Realme 9 com todas as cores e fundo em gradiente

REVIEW: realme 9 é o intermediário com câmera top de linha

Avatar of tiago rodrigues
O realme 9 é um lançamento bem interessante e traz uma boa tela, bom software e uma excelente câmera. Será que vale o investimento? Confira nosso review completo!

O realme 9 foi lançado recentemente, com um hardware mais simples que o realme 9 pro+, que fiz o review há alguns meses, mas ainda assim conta com algumas coisas bem interessantes, como a câmera e software atualizado.

Para fazê-lo funcionar, ele vem equipado com o Qualcomm Snapdragon 680, suficiente para que o smartphone funcione sem travar, desde que você não force a barra com jogos na qualidade gráfica mais alta, por exemplo. Vamos conferir o review?

Design

Realme 9 nas suas três cores disponíveis
realme 9 nas suas 3 cores disponíveis

Assim como no realme 9 Pro+, a versão mais modesta se destaca pela parte traseira. A cor que recebi para testes foi a dourada (Sunburst Gold) e isso o torna um dos smartphones mais únicos do mercado. As outras opções incluem o branco (Stargaze White) e o preto (Meteor Black).

Ainda sobre a parte traseira, ele é exatamente igual ao irmão mais velho na composição das câmeras e também no local onde o logotipo da realme se encontra. Isso acontece com todo o corpo do aparelho, que segue a mesma localização dos botões e conexões do realme 9 Pro+, com os botões de volume do lado esquerdo e o de energia ao lado direito e as entradas para fones e USB-C na parte inferior.

A parte traseira, apesar de muito bonita, não segue o mesmo padrão do outro aparelho e realmente parece um smartphone mais simples por aqui. É legal por ter uma cor diferenciada, mas não passa muita segurança. Apesar de incluir uma capinha no kit, não gostei da cor da mesma, já que exceto pelo modelo preto, as outras duas cores são bem marcantes e usar uma capa que tira o brilho delas é bem chato.

Já o fato de vir com uma película aplicada é algo que sempre me deixa com um sorriso no rosto. Mesmo que ela fique ali só nos primeiros dias ou meses de uso, já é um belo adianto.

Para finalizar o kit inicial do aparelho, a realme envia um carregador de 33W no conjunto que é bom, mas após ficar acostumado com o carregamento de 65W da própria marca, qualquer outro parece extremamente lento.

Tela

Tela do realme 9 com imagem de dark souls remastered
Imagem em alta resolução com brilho máximo no realme 9 fica bem bonita e nítida (Imagem: Tiago Rodrigues)

A tela do realme 9 é outro aspecto muito parecido com o modelo lançado anteriormente. Ele conta com um painel Super AMOLED e taxa de atualização de 90Hz, ótima para assistir filmes e mais fluída na hora de navegar na web ou nas redes sociais.

O display de 6,4″ consegue atingir até 1000 nits de brilho quando no máximo, tem proteção Gorilla Glass 5 e a resolução por aqui é o Full HD+ (1080 x 2400 px), com aspecto 20:9.

Uma diferença entre os dois modelos fica por conta do realme 9 não ser compatível com o HDR10+, mas sinceramente, não fez tanta falta por aqui. O sensor biométrico sob a tela está de volta e traz também a funcionalidade de medir batimentos cardíacos, mesmo ainda se mantendo como uma função mega secreta do dispositivo.

Bateria

Carregador de 33w do realme 9
Carregador de 33W do realme 9

O realme 9 conta com bateria de 5000 mAh que conseguiu se sair muito bem nos meus testes. Ele passou facilmente das 5 horas de tela em todos os dias de teste. Houve dias em que o uso foi mais simples, somente com redes sociais e algumas fotos, mas também tive dias mais puxados com games e horas de YouTube e Netflix.

Nos testes externos ele também se saiu muito bem. Saí com 100% de bateria umas 11 da manhã, usei o 4G e ouvi música no Spotify com um fone bluetooth por mais de 2 horas, além de usar o GPS e, na hora de voltar para casa, quase 18h da tarde, ainda estava com mais de 50%, mostrando que ele aguenta bem as pressões do dia a dia.

Na hora de carregar, o smartphone veio com um carregador de 33W Dart, capaz de carregar 50% em meia hora e a carga completa em cerca de 1 hora e 15 minutos. Por trabalhar com o protocolo Dart, tive o mesmo problema do realme 9 pro+ e não consegui carregá-lo com potência máxima nos carregadores GaN.

Desempenho

Apex legends mobile rodando no realme 9
Apex Legends Mobile rodando no realme 9 (Imagem: Tiago Rodrigues/ Showmetech)

Para fazer o realme 9 funcionar, ele foi equipado com o Qualcomm Snapdragon 680 4G de 6 nm Octa-Core com a GPU Adreno 610. Para complementar, temos 128 GB de armazenamento UFS 2.2 e 8 GB de memória RAM – que pode ser expandido em até 5 GB pelo sistema usando o armazenamento.

O que senti testando esse aparelho é que para as coisas do dia a dia e para assistir vídeos nos serviços de streaming, ele conseguiu ser bem mais estável que o 9+, mesmo que ele tenha um processador mais potente. Isso provavelmente acontece porque a versão mais recente está mais atualizada e com um software melhor, enquanto o outro modelo foi simplesmente esquecido no quesito updates.

Mas a maior diferença e onde o realme 9 demonstra ser realmente um dispositivo mais simples é na hora dos games. Testei alguns como Free Fire, Asphalt 9, Apex Legends: Mobile e o resultado foi o esperado. O processador roda todos eles de forma ok e sugiro não tentar aumentar muito os gráficos para evitar engasgos.

Já com games mais casuais como Subway Surfers, Candy Crush, Happy Wheels e até mesmo o Pou, tudo funciona perfeitamente sem engasgos e acredito ser o público alvo nesse quesito. Quer jogar nesse smartphone? O foco é nos joguinhos mais simples

Já nos benchmarks fiz os testes tanto no 3DMark quanto no Geekbench 5. Os resultados estão no esperado para a categoria, o que não é um problema desde que você não compre o aparelho querendo rodar os jogos com o gráfico e FPS no máximo. Confira os resultados:

Software e interface

Versão oficial do software do realme 9
Realme 9 roda o Android 12 com o realme UI 3.0

O realme 9 chega de fábrica com o Android 12 com uma interface própria que já falamos sobre por aqui. A chamada realme UI 3.0 tem tudo o que você precisa e um pouco mais. Ela é personalizável dos pés a cabeça, ao mesmo tempo que tem um visual clean, mesmo que não siga exatamente o que seria um “Android puro” como a motorola faz.

Na review do realme 9 pro+ detalhei cada aspecto dessa interface, mas tudo aquilo continua sendo aplicado por aqui, com a diferença que o sistema não foi esquecido no churrasco. Assim que configurei o aparelho, ele já recebeu duas atualizações de software que o deixaram em dia na segurança e também arrumou possíveis erros. Por algum motivo, o outro modelo estava desde o final de 2021 sem uma atualização.

Algo que tive problema antes e continua acontecendo é o smartphone da realme não ter alguns apps bem populares disponíveis na PlayStore. Entre eles estão a Netflix e o Star+. Felizmente eu encontrei uma solução e vamos de tutorial:

  1. Tenha um smartphone reserva. Pode pegar o da sua mãe emprestado;
  2. No seu novo realme, procure o app clonar telefone;
  3. Vá à opção verde onde está escrito este é o novo dispositivo;
  4. Escolha o tipo de smartphone, se é Android ou iOS;
  5. Instale o app para Android ou iOS;
  6. Pronto, transfira os apps, incluindo os que “não são compatíveis”.

É muito importante que você migre os dados de um smartphone com os apps que deseja instalar. Caso não tenha os apps instalados no outro aparelho, a migração não vai trazer os apps para o seu realme também. Se tudo correu bem, esses apps estarão funcionando numa boa e sem nenhum problema.

Câmeras

As câmeras do realme 9 foram o ponto que mais gostei de todo o smartphone. O conjunto traseiro me permitiu fazer belas fotos de dia e de noite o resultado foi satisfatório. Esse conjunto conta com 3 lentes, sendo elas uma principal de 108MP, uma lente ultrawide de 8MP com ângulo de visão de 120º e por fim uma lente macro de 2MP.

O destaque maior fica para a lente principal que não decepciona e mesmo a noite, se as condições de luz estiverem favoráveis, consegue entregar fotos excelentes. A Ultrawide é legal para o que se propõe, mas não surpreende e a macro… é uma das lentes já feitas.

A lente principal usa o sensor Samsung HM6 com a tecnologia Nonapixel Plus que permite mais luz entrar, mesmo em ambientes mais escuros. Os resultados são muito bons e ter uma opção de dar zoom de 3x no app da câmera de forma nativa permite fotos criativas sem perder qualidade.

Os vídeos conseguem atingir apenas o 1080p a 30FPS, mas pelo menos conseguimos mudar entre uma lente e outra enquanto gravamos. Confira algumas fotos que tirei com o conjunto traseiro:

Já no assunto selfies, a realme colocou uma lente de 16MP por aqui e ela deve ser satisfatória para a maioria dos usuários. Em boa iluminação, ela consegue fazer um bom trabalho, mas não force a barra no escuro. Confira algumas fotos:

Áudio

O realme 9 infelizmente não segue o caminho do irmão mais velho nesse aspecto e opta por ter apenas uma saída de som. Entendo que isso em tese deixaria o smartphone mais caro, mas acho que seria um “mimo” interessante para o aparelho; outros aparelhos como o Redmi Note 9 contam com isso, na mesma faixa de preço.

Algo que agrava a situação por aqui é a realme deixar um software parecido com o que o Dolby Atmos faz, mas que ao invés de deixar o áudio melhor, piora a situação, seja na saída de som ou até mesmo nos fones de ouvido.

Por falar em fones de ouvido, por aqui você não vai precisar de adaptadores ou de fones bluetooth se não quiser, já que ele ainda mantém a saudosa entrada p2 que jamais deveria ter sido abandonada.

Conclusão e disponibilidade

O realme 9 ser lançado depois do seu irmão mais velho é uma decisão um tanto quanto estranha já que ele tem praticamente o mesmo valor oficial da versão melhorada, mas cortes significativos nas partes gráfica e de som.

O que vai contar aqui são as suas necessidades. Se o objetivo for apenas um smartphone simples que segure a onda nas redes sociais e joguinhos mais leves, mas que tenha uma ótima câmera, o realme 9 vai ser ótimo para você. Agora, se você está buscando um desempenho melhor nos games e não liga tanto assim para fotos, sugiro procurar a concorrência.

O preço oficial do realme 9 aqui no Brasil é de incríveis e salgados R$2.999,00, R$500 mais em conta que a versão Pro+, também no preço oficial. Por ambos os valores, a minha sugestão é procurar modelos mais interessantes de outras marcas, mas caso queira muito o realme 9, pode comprá-lo na Amazon por R$1768 em até 10x.

Especificações técnicas

Traseira dourada do realme 9 na cor dourada
Traseira dourada do realme 9
Modelorealme 9
Marcarealme
Memória interna128 GB
Memória RAM8 GB
Tipo de telaSuper AMOLED 90 Hz
Tamanho da tela6,4″
Peso178 g
Alto-falantesSaída de som única na parte inferior
Entrada para fones de ouvidoSim, de 3,5 mm
Resolução da tela1080 x 2400 pixels
ConectividadeWi-Fi 802.11 a/b/g/n/ac, dual-band, hotspot
Bluetooth 5.1
A-GPS, GLONASS, GALILEO
ProcessadorQualcomm SM6225 Snapdragon 680 4G (6 nm)
Octa-core (4×2.4 GHz Kryo 265 Gold & 4×1.9 GHz Kryo 265 Silver)

GPU Adreno 610
Sistema operacionalAndroid 12 com Realme UI 3.0
Quantidade de chipsDual SIM (nano-SIM)
Câmeras traseiras108 MP, f/1.8, 26mm (wide), 1/1.67″, 0.64µm, Dual Pixel PDAF
8 MP, f/2.2, 120˚ (ultrawide), 1/4″, 1.12µm
2 MP, f/2.4, (macro)
Câmera de selfie16 MP, f/2.5, 26mm (wide), 1/3.09″, 1.0µm
SensoresImpressão digital sob a tela
Sensor de monitoramento cardíaco sob a tela
Acelerômetro
Proximidade
Giroscópio
Bússola
Redução de Ruído
Capacidade da bateria5000mAh com carregador de 33W na caixa
Preço e disponibilidadeR$2.999,00 (sugerido)
R$1768 na Amazon

REVIEW: realme 9

REVIEW: realme 9
8 10 0 1
O novo intermediário da realme pode ser uma boa escolha se você estiver buscando um aparelho simples para redes sociais e games leves, mas ainda assim com uma câmera de excelente qualidade. Ele só não faz sentido quando está pau a pau com o irmão mais velho que oferece um desempenho melhor em tudo.
O novo intermediário da realme pode ser uma boa escolha se você estiver buscando um aparelho simples para redes sociais e games leves, mas ainda assim com uma câmera de excelente qualidade. Ele só não faz sentido quando está pau a pau com o irmão mais velho que oferece um desempenho melhor em tudo.
8/10
Total Score
  • Design
    7/10 Bom
  • Tela
    8/10 Ótimo
  • Bateria
    9/10 Incrível
  • Desempenho
    7/10 Bom
  • Áudio
    5/10 Indiferente
  • Câmeras
    10/10 Excelente

Prós

  • Câmera principal de alta qualidade
  • Bateria dura bastante
  • Software atualizado

Contras

  • Preço elevado para o que oferece
  • Não tem áudio estéreo
  • Carregador poderia ser mais potente

Inscreva-se para receber nossas notícias:

Total
1
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Posts Relacionados