“Stardust”, o filme sobre David Bowie e seu alter ego Ziggy Stardust

Imagem promocional de Stardust
"Stardust" cobre os primeiros anos da carreira de David Bowie, e o momento que cantor criou o seu alter ego Ziggy Stardust. Filme está disponível na Mostra SP

O filme Stardust, que será lançado esse ano, baseia-se em fatos reais e em uma viagem que David Bowie realizou aos Estados Unidos em 1971. Nesta viagem, o cantor, com apenas 24 anos, teria criado seu alter ego Ziggy Stardust, personagem que adotou entre 1972 e 1973 quando lançou seu álbum “The Rise and Fall of Ziggy Stardust and the Spiders from Mars“.

O filme, que é dirigido por Gabriel Range e tem no papel principal o ator Johnny Flynn, conhecido por filmes independentes como “Emma.” de 2020 e pela série “Lovesick“, que teve 4 temporadas e está disponível no Netflix.

Stardust é uma homenagem sem o aval da família do cantor

Já se passaram quatro anos desde a morte do cantor britânico David Bowie. No mesmo ano de sua morte, em 2016, Bowie foi homenageado no Grammy, com uma performance icônica de Lady Gaga.

Já em 2017, a BBC produziu um documentário chamado “David Bowie: The Last Five Years“, que cobria a produção do álbum “The Next Day” (2013), o musical da Broadway “Lazarus” — que estreiou em 2015 e tinha no papel principal Michael C. Hall, da série Dexter — e o último trabalho de Bowie, “Blackstar” lançado apenas 2 dias antes da sua morte em 2016.

Desde então nenhum outro estúdio “ousou” produzir material baseados no cantor.

Para quem não conhece muito do cantor, com certeza vai identificar toda a maquiagem e figurinos da era Ziggy Stardust, pois ela se tornou ícone na cultura pop. Você com certeza já viu esse tipo de representação de David Bowie:

Ziggy Stardust
Maquiagem icônica da era Ziggy Stardust.

Porém uma curiosidade: “Stardust” não recebeu o aval da família do cantor — e eles detêm todos os direitos musicais do falecido artista.

Inclusive, em uma série de tweets de 2019, Duncan Jones — filho de Bowie, que é um competente diretor de cinema — afirmou que nenhum direito musical fora dado para o filme, que na época se encontrava em produção. Jones inclusive chegou a falar: “Se você quiser ver um filme biográfico sem a música dele ou a bênção [da família], é uma escolha pessoal sua.”

O filme, no entanto, seguiu produção. Não é incomum filmes sobre cantores famosos, sem de fato conter suas músicas originais. Dois filmes já foram muito bem sucedidos em fazer isso: “Controle — A História de Ian Curtis” de 2007, sobre o vocalista da banda Joy Division Ian Curtis e “O Garoto de Liverpool“, sobre os primeiros anos de John Lennon, antes de se tornar integrante dos Beatles.

Poster de Stardust
Poster de Stardust

Stardust chega aos cinemas (nos países que estiverem com as salas de exibição abertas) e nas plataformas digitais no dia 25 de Novembro. No Brasil, já está disponivel na Mostra Play, a versão online da Mostra Internacional de Cinema de SP. O preço é de R$ 6, e o filme fica disponível por 48 horas para assistir.

Confira o trailer (em inglês) abaixo:

E você? O que achou do trailer? Johnny Flynn parece Bowie? Deixe suas opiniões nos comentários!

Receba notícias como essa no seu email. Inscreva-se aqui:

Adicionar Comentário

Clique aqui para postar um comentário

Assine nossa Newsletter