WhatsApp agora pede autorização do usuário antes de incluí-lo em grupos

Fake News
Ao invés de incluídos à força, usuários poderão optar se entram ou não em um grupo

O WhatsApp anunciou hoje que o aguardado recurso que permite bloquear a inclusão automática – e não solicitada – do seu número em grupos começou a ser liberado para os usuários.

O bloqueio passa a valer quando o usuário ativar uma nova opção disponível em Configurações > Conta > Privacidade > Grupos.

A partir daí, ao ser incluído em um novo grupo, o usuário receberá um convite válido por 72 horas e poderá decidir se aceita ou não participar. O aplicativo oferecerá três formas de restringir a inclusão em grupos:

  • Todos: qualquer pessoa poderá adicioná-lo a um grupo, sem depender da sua permissão.
  • Apenas contatos: o usuário poderá ser incluído de forma automática em grupos apenas pelos seus contatos. Caso seja adicionado por alguém que não pertença à lista de contatos, receberá um convite.
  • Ninguém: o usuário não poderá ser adicionado a nenhum grupo sem consentimento.
WhatsApp pedirá permissão para incluir o usuário em um grupo. Imagem: VentureBeat
WhatsApp pedirá permissão para incluir o usuário em um grupo.
Imagem: VentureBeat

A funcionalidade já estava sendo testada nas versões Beta do aplicativo e começará a chegar nos próximos dias para donos de aparelhos iPhone e Android, portanto não se assuste se a opção ainda não estiver disponível no seu WhatsApp.

Conteúdo falso no WhatsApp

Os grupos são um componente extremamente importante na experiência dos usuários do WhatsApp, mas também uma fonte interminável de frustrações e conteúdos indesejados como notificações em massa, spam, propagandas, fake news, etc.

“As people turn to groups for important conversations, users have asked for more control over their experience”

Declaração emitida pelo WhatsApp

É importante ver que os desenvolvedores do aplicativo estão trabalhando para dar ao usuário mais controles de privacidade sobre como a ferramenta é utilizada, mas o timing de lançamento indica que a pressão sofrida pelo WhatsApp – especialmente na União Europeia e na Índia, que terão eleições em breve – tem levado a companhia a tratar do assunto com mais seriedade.

Um detalhe importante é que essa mudança não afetará a entrada em grupos realizada através de links de compartilhamento, pois entende-se que o usuário já está aderindo ao grupo por vontade própria.

Instale agora mesmo o WhatsApp no seu computador

Saiba como baixar e instalar o WhatsApp no seu computador com Windows ou Mac. Confira nosso vídeo, dá like e compartilha com os amigos!

Fonte: VentureBeat

Adicionar Comentário

Clique aqui para postar um comentário

Deixe uma resposta