Coachella, titane, the batman e joguinhos — showmecast #87

Coachella, Titane, The Batman e joguinhos — ShowmeCAST #87

Avatar of arthur pieri
Os destaques do Coachella, o brilho de The Batman, a bizarrice de Titane e muitos impressões sobre joguinhos: está no ar o ShowmeCAST da semana

No episódio desta semana do ShowmeCASTArthur Pieri e Letícia Leite recebem nosso coordenador de vídeo, Fernando Gomes, para comentar o que jogamos, assistimos e curtimos na última semana — destacando as principais recomendações em termos de jogos, filmes, séries e eventos.

Começamos o papo com Our Flag Means Death, uma série sobre de comédia envolvendo piratas gays que ganhou bastante relevância nas últimas semanas. Estrelando o diretor Taika Waititi, a série apresenta aspectos bem autorais do renomado diretor de cinema e se destaca pelo caráter musical em sua primeira temporada — que pode ser conferida no serviço HBO Max.

Em seguida, nosso convidado relata sua experiência com Titane, mais recente obra da diretora francesa Julia Ducournau. O filme, lançado em 2021, foi recebido com críticas muito positivas pelos festivais de cinema mais renomados ao redor do mundo por ser chocar sem muito pudor ou mensagens nas entrelinhas.

Titane (2001) foi um dos destaques do festival palma de ouro e falamos sobre ele no showmecast da semana.
Titane (2001) foi um dos destaques do festival de Cannes.

O sucesso de The Batman, mais uma vez, não passou batido em nossa conversa: nosso apresentador finalmente assistiu o mais recente filme do “morcegão” — estrelado por Robert Pattinson, Colin Farrell e Paul Dano —, e destacou cenografia, fotografia, atuações e qualidade das cenas de ação como os pontos mais positivos da obra. Além disso, ainda comentamos superficialmente como a série espanhola, Elite, perdeu relevância em sua última temporada.

O festival de música Coachella também foi um dos assuntos mais comentados nas últimas semanas, portanto não poderíamos deixar de elogiar a performance de alguns artistas durante suas apresentações — em especial as brasileiras Anitta e Pabllo Vittar, que levaram o nome de nosso país ao mundo com muita energia e representatividade.

Chegamos, então, a um bloco massivo sobre o que temos jogado nas últimas semanas. Começamos com Valorant, FPS multiplayer tático da Riot Games bastante popular nos últimos anos entre jogadores competitivos e streamers. Lamentamos a perda da equipe brasileira LOUD na disputa mais recente pelo mundial enquanto decidimos por que os chamados comfort games são tão agradáveis em nosso dia a dia.

Valorant é um fps baseado no universo de league of legends.
Valorant é um FPS baseado em heróis com habilidades específicas.

Arthur também não poderia deixar de citar os jogos da FromSoftware no episódio mais uma vez: em um monólogo que começou com a obtenção do troféu de platina em Elden Ring e se estendeu para Bloodborne e Sekiro: Shadows Die Twice, o apresentador comentou sobre como esses jogos são importantes para ele em momentos nos quais as mãos querem trabalhar sem pensar muito, apenas apertando botões e seguindo pelo caminho.

Por fim, dedicamos um tempinho para falar sobre Deceit, jogo apresentado por Fernando como um “Among Us de suspense” que tem ganhado notoriedade nas últimas semanas principalmente na Twitch e no YouTube. Esperamos que gostem do nosso papo e não deixem de comentar no post quais recomendações mais gostaram!

Veja também

Se você perdeu o último episódio do ShowmeCAST, confira nosso bate-papo sobre as mais recentes notícias da indústria de tecnologia, games e tecnologia comentadas ao lado de Renan Foka, criador de conteúdo do canal Jogazera.

Inscreva-se para receber nossas notícias:

Total
0
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Posts Relacionados