Banco Central autoriza pagamentos e transferências por WhatsApp

Banco central autoriza pagamentos e transferências por whatsapp
Disponíveis para transações entre pessoas físicas, os pagamentos e transferências por WhatsApp podem ser feitos utilizando cartões Visa e Mastercard

O Banco Central deu autorização de funcionamento que permite a realização de transferências bancárias pelo WhatsApp. A autorização envolve a aprovação da empresa Facebook Pagamentos do Brasil como um “iniciador de pagamentos”.

Como funcionam os pagamentos e transferências por WhatsApp

Pagamentos e transferências por whatsapp
O pagamento via WhatsApp é efetuado diretamente na conversa com o lojista

A função autorizada pelo Banco Central coloca o WhatsApp somente como iniciador das transações entre contas dos clientes nas instituições financeiras em que são correntistas. Inserindo o número de cartão de débito ou pré-pago de bandeira Visa ou Mastercard, o usuário irá iniciar a transação.

Serviços que se encaixam como “iniciadores de pagamentos” mandam a transação diretamente para a instituição financeira do usuário, e o pagamento é realizado diretamente ao lojista, sem a necessidade de acessar o aplicativo ou Internet Banking, com débito direto na conta do usuário. Intermediários, como o cartão de crédito, não podem ser usados nesse tipo de serviço.

As bandeiras Visa e Mastercard receberam autorizações para dois “arranjos de pagamento” abertos, como transferência, depósito, pré-pago e doméstico. O WhatsApp também faz parte desses arranjo, que tornam possíveis as transferências pelo aplicativo de mensagens. Com isso, não só mais o aplicativo de Internet Banking ou aplicativos de bancos para funções como débito.

Arranjos de pagamentos são o conjunto de regras e normas necessárias para a realização de uma transação financeira. Esses arranjos são estabelecidos pelo Banco Central e as empresas autorizadas devem seguir as regras impostas pelo banco. O WhatsApp entra como o iniciador, os cartões das bandeiras Visa e Mastercard como instrumentos de pagamento.

Os pagamentos e transferências por WhatsApp estarão liberados na data que o aplicativo disponibilizar a função. A tarifa cobrada para cada transação ainda não foi divulgada, mas também será estabelecida pelo serviço de mensagens.

Nota do Banco Central e do WhatsApp sobre a liberação

Em nota à imprensa enviada para os sites InfoMoney e G1, o Banco Central diz que a medida de aprovação dos pagamentos pelo WhatsApp pode levar a uma redução nos custos de transações financeiras. Já o aplicativo de mensagens disse que recebeu com muita satisfação a decisão do Banco Central e que irá se empenhar nos preparativos finais para liberar a função pagamentos e transferências por WhatsApp no Brasil.

As autorizações concedidas não incluem os requerimentos da Visa e da Mastercard para funcionamento dos arranjos de compra pelo Facebook Pay. Esses ainda estão em análise.

Acompanhe mais notícias sobre o WhatsApp, como o cadastro “Não me ligue” do Procon, aqui no Showmetech.

Fonte: G1, InfoMoney

Receba notícias como essa no seu email. Inscreva-se aqui:

Adicionar Comentário

Clique aqui para postar um comentário