Os 50 melhores filmes da última década

Top 50 Filmes da Década
Compilamos os 50 melhores filmes dos "anos 2010" de acordo com IMDb, Rotten Tomatoes e o Metacritic; veja se o seu favorito está na lista

No começo de janeiro aconteceu o Globo de Ouro 2020, evento que premiou o melhor do cinema e da TV de 2019. E agora, em pleno ritmo de Oscar 2020 (e dias antes do anúncio de nomeados), decidimos ir além: compilamos nesta lista o melhor não somente do ano passado, mas da última década.

Para a lista, foram levados em consideração somente filmes lançados em grande circuito internacional, com piso de 50 mil votos no IMDb, lançados entre 1º de janeiro de 2010 e 31 de dezembro de 2019. A classificação foi feita por ordem decrescente de pontuação. Em seguida estão ainda as referências do Audience Score (0-100%) do Rotten Tomatoes e a pontuação total (0-100) do Metacritic. Dados coletados em 03 de janeiro de 2020.

A Origem (2010)

A Origem (2010)
A Origem (2010)

8,8 no IMDb | 91% no Rotten Tomatoes | Metascore de 74

Neste instantâneo clássico cinematográfico, vemos um futuro onde os protagonistas conseguem transferir-se ao sonho de outras pessoas, puramente pela busca de informações. De imediato, somos tomados por visuais fantásticos (mistura de efeitos práticos e digitais), trilha extraordinária (de Hans Zimmer) e uma narrativa impecável.

O elenco estelar – que em parte ainda participou de outros longas com o diretor deste, Christopher Nolan – mostra como a química de uma boa escalação consegue funcionar bem. O filme conta com Leonardo DiCaprio, que aparecerá mais algumas vezes em nossa lista.

Coringa (2019)

filmes coringa 2019
Coringa (2019)

8,7 no IMDb | 88% no Rotten Tomatoes | Metascore de 59

Há quem diga que o maior vilão do Batman não tem uma história de origem definitiva, porém neste filme vemos uma pegada inédita e pontual para Coringa. O protagonista é interpretado pelo (já premiado pelo papel) Joaquin Phoenix, que se coloca na pele de um homem aborrecido e oprimido pela sociedade, encontrando na violência sua única fuga.

Um prato cheio para fãs do audiovisual, guiado por uma atuação magistral. O sucesso também veio em números: Coringa foi o primeiro título R-Rated (a classificação “para maiores” dos EUA) a ultrapassar 1 bilhão de dólares em bilheteria mundial. Com isso, o filme também chegou ao top 50 de maior arrecadação da história.

Parasita (2019)

Parasita (2019)
Parasita (2019)

8,6 no IMDb | 93% no Rotten Tomatoes | Metascore de 96

O thriller do diretor sul-coreano Bong Joon Ho (de Okja e Expresso do Amanhã) estreou no festival de Cannes, onde venceu a Palma de Ouro. Na sequência, arrecadou mais de 120 milhões de dólares ao redor do mundo, mesmo sendo exibido em sessões limitadas – algo pouco comum de acontecer com filmes do tipo. Toda a tensão criada, a identificação com o público e as críticas sociais abordadas de maneira pouco sutil em Parasita tornaram-no um forte concorrente para Melhor Direção e Melhor Filme no Oscar – sem considerar que ele já está na lista de pré-indicados.

Interestelar (2014)

Interestelar (2014)
Interestelar (2014)

8,6 no IMDb | 85% no Rotten Tomatoes | Metascore de 74

A humanidade está em escassez de comida, nada exceto milho consegue ser cultivado e, ironicamente, entrar em um buraco de minhoca é nossa única fuga. Esta é a sinopse de um dos sci-fi mais marcantes da década. Matthew McConaughey embarca (emocional e fisicamente) em uma viagem guiada pelo diretor Christopher Nolan, que nos transporta para além das estrelas.

Vingadores: Guerra Infinita (2018)

Vingadores: Guerra Infinita (2018)
Vingadores: Guerra Infinita (2018)

8,5 no IMDb | 91% no Rotten Tomatoes | Metascore de 68

O clímax de uma construção cinematográfica de 10 anos, Guerra Infinita conseguiu dar um novo significado a “universo cinematográfico”, no que é o 19º título de histórias compartilhadas da Marvel. Um prato (audiovisual) cheio para os fãs de quadrinhos, unindo heróis/atores de todos os filmes contra o poderoso vilão Thanos.

Vingadores: Ultimato (2019)

Vingadores: Ultimato (2019)
Vingadores: Ultimato (2019)

8,5 no IMDb | 90% no Rotten Tomatoes | Metascore de 78

A sequência para o “pior” (ou talvez… melhor?) gancho que nos fez carregar desespero e angústia por um ano inteiro, desde o anterior citado acima, para finalmente termos uma conclusão neste. É como se fosse o clímax do clímax. Vale destacar que Ultimato é o filme que mais arrecadou dinheiro na história do cinema, com US$ 2,5 bilhões ao redor do mundo – batendo outros recordes no meio do caminho.

Whiplash: Em Busca da Perfeição (2014)

Whiplash: Em Busca da Perfeição (2014)
Whiplash: Em Busca da Perfeição (2014)

8,5 no IMDb | 94% no Rotten Tomatoes | Metascore de 88

O longa conta a história de um baterista (Miles Teller) que quer simplesmente ser “o” melhor, enquanto é auxiliado por seu professor musical com dureza de treinador esportivo (J.K. Simmons, que venceu o Oscar pelo papel). É uma verdadeira batalha psicológica, que transborda de pressão em ambos os lados.

Intocáveis (2011)

Intocáveis (2011)
Intocáveis (2011)

8,5 no IMDb | 93% no Rotten Tomatoes | Metascore de 57

Baseado em uma amizade real entre um milionário e seu cuidador, esta é uma comédia francesa de aquecer o coração, que fala sobre a confiança entre dois indivíduos com zero coisas em comum. O filme bateu recordes europeus e foi até adaptado pelos americanos em 2019, sob o nome de Amigos para Sempre, estrelando Bryan Cranston e Kevin Hart.

Seu Nome (2016)

Seu Nome (2016)
Seu Nome (2016)

8,4 no IMDb | 94% no Rotten Tomatoes | Metascore de 79

A animação de Makoto Shinkai é uma versão da fórmula popularizada por Se Eu Fosse Você, onde dois protagonistas do sexo oposto trocam de corpo. Porém, a execução neste filme é fantástica. Em uma jornada de auto-descobrimento e respeito ao próximo, com humor e uma dose de romance nipônico, somos apresentados a uma belíssima lição, que cabe tanto aos jovens como aos adultos.

Homem-Aranha: No Aranhaverso (2018)

Homem-Aranha: No Aranhaverso (2018)
Homem-Aranha: No Aranhaverso (2018)

8,4 no IMDb | 93% no Rotten Tomatoes | Metascore de 87

Nesta aventura onde o Aranha protagonista não é Peter Parker, vemos um balanço entre uma história com lições sérias e uma comédia pontualmente prazerosa. A narrativa é enriquecida pelos visuais de tirar o fôlego – pelo menos dos fãs de quadrinhos e/ou de animação tradicional. Aranhaverso também foi vencedor do Oscar de melhor animação, quebrando as 6 vitórias consecutivas da Disney.

Viva: A Vida É Uma Festa (2017)

Viva: A Vida É Uma Festa (2017)
Viva: A Vida É Uma Festa (2017)

8,4 no IMDb | 94% no Rotten Tomatoes | Metascore de 81

Falando em Disney, temos esta animação com atmosfera mexicana festiva, protagonizada por um garoto que quer ser músico mas é proibido por seus parentes que querem que ele siga a tradição familiar e torne-se sapateiro. O garoto é tão inspirado por seu ídolo musical que, em um ato desesperado (e ilegal), vai parar no mundo dos mortos. É vencedor do Oscar na edição de 2018.

Django Livre (2012)

Django Livre (2012)
Django Livre (2012)

8,4 no IMDb | 91% no Rotten Tomatoes | Metascore de 81

Após ser adquirido por um caçador de recompensas, um escravo gradualmente torna-se um próprio caçador de recompensas enquanto guia seu comprador. Em uma missão da dupla, coisas começam a dar errado no maior estilo de Quentin Tarantino, o diretor do longa, especialista em western e filmes com temática de vingança – que cabe bem na mistura criativa de gêneros que vemos em Django. Exageros são tratados como comédia, preconceitos como críticas e a violência é divertidíssima.

Batman: O Cavaleiro das Trevas Ressurge (2012)

Batman: O Cavaleiro das Trevas Ressurge (2012)
Batman: O Cavaleiro das Trevas Ressurge (2012)

8,4 no IMDb | 90% no Rotten Tomatoes | Metascore de 78

Terceiro filme da trilogia do Batman do diretor Christopher Nolan, Ressurge é a cereja do bolo. O vilão, interpretado pelo irreconhecível (no melhor sentido da palavra) Tom Hardy, é ameaçador e compreensível na medida certa. Mesmo sem ser tão indicado quanto seu predecessor, já que Heath Ledger dominou os prêmios póstumos, a obra consegue ser uma produção bem feita e uma conclusão satisfatória, que vale tanto aos fãs da sétima arte como aos fãs do Homem-Morcego.

Ford vs Ferrari (2019)

Ford vs Ferrari (2019)
Ford vs Ferrari (2019)

8,3 no IMDb | 98% no Rotten Tomatoes | Metascore de 81

Baseado em uma história real, vemos um designer de carros (Matt Damon) e um piloto (Christian Bale) em pleno ano de 1966, em busca da construção de um veículo revolucionário. O filme foi tão aclamado pela crítica que venceu, por exemplo, metade das indicações no Satellite Awards, levando: Melhor drama, Melhor diretor, Melhor ator (Bale), Melhor edição e Melhor mixagem/edição de som.

Toy Story 3 (2010)

Toy Story 3 (2010)
Toy Story 3 (2010)

8,3 no IMDb | 89% no Rotten Tomatoes | Metascore de 92

Andy cresce e doa seus brinquedos para uma creche. A sinopse básica é esta, mas para millennials que cresceram com os primeiros filmes, a carga emocional consegue ser bastante elevada, pois também é difícil dar adeus a estes brinquedos. A animação também deveria ter sido a conclusão perfeita para a história destes personagens – o 4º filme nunca será perdoado –, tanto que ganhou Oscar, na edição de 2011.

Green Book: O Guia (2018)

Green Book: O Guia (2018)
Green Book: O Guia (2018)

8,2 no IMDb | 91% no Rotten Tomatoes | Metascore de 69

Mais um premiado pela Academia, Green Book levou o Oscar de Melhor filme e surpreendeu a todos que apostavam na concorrência (pois é, Roma merecia ter vencido). No filme, um pianista de jazz contrata um segurança/motorista em uma turnê pelo sul americano, que era tomado pelo racismo. Com o tempo, a coexistência transforma as diferenças deles em aprendizado. A dupla de protagonistas, os atores Viggo Mortensen e Mahershala Ali, também foi indicada ao Oscar, bem como o roteiro original e a edição.

Três Anúncios para um Crime (2017)

Três Anúncios para um Crime (2017)
Três Anúncios para um Crime (2017)

8,2 no IMDb | 87% no Rotten Tomatoes | Metascore de 88

Uma mulher convicta quer justiça após a morte de sua filha e, por isso, compra três anúncios nem um pouco discretos com o objetivo de chamar a atenção do chefe de polícia local, pois ninguém foi penalizado. No desenrolar da história, vemos um filme repleto de humor ácido que não tem medo de tocar em assuntos bastante delicados. Vencedor de Oscar de Melhor atriz (Frances McDormand) e ator coadjuvante (Sam Rockwell).

Divertida Mente (2015)

Divertida Mente (2015)
Divertida Mente (2015)

8,2 no IMDb | 89% no Rotten Tomatoes | Metascore de 94

Já olhou pra alguém e pensou: o que se passa na cabeça dela?. O meme resume bem a proposta do filme, que nos leva para a cabeça de uma garota, atualmente em uma fase complicada de sua vida (cheia de mudanças), e nos mostra a personalidade bem humorada de suas cinco emoções. É mais um da lista extensa de “animações da Disney que aquecem nosso coração e ganham Oscar“.

Guerreiro (2011)

Guerreiro (2011)
Guerreiro (2011)

8,2 no IMDb | 92% no Rotten Tomatoes | Metascore de 71

Com toda a certeza, Nick Nolte surpreende neste filme que ele sequer protagoniza – a responsabilidade fica com Tom Hardy, filho dele no filme. O drama de MMA une dois irmãos distantes na disputa por um prêmio de 5 milhões de dólares. A graça é justamente você escolher para qual torcer, já que ambos possuem motivos o suficiente para ganhar a empatia do espectador.

O Lobo de Wall Street (2013)

O Lobo de Wall Street (2013)
O Lobo de Wall Street (2013)

8,2 no IMDb | 82% no Rotten Tomatoes | Metascore de 75

No filme mais bem ranqueado de Martin Scorsese (que também dirigiu o nosso 33º lugar, O Irlandês), temos um Leonardo DiCaprio corrupto e obcecado por dinheiro, em uma atuação primorosa que resultou na perda mais injusta de um Oscar de toda a história. O espetacular trabalho com as câmeras transmite toda a espetacular visão do diretor, trabalhando cada cena com maestria e nos fazendo compreender o ponto de vista único dos personagens em cena.

Entre Facas e Segredos (2019)

Entre Facas e Segredos (2019)
Entre Facas e Segredos (2019)

8,2 no IMDb | 92% no Rotten Tomatoes | Metascore de 82

Familiares lutam por uma herança que surge de forma completamente misteriosa: todos são suspeitos. A investigação do ocorrido resulta na melhor comédia do gênero (clássico “filme de detetive”), com atuações do elenco estelar, composto por Daniel Craig, Chris Evans, Jamie Lee Curtis, Toni Collette, Christopher Plummer, e Ana de Armas. O grande destaque fica pelo roteiro original, sem base literária nem a dependência de outro filme – o que foi bastante raro na década, principalmente tratando-se de um mistério à la Agatha Christie.

Logan (2017)

Logan (2017)
Logan (2017)

8,2 no IMDb | 90% no Rotten Tomatoes | Metascore de 77

Nas palavras do eterno Wolverine Hugh Jackman, essa é a última atuação dele como o personagem. Em contraponto, é a primeira vez que vemos um Wolverine feito para maiores, já que a classificação nos EUA foi R-Rated e o longa chegou aqui como “+16“. Sobre a história: o protagonista, emocional e fisicamente abalado, precisa proteger uma garota por algum motivo mas, antes de desvendá-lo, vemos que ela talvez consiga se virar muito bem sozinha.

O Quarto de Jack (2015)

O Quarto de Jack (2015)
O Quarto de Jack (2015)

8,1 no IMDb | 93% no Rotten Tomatoes | Metascore de 86

Um quarto é tudo o que um garoto fisicamente conhece. Ele convive com sua mãe, como resultado do sequestro dela, e acredita que o mundo externo é completa fantasia. Bem, pelo menos até o momento que eles saem de lá e ele precisa aprender o que é “o mundo”. A obra te fará chorar e te surpreenderá mesmo se você souber o quão linda é a história (e quanto hype foi colocado sobre ela).

O Grande Hotel Budapeste (2014)

O Grande Hotel Budapeste (2014)
O Grande Hotel Budapeste (2014)

8,1 no IMDb | 86% no Rotten Tomatoes | Metascore de 88

Com elenco estelar e direção de Wes Anderson, que carimba seu estilo de história e visuais únicos, o filme se passa quase por completo em um flashback do ponto de vista do dono do Grande Hotel Budapeste, contando como conseguiu tal feito. Uma mistura de gêneros torna o longa único, sendo guiado por suspense, comédia e (surpresa!) violência gratuita.

Garota Exemplar (2014)

Garota Exemplar (2014)
Garota Exemplar (2014)

8,1 no IMDb | 87% no Rotten Tomatoes | Metascore de 79

Se você conhece David Fincher, sabe o que esperar deste drama com pegada de thriller. A esposa do protagonista desaparece e ele precisa cuidar de sua imagem perante a mídia, de maneira similar ao que acontece com Ben Affleck, o ator que interpreta-o. É um dos poucos casos onde nenhum trailer irá alterar sua experiência, já que as surpresas não param de te cativar ao decorrer do longa.

26-50 Melhores filmes da década

Top 50 Filmes - Posições 26-30
Até O Último Homem (2016), 12 Anos de Escravidão (2013), Rush: No Limite da Emoção (2013), Spotlight: Segredos Revelados (2015), Histórias Cruzadas (2011)

26. Até O Último Homem (2016) | 8,1 no IMDb | 91% no Rotten Tomatoes | Metascore de 71
27. 12 Anos de Escravidão (2013) | 8,1 no IMDb | 90% no Rotten Tomatoes | Metascore de 96
28. Rush: No Limite da Emoção (2013) | 8,1 no IMDb | 88% no Rotten Tomatoes | Metascore de 75
29. Spotlight: Segredos Revelados (2015) | 8,1 no IMDb | 93% no Rotten Tomatoes | Metascore de 93
30. Histórias Cruzadas (2011) | 8,1 no IMDb | 89% no Rotten Tomatoes | Metascore de 62

Top 50 31-35
Os Suspeitos (2013), Mad Max: Estrada da Fúria (2015), O Irlandês (2019), Harry Potter e as Relíquias da Morte – Parte 2 (2011), Ilha do Medo (2010)

31. Os Suspeitos (2013) | 8,1 no IMDb | 87% no Rotten Tomatoes | Metascore de 74
32. Mad Max: Estrada da Fúria (2015) | 8,1 no IMDb | 85% no Rotten Tomatoes | Metascore de 90
33. O Irlandês (2019) | 8,1 no IMDb | 86% no Rotten Tomatoes | Metascore de 94
34. Harry Potter e as Relíquias da Morte – Parte 2 (2011) | 8,1 no IMDb | 89% no Rotten Tomatoes | Metascore de 87
35. Ilha do Medo (2010) | 8,1 no IMDb | 76% no Rotten Tomatoes | Metascore de 63

Top 50 Filmes 36-40
Como Treinar o Seu Dragão (2010), La La Land: Cantando Estações (2016), Lion: Uma Jornada para Casa (2016), Perdido em Marte (2015), Sing Street: Música e Sonho (2016)

36. Como Treinar o Seu Dragão (2010) | 8,1 no IMDb | 91% no Rotten Tomatoes | Metascore de 74
37. La La Land: Cantando Estações (2016) | 8,0 no IMDb | 81% no Rotten Tomatoes | Metascore de 93
38. Lion: Uma Jornada para Casa (2016) | 8,0 no IMDb | 91% no Rotten Tomatoes | Metascore de 69
39. Perdido em Marte (2015) | 8,0 no IMDb | 91% no Rotten Tomatoes | Metascore de 80
40. Sing Street: Música e Sonho (2016) | 8,0 no IMDb | 92% no Rotten Tomatoes | Metascore de 79

Top 50 Filmes 41-45
Zootopia (2016), Extraordinário (2017), O Jogo da Imitação (2014), Guardiões da Galáxia (2014), X-Men: Dias de um Futuro Esquecido (2014)

41. Zootopia (2016) | 8,0 no IMDb | 92% no Rotten Tomatoes | Metascore de 78
42. Extraordinário (2017) | 8,0 no IMDb | 88% no Rotten Tomatoes | Metascore de 66
43. O Jogo da Imitação (2014) | 8,0 no IMDb | 91% no Rotten Tomatoes | Metascore de 73
44. Guardiões da Galáxia (2014) | 8,0 no IMDb | 92% no Rotten Tomatoes | Metascore de 76
45. X-Men: Dias de um Futuro Esquecido (2014) | 8,0 no IMDb | 91% no Rotten Tomatoes | Metascore de 75

Top 50 Filmes 46-50
Blade Runner 2049 (2017), Ela (2013), Bohemian Rhapsody (2018), O Regresso (2015), As Vantagens de Ser Invisível (2012)

46. Blade Runner 2049 (2017) | 8,0 no IMDb | 81% no Rotten Tomatoes | Metascore de 81
47. Ela (2013) | 8,0 no IMDb | 82% no Rotten Tomatoes | Metascore de 90
48. Bohemian Rhapsody (2018) | 8,0 no IMDb | 85% no Rotten Tomatoes | Metascore de 49
49. O Regresso (2015) | 8,0 no IMDb | 84% no Rotten Tomatoes | Metascore de 76
50. As Vantagens de Ser Invisível (2012) | 8,0 no IMDb | 89% no Rotten Tomatoes | Metascore de 67

E aí? Seu filme favorito se encontra nesta lista? Deixe nos comentários e compartilhe com os amigos!

Fonte: Rotten Tomatoes, IMDB, Metacritic;

Receba notícias como essa no seu email. Inscreva-se aqui:

1 Comentário

Clique aqui para postar um comentário

Assine nossa Newsletter