Imagem do megacometa k2

Megacometa K2: como assistir à passagem próxima da Terra

Avatar of victor pacheco
Conheça horários, direções e uma transmissão ao vivo da passagem do megacometa K2 próxima à Terra, que acontece do dia 13 para o dia 14 de julho

A noite do dia 13 de julho para o dia 14 será mais que especial para os fãs de astronomia pois o megacometa K2 estará mais próximo da Terra em uma passagem inédita. Não será possível vê-lo a olho nu, então vale lembrar que um telescópio ou binóculo proporcionará aquela vista especial.

De acordo com o site Sky Live, brasileiros poderão ver C/2017 K2 (PanSTARRS) a partir das 00h14 do dia 14 de julho pelo horário de Brasília. Neste momento, o cometa estará a 270,5 milhões de quilômetros de nosso planeta. Importante dizer que quem para conseguir ver a passagem com melhor qualidade, é necessário fazer o uso de um binóculo ou telescópio e apontar o objeto para o horizonte da direção Noroeste, durante a madrugada de quarta para quinta-feira.

Este corpo celeste, que possui o codinome completo de C/2017 K2 (PanSTARRS), foi descoberto por astrônomos em 2017 e mesmo estando longe do sol, estima-se que ele tenha entre 18 e 160 km de diâmetro. Apesar do grande debate e a definição correta ainda não poder ser definida, os cientistas confirmam que ele é muito maior que o Cometa Halley, que tinha um núcleo entre 8 a 15 km de diâmetro.

Imagem do megacometa k2 capturada pela nasa
Cometa foi visto pela primeira vez em 2017 (Foto: Divulgação/NASA)

Já se sabe que o megacometa K2 é originário da Nuvem de Oort, uma grande concentração de cometas que a NASA acredita existir no limite do sistema solar, localizada a uma distância de 100.000 UA (UA significa unidade astronômica e corresponde a 149.598.000 km ou a distância média entre a Terra e o Sol).  A Nuvem de Oort também está a um quarto da distância a Proxima Centauri, a estrela mais próxima do Sol. 

Nuvem de oort
Nuvem de Oort está localizada na “saída” do sistema solar (Foto: Reprodução/Internet)

Transmissão ao vivo passagem do megacometa K2 próximo à Terra

A equipe do projeto The Virtual Telescope preparou uma transmissão ao vivo para quem deseja ver o megacometa K2 pela imagem de uma lente de alta qualidade. Apesar de informarmos que o cometa estará visível no Brasil por volta das 00h14, uma transmissão ao vivo no YouTube foi programada para amanhã, a partir das 19h15 pelo horário de Brasília. Após trabalhar ou estudar durante toda a quinta-feira, basta dar play neste vídeo:

Esta outra transmissão no YouTube já se iniciou e pode ser uma alternativa interessante para quem deseja ver todo o trajeto do megacometa próximo de nosso planeta:

Os astrônomos indicam que esperam que o megacometa K2 ficará mais brilhante assim que ele começar a chegar mais perto do Sol, trajeto que será finalizado no dia 19 de dezembro deste ano. John Noonan, observador profissional de cometas, em uma entrevista ao site Space.com, lembra que a possibilidade de ver a passagem de uma forma mais nítida depende mais da quantidade de luz solar que o megacometa está recebendo e da distância da qual o mesmo estará da Terra.

Dados do Telescópio Hubble já informaram que o megacometa K2 expele gases voláteis congelados, provavelmente oxigênio, nitrogênio, dióxido de carbono e monóxido de carbono. Como está ficando mais próximo do Sol, os próximos meses serão utilizados pelos astrônomos para saber mais sobre a origem e principalmente seu papel na criação do Sistema Solar, que aconteceu há 4,6 bilhões de anos.

Você assistirá à passagem próxima à Terra hoje? Diga pra gente nos comentários!

Veja também

Confira as melhores fotos e vídeos do eclipse total da lua de maio de 2022

Fontes: Space.com l Sky Live l The Virtual Telescope

Inscreva-se para receber nossas notícias:

Total
1
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Posts Relacionados