Divulgada lista dos sistemas com mais vulnerabilidades de 2014

os

Agora em fevereiro a empresa GFI divulgou uma pesquisa apontando quais são os sistemas operacionais mais vulneráveis. A análise foi realizada baseado nos dados divulgados pelo governo americano no National Vulnerability Database (NVD), ou Base Nacional de Vulnerabilidades em português.

De acordo com o estudo, somente em 2014, foram adicionadas 7.038 novas vulnerabilidades na base de dados do NVD, ou seja, cerca de 19 novas vulnerabilidades a cada dia. Isso representa quase o dobro dos números de 2013 e fortalecem a tendência de crescimento dos últimos anos.

vulnerabilidades-os-ano-grafico

Vale ressaltar que a grande maioria das falhas não são dos sistemas operacionais e sim de sistemas terceiros que representam 83% dos casos. Os sistemas operacionais são responsáveis por 13% das vulnerabilidades, enquanto falhas de hardware ocorrem apenas em 4% dos casos.

Entre as falhas de sistemas operacionais o sistema que lidera é o Apple OS X, seguido pelo Apple iOS. O fato da Microsoft ter várias versões do Windows as falhas ficam pulverizadas, mas são quase a mesma quantidade das falhas da Apple.

tabela-vulnerabilidades

Analisando as vulnerabilidades por plataforma fica mais evidente a o empate técnico entre Apple e Microsoft e a baixa quantidade do Linux. Vale ressaltar que nesta conta, toda a plataforma Android foi considerada como sendo Linux, e uma vez que o Sistema Móvel do Google possui cerca de 90% do mercado mobile mundial não é pouca coisa.

grafico-vulnerabilidades-os

Falando de vulnerabilidades das aplicações de terceiros, o líder disparado é o navegador Internet Explorer, seguido pelos seus principais concorrentes Chrome e Firefox. Na sequência temos o Java e a surpresa da lista, Apple TV.

grafico-vulnerabilidades-aplicacoes

O levantamento serve para deixar claro que não existe sistema seguro. O importante é manter o seu sistema sempre atualizado e usar o antivírus, quando isso for aplicável. Fora isso o comportamento do usuário é o mais fundamental para a segurança, pois não adianta um sistema seguro quando o usuário autoriza a instalação de qualquer aplicação desconhecida.

Fonte: GFI

8 Comentários

Clique aqui para postar um comentário

Deixe uma resposta

  • Pq diabos somar as falhas de diversos SOs da MS e da apple? Vc opera com um único SO…
    Se for assim, vamos pegar tb todas as distros de linux e somar as falhas tb.
    Por favor, pare de manipular dados pra favorecer uma ou outra filosofia

    • Infelizmente só vi hoje seu comentário, desculpe pela enorme demora na resposta.

      Os dados foram agrupados de acordo com o disponível na pesquisa. A pesquisa considerou falhas no kernel linux, ou seja, TODAS as distros estão inclusas, uma vez que todas utilizam o mesmo kernel como base de sistema. Inclusive, deixei claro que até o Android está incluso na conta. Conforme dito no texto os dados foram extraídos da Base Nacional de Vulnerabilidades, mantida pelo governo americano. Se alguma falha não consta na lista, não é culpa deste editor e nem do grupo GFI que minerou os dados e sim do governo americano que não listou a falha ou de especialistas em segurança que não reportaram a falha para ser listada.

      Mas lembre-se que este ponto da pesquisa aponta apenas falhas no Sistema Operacional e não em aplicativos de terceiros, sendo assim, faz todo o sentido agrupar por plataforma.

      Sinceramente não vi filosofia alguma sendo defendida ou favorecida no texto, inclusive o último paragrafo deixa claro que não existe sistema seguro, devemos apenas escolher o que melhor se adapta a nossa necessidade e ter sim um comportamento seguro.

      Nenhum dado foi manipulado, a tabela completa de sistemas operacionais está ali, logo acima do gráfico e no final da matéria existe um link para a matéria original, em inglês, onde todos os mesmos dados estão disponíveis.

      • Ainda assim é de se assustar… Sinceramente não acredito no tal “esforço” a favor da segurança que a Microsoft diz que faz. Sinceramente uso Windows mas sei lá fico naquela quando navego na internet ou faço uma transação bancária pelo Notebook me sinto realmente inseguro essa é a verdade. Vi na matéria original que o Kernel Linux tem menos vulnerabilidades que o Windows 10 ou seja kkk me deixou mais aliviado… Sempre fui adepto do Linux e constante usuário, retornei ao Windows devido meu trabalho, mas é como disse não me sinto seguro utilizando esse sistema sei lá se é paranoia minha mas não me sinto seguro.

      • Ainda assim é de se assustar… Sinceramente não acredito no tal “esforço” a favor da segurança que a Microsoft diz que faz. Sinceramente uso Windows mas sei lá fico naquela quando navego na internet ou faço uma transação bancária pelo Notebook me sinto realmente inseguro essa é a verdade. Vi na matéria original que o Kernel Linux tem menos vulnerabilidades que o Windows 10 ou seja kkk me deixou mais aliviado… Sempre fui adepto do Linux e constante usuário, retornei ao Windows devido meu trabalho, mas é como disse não me sinto seguro utilizando esse sistema sei lá se é paranoia minha mas não me sinto seguro.
        Queria mesmo eram provas contundentes de que o Windows realmente tem um mecanismo de segurança válido e que de fato funciona e ainda por cima tem essa telemetria que não consigo desativar por completo no Windows 10, está sendo que tem toda a balela de que tem que ser utilizado para melhorar a experiência do usuário e bla bla bla não acredito que o cara tenha que saber o que eu faço no meu notebook comprado com eu dinheiro para melhorar um serviço que eu utilizo. Comprei Windows 10, quer dizer o Windows 7 PRO e atualizei para o Windows 10 PRO e hoje vejo que não consigo desativar a telemetria sendo um usuário de Windows 10 PRO só conseguo se eu for um usuário Enterprise, ou seja, paguei caro por um sistema que é PRO ou seja tenho mais e mais funcionalidades paguei por isso e não posso gozar das funcionalidades do sistema como eu bem quero… Estou preso em uma prisão sem grades por assim dizer… é foda

      • Engraçado acabo de “rodar” o malwarebytes em meu notebook e o que encontro, um malware na espreita só esperando pra encher minha máquina com porcarias e não instalei nada de diferente em “meu” sistema durante esses dias. Enfim… que segurança é essa… complicado.