As panteras do lula: showmetech entrevista zel junior

Por Trás do Meme: entrevistamos Zel Junior, youtuber de “As Panteras do Lula”

Avatar of letícia leite
Mais de 250 mil vizualizações em 24 horas. Esse é o “As Panteras do Lula”, hit do youtuber Zel Junior, que conversou com o Showmetech!

Um fake trailer, formato de paródia em que o conteúdo atrai o público para um filme que não existe, foi a maneira ideal que Zel Junior encontrou de expressar suas ideias, anseios artísticos e posicionamento político num lugar só. O jovem criador de conteúdo de 24 anos e morador da zona leste de São Paulo ganhou notoriedade entre o público e a mídia brasileira nos últimos meses por conta de “As Panteras do Lula“.

Com um audiovisual impecável, digno de uma produção hollywoodiana, críticas ao governo brasileiro são envolvidas em referências estéticas e culturais dos anos 2000. Como está sendo para o Zel lidar com um hit tão grande? Quais são os próximos passos do youtuber? Ele responde a tudo isso em entrevista ao Showmetech!

Sobre o que é As Panteras do Lula?

A junção do clássico de ação da cultura pop As Panteras — também conhecido como Charlie’s Angels — e um dos mais proeminentes nomes do cenário político brasileiro, traz curiosidade para quem ainda não esbarrou pelo conteúdo nas redes sociais ou em alguma conversa entre amigos. Na paródia, Lula é o Charlie, ou seja, chefe do esquadrão de agentes integrado por Diana Martins, Jade Mascarenhas e pelo próprio Zel Junior, que devem combater os “robôs do Bolsonaro“.

O trailer com pouco mais de dois minutos entrega tudo que precisamos: ação, comédia, looks e pessoas LGBTQIA+ protagonizando clichês que a gente adora. Porém, a luta retratada ali não é nada clichê. Além disso, quando falamos de efeitos visuais e edição dignos de longa metragens do mais alto calibre, não estamos exagerando. Assista e tire suas próprias conclusões:

Ao somar as visualizações do YouTube, Instagram, TikTok e Twitter, As Panteras do Lula já atingem 1,5 milhão desde sua data de postagem, 29 de março. Com todo o sucesso do projeto, Zel Junior também participou do clipe “BONEKINHA” da Gloria Groove e se prepara para seus próximos vídeos.

Começo da carreira e referências artísticas

De acordo com Zel, tudo começou com o Vine, plataforma de micro-vídeos em que chegou a postar periodicamente por apenas 2 meses, por conta da falência da empresa. Foi ali que o criador de conteúdo percebeu que curtia bastante o audiovisual, resolvendo migrar para o YouTube. Desde 2017, quando começou a postar no canal, seus vídeos possuem uma pegada mais cinematográfica. Isso tem origem nas divas pop.

Sou muito impactado por clipes de divas pop e as que eu acompanho sempre fazem essas criações altamente produzidas, como Taylor Swift e Lady Gaga. Em 2015, quando assisti Bad Blood, lembro que postei no Snapchat algo como “eu ainda vou fazer um vídeo de ação, gente”.

Zel Junior

Dois anos depois, o vídeo Anitta x Pabllo Vittar chega ao mundo, considerado como um grande injustiçado por Zel.

Acho que é o meu vídeo favorito, pois a forma como ele é construído me anima muito. Ele não tinha roteiro, só pegamos a câmera e fomos gravar, então o roteiro foi surgindo na hora. Foi esse trabalho que abriu a porta para todos os vídeos que eu faço hoje.

Zel Junior

Custos das produções e rotina

Difícil de imaginar, mas sim, Zel produz, edita, faz figurino, aluga locação e equipamento, tudo sozinho. Inclusive, ele até cita uma história engraçada (trágica na época) de quando começou a fazer os vídeos. Ele trabalhava de atendente numa padaria e chegou a fazer um empréstimo para comprar uma câmera, o que virou uma bola de neve, transformando-se numa dívida de 20 mil reais.

Depois eu tive que vender a câmera pra quitar o empréstimo. É um rolê pra conseguir produzir aqui no Brasil, nós temos que dar muitas voltas. Por exemplo, As Panteras do Lula, eu comecei a comprar partes do figurino em janeiro de 2021, pra um vídeo que a gente começou a gravar em julho

Zel Junior
Cena de as panteras do lula
Zel fez figurino, efeitos especiais, editou, atuou, investiu em locação, promoveu…
Imagem: As Panteras do Lula

Vale destacar o fato de que esse tipo de produção não é nada simples e muito menos se desenvolve de imediato. E por mais que o youtuber edite, dirija, faça o roteiro e tudo mais, ainda assim é necessário pagar o elenco, fazer o figurino, aluguel de equipamento, filmmaker e locação. Então, custando bem caro, por isso Zel produz e posta quando é possível.

O fundador do Movimento Brasil Livre (MBL), Renan Santos, chegou a acusar Zel Junior de ter feito o vídeo com recursos partidários, insinuando que a produção teria custado por volta de 200 a 300 mil reais. O que chega a ser lisonjeiro, segundo Zel, pois ele desembolsou 10 mil reais ao todo para As Panteras do Lula, vindos diretamente do próprio salário que ganha com edição de vídeos para outros artistas.

“Não vou tolerar isso só porque um cara acha muito difícil um gay, nordestino e periférico ser capaz de dirigir, roteirizar, editar e fazer efeitos especiais. Não se deram nem ao trabalho de pesquisar sobre o meu canal, faço isso há anos, existem vídeos tão bons quanto ‘As Panteras do Lula’ e que eu fiz com menos de cem reais”.

Declaração de Zel Junior em resposta à acusação de Renan Santos

A produção independente e de baixo orçamento é até mesmo piada para o youtuber:

Arte e posicionamento político

Os vídeos do canal de Zel Junior possuem não só críticas ao governo, como também à religião. Logo, muitas marcas podem ver essas questões como uma barreira para possíveis parcerias, mas isso não desanima o artista. Ele frisa que ainda há outras maneiras de marcar abrirem portas, desde trabalhos de edição até o auxílio em alguma outra produção, e é assim que vai se preparando para os meus próximos vídeos.

"oi, lula! ", em alusão à famosa cena em que as panteras cumprimentam charlie
“Oi, Lula!”, em alusão à famosa cena em que as Panteras cumprimentam Charlie
Imagem: As Panteras do Lula

Como artista, Zel ainda comenta que se fosse para desempenhar apenas um papel, como o de diretor ou ator, ele não curtiria.

O que eu gosto é o conjunto de tudo. Não consigo imaginar alguém escolhendo a roupa que eu vou usar num vídeo. Eu me envolvo muito com trabalhos específicos, como esses de edição para empresas ou agências, já que é forma que eu sobrevivo. Porém, nos meus vídeos, é onde eu me sinto completo artisticamente.

Zel Junior

Por mais conteúdo LGBTQIA+ clichê

Pôster de as panteras em cena do vídeo de zel junior
Pôster de As Panteras em cena do vídeo de Zel Junior
Imagem: As Panteras do Lula

Além da necessidade de se expressar, a criação de vídeos também surge como uma maneira de representar algo para outras pessoas. Zel conta que sempre quis ver um gay lutando de salto. Uma vontade totalmente sensata, já que não encontramos obras de pessoas da comunidade LGBTQIA+ fazendo coisas clichês do mainstream.

As Panteras do Lula é um filme que eu queria ter visto quando criança na Sessão da Tarde. É uma homenagem ao que eu gostaria de assistir.

Zel Junior

Queremos lutar por um bem maior, mas às vezes, a gente só quer uma grande briga no Twitter por diva pop.

Próximos passos

O próximo vídeo já tem data marcada: 19 de outubro. Seguindo seu sonho, Zel quer produzir um especial de Halloween todo o ano. Kim Petras é sua grande inspiração neste projeto. A cantora trans recebe muitos ataques nas redes sociais, religiosos aparecem na entrada de seus shows, todos com o mesmo discurso: “você é uma aberração, um monstro”. Ao se apropriar de tais termos, ela cria o álbum Turn Off the Lights, tendo o terror como sua principal temática.

Capa do álbum turn off the lights, de kim petras
Capa do álbum Turn Off the Lights, de Kim Petras
Imagem: Divulgação

Eu já tinha essa ideia de fazer algo de terror no Halloween, mas quando ouvi o álbum, fiquei obcecado. Pensei: “eu quero morrer de salto alto numa floresta, perseguido por um assassino em série. Preciso fazer isso!”. Quero algo bem clichezão, lotar de referências dos filmes dos anos 80 e 90, além de trazer pra realidade brasileira. Tô muito ansioso para fazer isso!

Zel Junior

E já tem teasers do que por aí!

Por fim, vale mencionar a animação de Zel sobre seu próximo vídeo, o especial de Halloween. Desejamos boa sorte, sucesso e que apareça mais vezes pelo Showmetech.

Veja mais

Para facilitar sua vida nestas eleições, saiba como votar com o título de eleitor digital!

Inscreva-se para receber nossas notícias:

Total
4
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Posts Relacionados