Conecte-se conosco
google pixel 2 capa - Review Google Pixel 2 e Pixel 2 XL

Android

Review Google Pixel 2 e Pixel 2 XL

Descubra quais as primeiras impressões dos sites estrangeiros sobre o Google Pixel 2 e Pixel 2 XL.

Google Pixel 2 and Pixel 2 XL first impressions 0 1024x592 720x416 - Review Google Pixel 2 e Pixel 2 XL

O lançamento dos novos smartphones do Google foi envolvido por promessas e expectativas. Não é para menos, sempre se espera muito da gigante das buscas. Apesar de não ter a menor previsão de chegada ao Brasil (o primeiro modelo não foi lançado aqui), vamos ver o que a imprensa estrangeira, que já teve acesso ao aparelho, está achando do Google Pixel 2 e 2 XL.

Leia também

Google anuncia Pixel 2 e Pixel 2 XL; confira os detalhes

Design

O Google optou por manter o sistema e funcionalidades dos dois aparelhos iguais, mas ainda assim deixou as telas diferentes, o que já é uma grande diferença. Considerando que as telas sem borda estão em alta, não dá para dizer que os dois são iguais.

lancamento google pixel 2 e 2 xl 008 720x405 - Review Google Pixel 2 e Pixel 2 XL

Seguindo a tendência, bordas mínimas.

Para Raymond Wong, do Mashable, apesar de ter melhorado muito em relação ao primeiro modelo, ainda falta identidade visual para os aparelhos:

“Vistos de frente, eles não parecem diferentes do que muitos outros telefones Android.”

Ele ainda analisa que a versão menor chega a lembrar celulares de 2012, devido à borda larga da tela. O novo acabamento e o vidro na parte traseira foi um acerto, assim como a função “Active Edge”, que ativa o assistente pessoal ao “espremer” as laterais. “É mais intuitivo do que parece e tem um conveniente a mais, que é poder ativar o assistente rapidamente”, conclui Wong.

Ryan Whitwam, do Android Police, elogia a textura do acabamento na parte de trás e diz ser agradável para segurar o aparelho sem que ele escorregue facilmente e essa textura se repete no sensor de impressões digitais e afirma: “os sensores parecem ser duas vezes mais rápidos que os modelos de 2016, o que os torna mais competitivos”.

Câmera

Diferentes de alguns concorrentes, tanto o Pixel 2 quanto o Pixel 2 XL têm as mesmas câmeras. Não há nenhuma diferença entre elas, o que já é um ponto positivo. Nos primeiros modelos do Pixel, de 2016, as câmeras já foram o grande diferencial, alcançando notável destaque entre os concorrentes. Este ano não poderia ser diferente.

MVIMG 20171013 064215 720x540 - Review Google Pixel 2 e Pixel 2 XL

Foto do site The Verge.

Ela lida com situações desafiadoras de iluminação sem pestanejar: luz baixa, objetos contra a luz e mãos trêmulas não são um problema para esta câmera” é o que conta Dieter Bohn, do The Verge. Ele ainda afirma que as fotos estão mais voltadas para o modo de cores naturais como no iPhone 8, em vez das cores vivas da Samsung.

Nas fotos retrato o aparelho surpreende mais uma vez, com o uso de apenas uma câmera as fotos saem ricas em detalhes e com recortes melhores que seus similares. Ponto para o sistema de reconhecimento digital de profundidade do Google.

Mas não dá para ser perfeito, a empresa falhou em um ponto importante: a falta de zoom ótico. “Fotos ampliadas de objetos a distância têm nitidamente menos detalhes“, observou Chris Velazco do Engadget. “Parece que as abordagens por computador do Google não podem resolver tudo”.

Desempenho

São incrivelmente rápidos. Essa é uma afirmação que os sites estrangeiros concordam em geral. “Multitarefa frenético (mesmo no modo de tela dividida) é uma brisa absoluta e nenhum dos jogos graficamente intensos que joguei nele apresentaram qualquer problema”, pontuou Velazco.

Google Pixel 2 nota camera 720x406 - Review Google Pixel 2 e Pixel 2 XL

Whitwam também só tem elogios: “Praticamente lag zero, mesmo durante a configuração do dispositivo, atualizando uma tonelada de aplicativos ou logo após reiniciá-lo”.

A duração da bateria está na média dos aparelhos da categoria, nada de especial mas com um desempenho de acordo com o esperado.

Conclusão

O Pixel 2 e o Pixel 2 XL têm tudo para se destacar entre os smartphones com Android deste ano.

Em seu artigo para o The Verge, Dieter Bohn conclui que o Pixel 2 é um grande celular, mas seria melhor se não fossem alguns problemas, como “a tela, o design pouco elegante e a falta de um fone de ouvido”.

Ryan Whitwam também ficou insatisfeito com a retirada dos fones de ouvido e achou redundante o reconhecimento de pressão nas laterais, uma vez que o aparelho já conta com o “Ok, Google”. Porém, finalizou seu artigo no Android Police com um veredicto positivo: “ele tem o melhor software, câmera e perspectiva de atualizações que qualquer aparelho Android“.

Velazco, do Engadget, achou este o melhor aparelho com Android que usou no ano: “Embora eu não concorde com algumas decisões do Google, algo de especial está prestes a acontecer quando uma empresa tão inteligente quanto o Google toma as rédeas de como sua visão de smartphones deve ser realizada”.

No Mashable, Raymond Wong destacou o modo retrato impressionante, a longa duração da bateria, a resistência a água e poeira, o reconhecimento de pressão nas bordas e o Google Lens. Apesar disso, criticou a falta de fones de ouvido e do carregamento sem fio, além das bordas largas do Pixel 2.

E você, gostaria que o Google Pixel 2 ou 2 XL fossem lançados no Brasil? Deixe seu comentário!

Continue lendo
Advertisement

Publicitário, tecnomaníaco, amante de viagens e fotógrafo por hobby. Conheci a BBS, joguei muito no TK 90X do meu irmão, tive um Dynavision e meu primeiro celular foi o Motorola Talkabout 182C. Vi a tecnologia evoluir e agora evoluo junto com ela, seja no iOS, Android, Mac ou Windows.

Comentários
Subir