicação para as pessoas, seja como for que elas ouçam, falem ou escrevam.

Brad Smith, presidente da Microsoft, comenta sobre o programa de IA para acessibilidade e sobre a ética envolvida nesse projeto relacionada a forma como os computadores e outros dispositivos inteligentes podem auxiliar na inclusão de PCDs no mundo digital:

“Em última análise, a questão não é apenas o que os computadores podem fazer. É o que os computadores devem fazer.”

Soundscape e Seeing AI

Resultados direto do projeto da Microsoft de promover inclusão e acessibilidade através do uso de IA estão os dois programas que a empresa lança hoje: o Soundscape e o Seeing AI. Ambos os aplicativos já estão disponíveis para download em iPhones (iOS) através da App Store, com versões para Android sendo desenvolvidas futuramente.

O Soundscape é um aplicativo que explora o uso de tecnologia inovadora baseada em áudio para permitir que as pessoas, especialmente aquelas com cegueira ou baixa visão, estejam mais alerta sobre seus arredores, tornando-se assim mais confiantes e com poderes para se locomover.

O aplicativo usa pistas de áudio 3D para enriquecer a percepção do ambiente e fornecer uma nova maneira de se relacionar com o ambiente. Ele permite que você construa um mapa mental e faça escolhas pessoais de rotas, enquanto se sente mais confortável em espaços desconhecidos.

Soundscape e Seeing AI são apps para acessibilidade
O Soundscape e Seeing AI auxiliam na acessbilidade, perimtindo, por exemplo, ao portador de deficiências visuais estar mais alerta e consciente sobre seus arredores

O Soundscape fornece informações sobre os arredores com áudio binaural sintetizado, criando o efeito de som 3D. Ele pode ser executado em segundo plano em conjunto com a navegação ou outros aplicativos para fornecer um contexto adicional sobre o ambiente.

Seu smartphone, esteja ele na sua mão ou seu bolso, rastreia o movimento usando sensores de localização e atividade e permite que você se mova em direção a um “farol” de áudio auto-configurado — um ponto de interesse que é determinado pelo usuário. É altamente recomendável o uso de fones estéreo com o Soundscape para evitar distrações sonoras e permitir uma maior imersão do usuário na experiência do aplicativo.

Já o Seeing AI é um aplicativo de capacidade mais ampliada para garantir acessibilidade a pessoas com cegueira ou problemas visuais mais graves. O programa possui diversos recursos como a narração de textos curtos, fornecer orientações em áudio para a captura de uma página impressa, emitir bipes de áudio para ajudar a localizar códigos de barras, reconhecer amigos e os descrever, identificar notas e moedas, descrever cores, etc.

Soundscape e Seeing AI identificando uma nota de dinheiro
O Seeing AI pode identificar notas de dinheiro, rostos de pessoas e muito mais utilizando IA para acessibilidade

O Seeing AI funciona como se fosse seu assistente pessoal para lhe auxiliar em suas tarefas diárias e no ambiente profissional, empoderando a pessoa com deficiência a conquistar mais. Assim com o Soundscape, o Seeing AI é totalmente gratuito e capaz de narrar o mundo ao seu redor em diversas línguas como inglês, italiano, turco, holandês, alemão, francês, japonês e espanhol.

Os aplicativos estão disponíveis para o público brasileiro a partir de hoje.

Receba notícias como essa no seu email. Inscreva-se aqui:

Adicionar Comentário

Clique aqui para postar um comentário

Assine nossa Newsletter