Filmes não convencionais baseados em quadrinhos

40 filmes não convencionais baseados em quadrinhos

Avatar of iris xavier
Muitos filmes baseados em quadrinhos fogem dos clássicos filmes de heróis e passam despercebidos. Confira se você conhece a origem dos filmes na lista!

Atualmente, vivemos uma verdadeira enxurrada de filmes baseados em quadrinhos. É só falar no assunto que, rapidamente, lembramos de icônicos personagens como o Homem-Aranha, Mulher Maravilha, Homem de Ferro e outros. O que você talvez não saiba, é que Hollywood adora adaptar quadrinhos para o cinema e existem muitos outros longas que são baseados em histórias em quadrinhos e você não sabia. Pensando nisso, separamos 40 filmes não convencionais baseados em quadrinhos que você precisa conhecer!

30 Dias de Noite (2007)

Rotten Tomatoes: 51% | Metacritic: 53 | IMDB: 6,6

Título original: 30 Days of Night.

Esse terror dos anos 2000, com direção de David Slade, é baseado na minissérie de quadrinhos de mesmo nome criada por Steve Niles e ilustrada por Ben Templesmith. A história se passa em Barrow, Alasca, onde durante 30 dias de inverno a cidade fica sem a luz do Sol. Quando a cidade recebe a visita de um grupo de vampiros liderados por Marlow (Danny Huston). Eles pretendem se aproveitar da escuridão constante para atacar os moradores locais. Para combatê-los um pequeno grupo é reunido, liderado pelo xerife Eben Oleson (Josh Hartnett) e por sua ex-esposa Stella (Melissa George).

Em 2010 o longa ganhou uma continuação chamada 30 Dias de Noite 2: Dias Sombrios (30 Days of Night: Dark Days) com novo elenco e direção de Ben Ketai. O longa é protagonizado por Kiele Sanchez como Stella e assim como o longa original, traz Steve Niles como roteirista.

300 (2006)

Rotten Tomatoes: 61% | Metacritic: 52 | IMDB: 7,6

O filme 300 dirigido por Zack Snyder foi um dos grandes títulos do cinema na década de 2000. Mas além de ser um título histórico, ele é baseado na série de histórias em quadrinhos 300 de Esparta de 1998, de Frank Miller e Lynn Varley. Na Batalha de Termópilas na Grécia, em 480 a.C., o rei Leônidas (Gerard Butler) e seus 300 guerreiros de Esparta lutam bravamente contra o massivo exército persa do rei Xerxes (Rodrigo Santoro). O sacrifício e a dedicação destes homens uniu a Grécia na guerra contra a Pérsia.

Em 2014, a continuação 300: A Ascensão do Império (300: Rise of an Empire) chegou as telonas. O elenco conta com a volta do brasileiro Rodrigo Santoro como rei Xerxes e de Lena Headey como rainha Gorgo, além da presença de Sullivan Stapleton como o general grego Themistocles e de Eva Green como Artemisia. O longa também é baseado na história em quadrinhos Xerxes, também de Frank Miller.

A Família Addams (1991)

Rotten Tomatoes: 65% | Metacritic: 57 | IMDB: 6,9

Título original: The Addams Family.

A Família Addams é um clássico que já rendeu filmes, animações e seriados. Porém, o que muita gente não sabe é que essas produções são baseadas nas histórias em quadrinhos publicadas entre 1938 e 1988 na revista The New Yorker pelo macabro cartunista Charles Addams. No filme de Barry Sonnenfeld, os Addams correm o risco de perder sua fortura quando um falsário (Christopher Lloyd) surge se passando por Fester, o irmão perdido de Gomez Addams (Raul Julia). No entanto, Mortícia (Anjelica Huston) logo percebe que algo está errado quando Fester não consegue se lembrar da sua vida.

O longa ganhou uma continuação também dirigida por Sonnenfeld e com o mesmo elenco, A Família Addams 2 (Addams Family Values, 1993). Já o reboot O Retorno da Família Addams (Addams Family Reunion, 1998) chegou diretamente na televisão com direção de Dave Payne. O elenco do filme de 1998 é composto por Daryl Hannah, Tim Curry, Nicole Fugere, Jerry Messing e o retorno de Carel Struycken e Christopher Hart.

A Liga Extraordinária (2003)

Rotten Tomatoes: 17% | Metacritic: 30 | IMDB: 5,8

Título original: The League of Extraordinary Gentlemen.

O longa de Stephen Norrington é baseado nos quadrinhos do britânico Alan Moore. No final do século XIX, um cientista se torna um perigo para a humanidade quando deseja conquistar o planeta. Para combatê-lo, a rainha Vitória nomeia uma legião de grandes nomes da época. Entre os convocados para enfrentá-lo estão Allan Quatermain (Sean Connery), a vampira Mina Harker de Drácula (Peta Wilson), Dorian Gray (Stuart Townsend) e o Dr. Jekyll (Jason Flemyng).

Alita: Anjo de Combate (2019)

Rotten Tomatoes: 61% | Metacritic: 53 | IMDB: 7,3

Título original: Alita: Battle Angel.

Uma ciborgue guerreira em um mundo distópico em meio a aventuras épicas com muita esperança e empoderamento. Esse é o clima em Alita: Anjo de Combate de Robert Rodriguez. O longa que é uma adaptação do mangá Battle Angel Alita, escrito pelo mangaka Yukito Kishiro se passa quando uma ciborgue é descoberta por um cientista. Ela não tem memórias de sua criação, mas possui grande conhecimento de artes marciais. Enquanto busca informações sobre seu passado, trabalha como caçadora de recompensas, combatendo forças mortais e descobre um interesse amoroso.

Annie (1982)

Rotten Tomatoes: 49% | Metacritic: 39 | IMDB: 6,6

Little Orphan Annie — uma tirinha criada por Harold Gray a partir de um poema homônimo escrito por James Whitcomb Riley em 1885 — inspirou o filme Annie de John Huston. As histórias originais eram focadas em assuntos sociopolíticos. Já o longa musical se passa em 1930 quando a pequena orfã Annie (Aileen Quinn) que vive no orfanato comandado pela megera Srta. Hannigan (Carol Burnett) é escolhida para visitar o milionário Oliver Warbucks (Albert Finney). Tudo muda quando ela consquista o coração do Sr. Warbucks que decide ajudá-la.

A história de Annie no cinema ganhou uma continuação, chamada Annie: Uma Aventura Real (Annie: A Royal Adventure!, 1995) dirigido por Ian Toynton e estrelado por Ashley Johnson. Além disso, dois remakes foram produzidos: Annie (1999) dirigido por Rob Marshall e estrelado por Alicia Morton, já Annie (2014) com direção de Will Gluck é protagonizado por Quvenzhané Wallis e conta com Cameron Diaz e Jamie Foxx no elenco.

As Aventura de Tintim (2011)

Rotten Tomatoes: 74% | Metacritic: 68 | IMDB: 7,3

Título original: The Adventures of Tintin: Secret of the Unicorn.

O filme de Steven Spielberg é uma adaptação dos quadrinhos homônimos criados pelo belga Hergé. No longa, Tintim (Jamie Bell) é um jovem repórter, que está sempre atrás de boa matéria. Um dia, ele vê à venda na rua o modelo de um galeão antigo e resolve comprá-lo. Quando seu cachorro, Milu, quebra sem querer o galeão, Tintim percebe que há dentro dele uma pista para um tesouro perdido. Esse será o início de uma aventura onde Tintim, Milu e o capitão Haddock (Andy Serkis) disputarão com Sakharine (Daniel Craig) na busca pelo tesouro.

Atômica (2017)

Rotten Tomatoes: 79% | Metacritic: 63 | IMDB: 6,7

Título original: Atomic Blonde.

O filme de ação Atômica, estrelado por Charlize Theron, é uma história baseada no quadrinho The Coldest City, de 2012, de Antony Johnston e Sam Hart. Agente disfarçada do MI6, Lorraine Broughton é uma assassina treinada enviada para a capital da Alemanha durante a Guerra Fria. Sua missão é recuperar uma lista perdida com o nome de agentes duplos após o assassinato de um oficial.

Azul é a Cor Mais Quente (2013)

Rotten Tomatoes: 89% | Metacritic: 89 | IMDB: 7,7

Título original: La Vie d’Adèle – Chapitres 1 et 2.

O premiado romance em HQ Le bleu est une couleur chaude escrito e desenhado pela francesa Julie Maroh é a inspiração do filme dirigido por Abdellatif Kechiche. No longa, Adèle (Adèle Exarchopoulos) é uma garota de 15 anos que descobre, na cor azul dos cabelos de Emma (Léa Seydoux), sua primeira paixão por outra mulher. Sem poder revelar a ninguém seus desejos, ela se entrega por completo a este amor secreto, enquanto trava uma guerra com sua família e com a moral vigente.

Constantine (2005)

Rotten Tomatoes: 46% | Metacritic: 50 | IMDB: 7,0

Apesar de ser uma história baseada nos quadrinhos da DC Comics, Constantine não é uma história convencial de héroi. A primeira aparição do personagem ocorreu em 1980 na HQ Swamp Thing de Alan Moore e continuou em Hellblazer.

O filme de Francis Lawrence mostra o irônico e charmoso John Constantine (Keanu Reeves), um experiente ocultista e exorcista, que literalmente chegou ao inferno. Juntamente com Angela Dodson (Rachel Weisz), uma policial cética, ele investiga o misterioso assassinato da irmã gêmea dela, Isabel. As investigações levam a dupla a um mundo sombrio, em que precisam lidar com demônios e anjos malvados.

Cowboys & Aliens (2011)

Rotten Tomatoes: 44% | Metacritic: 50 | IMDB: 6,0

Com um super elenco, o longa dirigido por Jon Favreau é baseado na graphic novel de mesmo nome criada por Scott Mitchell Rosenberg, uma mistura de Western e Sci-Fi que se passa no velho oeste. O longa se passa em 1873, quando Jake Lonergan (Daniel Craig) acorda, sem memória, na inóspita cidade de Absolution, com um estranho dispositivo no pulso.

A cidade é dominada pelo medo imposto pelo pulso forte do “Coronel” Woodrow Dollarhyde (Harrison Ford). Mas o impossível acontece: uma invasão extraterrestre ataca a cidade e sequestra seus habitantes, e eles são obrigados a se unir forças para tentar salvar os que ficaram.

Dose Dupla (2013)

Rotten Tomatoes: 65% | Metacritic: 55 | IMDB: 6,7

Título original: 2 Guns.

A graphic novel escrita por Steven Grant e ilustrada pelo brasileiro Mateus Santolouco inspirou o filme homônimo Dose Dupla, dirigido por Baltasar Kormákur, que acompanha uma dupla de agentes infiltrados no narcotráfico. Bobby (Denzel Washington) da Narcóticos e Stig (Mark Wahlberg) da Marinha trabalham juntos – sem saber da identidade um do outro – na tentativa de fazer negócios com Papi Greco (Edward James Olmos), um poderoso traficante mexicano nos Estados Unidos.

Mas Papi está desconfiado da dupla e não deseja negociar com eles. Por isso, eles roubam o banco que, supostamente, receberia o faturamento deixado toda semana por capangas do traficante. Quando a quantia encontrada é muito maior do que a dupla esperava, eles descobrem que muito mais gente está envolvida e a situação fica muito perigosa.

Dredd (2012)

Rotten Tomatoes: 79% | Metacritic: 60 | IMDB: 7,1

O longa Dredd de Pete Travis é baseado nos quadrinhos de ação, ficção científica e cyberpunk, chamado Judge Dredd, de John Wagner e Carlos Ezquerra. Cerca de 120 anos no futuro, a megalópole Mega City Um é um oásis de civilização na Terra Maldita. Dredd (Karl Urban) é um juiz temido pelos infratores da lei com poder de executar suas sentenças. Quando ele é encarregado de treinar uma candidata a juíza com poderes mediúnicos (Olivia Thirlby), eles precisam enfrentar a maior e mais perigosa traficante de drogas do local (Lena Headey).

Estrada Para Perdição (2002)

Rotten Tomatoes: 81% | Metacritic: 72 | IMDB: 7,7

Título original: Road to Perdition.

O longa Estrada Para Perdição de Sam Mendes foi um sucesso que recebeu 6 indicações ao Oscar, vencendo na categoria de Melhor Fotografia. Mas o que pouca gente sabe é que a história e a cinematografia noir obtiveram inspiração do quadrinho da DC Comics de mesmo nome escrito por Max Allan Collins com arte de Richard Piers Rayner. E mais, esses quadrinhos foram inspirados no mangá Lone Wolf Club.

Pela primeira vez como um assassino nas telonas, Tom Hanks interpreta Michael Sullivan um assassino profissional para máfia durante a Depressão. Mas o grande conflito começa quando seu filho Michael Jr (Tyler Hoechlin) testemunha o filho do chefão, Connor Rooney (Daniel Craig) executar um homem. Agora toda a família de Sullivan está ameaçada e eles precisam lutar por sobrevivência e vingança. O elenco do longa conta ainda com nomes como Jennifer Jason LeighJude LawPaul Newman, em seu último trabalho no cinema.

Expresso do Amanhã (2013)

Rotten Tomatoes: 94% | Metacritic: 84 | IMDB: 7,1

Título original: Snowpiercer.

O filme do sul-coreano Bong Joon Ho é baseado em uma graphic novel chamada La Transperceneige criada por Jacques Lob e Jean-Marc Rochette, e publicada inicialmente na França, em 1982. Misto de ficção, drama e ação o filme de 2013 conta a história de um experimento que foi criado para impedir o aquecimento global falha, criando uma nova era do gelo que toma conta do planeta Terra. Os únicos sobreviventes estão a bordo de uma imensa máquina chamada Snowpiercer.

Lá, os mais pobres vivem em condições terríveis, enquanto a classe rica é repleta de pessoas que se comportam como reis. Até o dia em que um dos miseráveis resolve mudar o status, descobrindo todos os segredos deste intrincado maquinário. O elenco conta com nomes como Chris Evans, Jamie Bell, Tilda Swinton.

Ghost World – Aprendendo a Viver (2001)

Rotten Tomatoes: 93% | Metacritic: 88 | IMDB: 7,3

Título original: Ghost World.

Viúva Negra não é a primeira personagem em quadrinho vivida por Scarlett Johansson. Em 2001, ela e Thora Birch estrelaram Ghost World – Aprendendo a Viver, a fiel adaptação da renomada história em quadrinhos de Daniel Clowes. A comédia dramática cult dirigido por Terry Zwigoff e co-roteirizado pelo próprio Daniel Clowes, conta as incertezas da vida pós ensino médio de duas adolescentes. Enid e Rebecca planejam um futuro cheio de possibilidades, onde serão sempre próximas uma da outra.

No entanto, a realidade é muito mais dura do que imaginavam o que põe à prova a amizade das duas. Rebecca trabalha em um café, recebendo um salário baixo e sonhando com o aluguel do seu futuro apartamento. Enquanto isso, Enid está frustada em seu curso de artes, no qual é esnobada por uma professora arrogante. Mas é nesse ambiente que conhece Josh (Brad Renfro), um rapaz diferente por quem ela se apaixona e o excêntrico colecionador de discos, Seymour (Steve Buscemi).

Heavy Metal – Universo em Fantasia (1981)

Rotten Tomatoes: 65% | Metacritic: 51 | IMDB: 6,6

Título original: Heavy metal.

O filme canadense Heavy Metal, de 1981, é baseado nos quadrinhos franceses Metal Hurlánt com tramas ilustradas por Jean Giraud, Enki Bilal, Tanino Liberatore e outros. No longa com direção de Gerald Potterton, o Loc-Nar é uma esfera fluorescente viva, inteligente e extremamente perversa. Ele aterroriza uma menina ao mesmo tempo em que conta a história de sua influência maligna ao longo do tempo e espaço em diversos mundos onde já esteve. A trilha sonora do filme se destacou, incluindo o Black Sabbath.

I Kill Giants (2017)

Rotten Tomatoes: 78% | Metacritic: 74 | IMDB: 6,1

Baseado nos quadrinhos de Joe Kelly e JM Ken Niimura, o longa I Kill Giants conta a história de Barbara (Madison Wolfe) uma jovem geek e problemática que se refugia mundo da fantasia para tentar escapar da sua dura realidade e de maus tratos sofridos na escola. Nesse mundo mágico, ela acaba obcecada com o que acredita ser sua missão: matar gigantes. Mas, será que ela é a única na cidade que consegue ver o mundo da fantasia que existe? Ou será que são apenas delírios?

Jonah Hex – O Caçador de Recompensas (2010)

Rotten Tomatoes: 12% | Metacritic: 33 | IMDB: 4,7

Título original: Jonah Hex.

Criado por John Albano e Tony DeZuniga, Jonah Hex é um personagem de quadrinhos da DC Comics. No longa, Josh Brolin interpreta o personagem que foi mais uma vítima do terrível Quentin Turnbull (John Malkovich) e seus capangas, um homem poderoso que lhe tirou tudo que ele possuía. Mas por razões misteriosas, Hex que deveria ter morrido num atentado contra sua vida, ressuscitou com poderes sobrenaturais e disposto a conseguir sua vingança. A direção do filme é de Jimmy Hayward.

Kingsman: Serviço Secreto (2014)

Rotten Tomatoes: 75% | Metacritic: 60 | IMDB: 7,7

Título original: Kingsman: The Secret Service.

A história em quadrinhos criada por Mark Millar e Dave Gibbons ganhou sua primeira adaptação em 2014 com Kingsman: Serviço Secreto, dirigido por Matthew Vaughn. A comédia conta a história de Eggsy (Taron Egerton), um jovem com sérios problemas de disciplina. Quando ele entra em contato com Harry (Colin Firth), conhece a agência de espionagem Kingsman e resolve se unir a um time de recrutas da agência. Ao mesmo tempo, Harry precisa lutar para impedir a ascensão do vilão Valentine (Samuel L. Jackson).

Em 2017 chegou a sequência do filme, chamado Kingsman: O Círculo Dourado (Kingsman: The Golden Circle) quando um grande ataque de mísseis elimina a agência Kingsman, restando apenas Eggsy e Merlin (Mark Strong). Já o terceiro longa da sequência, King’s Man: A Origem (The King’s Man), chegou ao Brasil em janeiro desse ano apresentando as raízes da agência de inteligência britânica independente. Ambos os filmes também foram dirigidos por Matthew Vaughn.

Marcas da Violência (2005)

Rotten Tomatoes: 87% | Metacritic: 81 | IMDB: 7,4

Título original: A History of Violence.

O filme dirigido por David Cronenberg em 2005 é baseado em uma graphic novel criminal A History of Violence de 1997, da autoria de John Wagner e Vince Locke, publicada pela DC Comics. Tom Stall (Viggo Mortensen) leva uma vida tranquila e feliz numa pequena cidade no interior de Indiana com sua esposa Edie (Maria Bello) e seus dois filhos. Um dia esta rotina de calmaria é interrompida quando Tom consegue impedir um assalto em seu restaurante, matando dois criminosos em legítima defesa.

Ele então é considerado um herói, e tem sua vida inteiramente transformada com a mídia o perseguindo por causa do que fez. No entando, tudo o que ele deseja é que a sua vida retorne a paz e calmaria anterior. É quando surge Carl Fogarty (Ed Harris), um misterioso homem que aparece na cidade por acreditar que Tom lhe fez mal no passado.

Meu Amigo Dahmer (2017)

Rotten Tomatoes: 86% | Metacritic: 68 | IMDB: 6,2

Título original: My Friend Dahmer.

E se você fosse amigo de um assassino durante a infância? Derf Backderf foi amigo de um dos mais conhecidos serial killers da história: Jeffrey Dahmer, e escreveu quadrinhos autobiográficos sobre esse período. A adaptação de Marc Meyers retrata a vida de Jeffrey Dahmer como um adolescente tímido e solitário, anos antes de ficar conhecido como um grande assassino em série. Ele lida com a pressão do ensino médio, da adolescência entre problemas familiares e seus interessentes peculiares, enquanto se transforma no homem que apavorou os Estados Unidos.

MIB – Homens de Preto (1997)

Rotten Tomatoes: 92% | Metacritic: 71 | IMDB: 7,3

Título original: Men in Black.

Já parou para pensar que a história de Homens de Preto é fruto dos quadrinhos? Quatros filmes foram inspirados na história publicada em seis volumes e criada por Lowell Cunningham com arte de Sandy Carruthers, lançada pela Marvel Comics. É onde somos apresentados a MIB, uma agência secreta governamental que é responsável por fiscalizar os alienígenas que vivem no planeta Terra. Mas diferente dos filmes, as HQs são mais obscuras e ao invés de uma convivencia pacífica, as missões muitas vezes envolvem o extermínio de criaturas.

O primeiro longa, de 1997, com direção de Barry Sonnenfeld, é uma das produções mais famosas dos anos 90 e levou até mesmo um Oscar para casa. A história acompanha o novato James Edwards (Will Smith), e seu parceiro, o veterano agente K (Tommy Lee Jones). A missão deles na MIB é tentar impedir que um terrorista intergalático assassine dois representantes de galáxias opostas, e assim, destrua o planeta Terra.

As duas sequêcias, Homens de Preto 2 (Men In Black II, 2002) e Homens de Preto 3 (Men In Black III, 2012) acompanham os agentes J e K personagens de Will Smith e Tommy Lee Jones combatendo ameaças alínigenas. Já em MIB: Homens de Preto – Internacional (Men In Black: International, 2019) trouxe uma nova equipe às telonas com acompanhando a agente M (Tessa Thompson) e o agente H (Chris Hemsworth).

Anti-Herói Americano (2003)

Rotten Tomatoes: 94% | Metacritic: 90 | IMDB: 7,4

Título original: American Splendor.

O longa é baseado na série em quadrinhos autobiográficos American Splendor escritos pelo famoso quadrinhista underground Harvey Pekar. Na história, Harvey (Paul Giamatti) é um balconista de hospital que encontra a ficha de óbito de um homem que trabalhou a vida inteira como balconista em um emprego burocrático, exatamente como ele. Quando depois disso ele vê seu amigo Robert Crumb (James Urbaniak) se tornar um cartunista de sucesso em São Francisco, ele se inspira a mudar seu destino. Então ele resolve criar a sua revista em quadrinhos inspirada em sua própria vida.

O Corvo (1994)

Rotten Tomatoes: 84% | Metacritic: 71 | IMDB: 7,5

Título original: The Crow.

O filme O Corvo de Alex Proyas é conhecido pela trágica morte de Brandon Lee no set de filmagens. Ele foi baleado no peito acidentalmente com munição verdadeira – fato que muitos consideram um mistério até hoje, ou até mesmo um assassinato. Mas o que muita gente desconhece é que o roteiro do filme se inspirou em uma história em quadrinhos escrita por James O’Barr após a morte da sua noiva, atropelada por um motorista bêbado.

Pouco antes do seu casamento, o músico do rock Eric Draven (Brandon Lee) foi brutalmente assassinado após ver sua noiva ser estrupada e assassinada por membros de uma gangue violenta. Um ano após sua morte Eric sai de sua sepultura com a ajuda de um misterioso corvo. Então ele assume o posto de um vingador sobrenatural cujo objetivo é rastrear os bandidos responsáveis pelo seu assassinato.

O Fantasma (1996)

Rotten Tomatoes: 41% | Metacritic: ** | IMDB: 5,0

Título original: The Phantom.

O Fantasma é uma adaptação das histórias em quadrinhos de mesmo nome escritas por Lee Falk. O longa estrelado por Billy Zane, conta também com Treat Williams, Kristy Swanson, Catherine Zeta-Jones, James Remar e Patrick McGoohan no elenco. Kit Walker (Billy Zane), o vigésimo primeiro Fantasma, um vingador mascarado cuja missão é passada de pai para filho a quatrocentos anos.

Agora ele precisa lutar contra um milionário louco e contra a Irmandade de Sengh, um grupo de piratas que também existe por quatro séculos, para proteger as três Caveiras de Touganda, que, juntas, darão ao seu portador um poder imensurável.

O Gato Fritz (1972)

Rotten Tomatoes: 59% | Metacritic: 54 | IMDB: 6,2

Título original: Fritz the Cat.

Primeira animação classificada com o código X nos Estados Unidos, O Gato Fritz é uma comédia baseada nos quadrinhos do mesmo nome, de Robert Crumb. No longa de Ralph Bakshi, Fritz, é um gato descontraído, estudante universitário, que quer viver a vida intensamente. Tudo o que ele deseja é desfrutar de todas as experiências possíveis durante sua vida.

O Procurado (2008)

Rotten Tomatoes: 71% | Metacritic: 64 | IMDB: 6,7

Título original: Wanted.

A primeira adaptação dos quadrinhos de Mark Millar é o filme O Procurado com a direção de Timur Bekmambetov. Com um elenco de peso formado por Angelina Jolie, James McAvoy e Morgan Freeman o filme acompanha Wesley Gibson, personagem de McAvoy. Após descobrir a verdade sobre a morte do seu pai, o jovem decide entrar a Fraternidade, uma liga de assassinos da qual seu pai fazia parte.

Na Fraternidade, cujo lema é “matar um, salvar mil”, ele logo se torna o preferido, o que faz com que ele finalmente encontre um sentido para sua vida. No entanto, Gibson acaba percebendo que seus parceiros não possuem boas intenções e agora ele precisa fazer alguma coisa.

O Máskara (1994)

Rotten Tomatoes: 80% | Metacritic: 56 | IMDB: 6,9

Título original: The Mask.

Esse super-herói nada convencional tem sua origem nos quadrinhos dos anos 80 escritos por Mike Richardson. Muito diferente da hilária versão estrelada por Jim Carrey, O Máskara dos quadrinhos possuía histórias mais violentas. No longa, Stanley Ipkiss é um cara socialmente desajeitado e sem talento para as mulheres, mas de bom coração. Após passar por um dia horrível no seu trabalho no banco, ele acha no mar a máscara de Loki, um deus escandinavo.

A partir desse momento, sempre que Stanley coloca a máscara, ele se transforma em O Máskara, um ser de rosto verde, com velocidade sobre-humana e um humor não convencional. Além disso, O Máskara tem coragem para fazer coisas arriscadas, como flertar com a bela e sensual cantora Tina Carlyle (Cameron Diaz). No entanto, ele acaba despertando a ira do gângster Dorian Tyrrell (Peter Greene), namorado de Tina, que deseja se apoderar da máscara.

Em 2005, foi lançado um reboot do longa, chamado O Filho do Máskara (Son of the Mask), com direção de Lawrence Guterman. O filme acompanha Tim Avery (Jamie Kennedy), um cartunista de Fringe City, que acabou de ter seu primeiro filho que nasceu com os poderes da Máscara de Loki. O que torna tudo mais complicado é que o próprio Loki (Alan Cumming) deseja ter sua máscara de volta.

Oldboy (2013)

Rotten Tomatoes: 39% | Metacritic: 49 | IMDB: 5,7

Dois filmes foram produzidos adaptando o mangá Oldboy criado por Garon Tsuchiya com arte de Nobuaki Minegishi. O longa sul-coreano estreou em 2003, dirigido por Park Chan-Wook e estrelado por Min-sik Choi. Dez anos depois, em 2013, chegou aos cinemas a versão americana do filme, com direção de Spike Lee.

No longa de 2013, Joe Ducett (Josh Brolin) é um homem arrogante que enfrenta problemas familiares e no trabalho. Um dia, ele acorda trancado em um quarto com apenas uma TV ligada e descobre pela televisão que sua ex-esposa foi assassinada, e que ele é o principal suspeito. Pelos próximos 20 anos, Joe permanece em cativeiro, sem saber quem o sequestrou, ou as razões deste ato. Um dia, Joe é liberado. Com a ajuda de uma assistente social (Elizabeth Olsen), ele tem pouco tempo para descobrir quem o prendeu, e porque foi preso ou liberto.

Os Perdedores (2010)

Rotten Tomatoes: 48% | Metacritic: 44 | IMDB: 6,3

Título original: The Losers.

Seria estranho pensar no Capitão América e na Gamora na DC, não é mesmo? Mas antes de interpretar esses personagens, Chris Evans e Zoe Saldana tiveram o primeiro contato com o universo dos filmes baseados quadrinhos em Os Perdedores. Os quadrinhos de mesmo nome que inspiraram o longa foram escritos por Andy Diggle e publicados pela DC Comics.

Frank Clay (Jeffrey Dean Morgan) é o líder de um grupo secreto de forças especiais estadunidenses composto por Jensen (Chris Evans), Roque (Idris Elba), Pooch (Columbus Short) e Cougar (Oscar Jaenada). Durante uma operação na Bolívia uma bomba explode matando mais de 25 inocentes, logo eles percebem que foram traídos traídos por Max (Jason Patric), um perigoso inimigo. Dados como mortos, eles planejam vingança contando com a ajuda de Aisha (Zoe Saldana), uma bela e misteriosa mulher.

Persépolis (2007)

Rotten Tomatoes: 96% | Metacritic: 90 | IMDB: 8,0

O filme Persépolis é inspirado nos quadrinhos autobiográficos da escritora Marjane Satrapi. No longa, que é dirigido por Satrapi e Vincent Paronnaud, a escritora é interpretada por Chiara Mastroianni. A garota iraniana de 8 anos que sonha em se tornar uma profetisa para poder salvar o mundo é muito querida pela família. Mas em 1979, Marjane acompanha os acontecimentos que levam à queda do xá em seu país e ao início da nova República Islâmica. O regime que controla como as pessoas devem se vestir e agir, faz com que Marjane seja obrigada a usar véu, o que a incentiva a se tornar uma revolucionária.

RED – Aposentados e Perigosos (2010)

Rotten Tomatoes: 72% | Metacritic: 60 | IMDB: 7,0

Título original: Red.

A comédia de ação é inspirada nos quadrinhos Red, escritos por Warren Ellis com desenhos de Cully Hamner. No entanto, há algumas diferenças entre os títulos. Enquanto os quadrinhos são mais voltados para a violência e a ação, o filme que tem um tom muito mais cômico. Outra diferença importante é que no longa, o protagonista Frank, interpretado por Bruce Willis, conta com uma série de parceiros de peso, interpretados por Morgan Freeman, John Malkovich e Helen Mirren, enquanto nos quadrinhos ele age sozinho.

No longa de Robert Schwentke, Frank Moses (Willis) é um ex-agente da CIA, aposentado, que tenta levar uma vida normal. Ele possui um relacionamento virtual com Sarah (Mary-Louise Parker), com quem conversa ao telefone, apesar de ainda não conhecer pessoalmente. Quando a casa de Frank é atacada por agentes da CIA, ele percebe que precisa proteger Sarah, que pode ser atacada por causa da ligação entre ele. Para protegê-la e tentar entender o que está acontecendo, ele contata seus antigos companheiros, todos também aposentados.

Rocketeer (1991)

Rotten Tomatoes: 66% | Metacritic: 61 | IMDB: 6,5

Título original: The Rocketeer.

Joe Johnston dirige a adaptação dos quadrinhos de Dave Stevens para as telonas. Em 1938, o jovem piloto Cliff Secord (Bill Campbell) encontra um revolucionário jato propulsor, capaz de fazer um homem voar, que havia sido roubado por gangsters. Cliff, que vivia de fazer pulverizações em fazendas e shows aéreos, torna-se Rocketeer, um homem foguete mascarado cuja identidade todos querem saber.

A publicidade em torno do herói chama a atenção dos gangsters, do FBI e até mesmo de espiões nazistas, que sequestram Jenny Blake (Jennifer Connelly), a namorada de Cliff, para força-lo a resgatá-la. Agora ele precisa partir em uma aventura para impedir a morte de Jenny, e também que seu propulsor caia em mãos erradas e seja utilizado como arma.

Scott Pilgrim contra o Mundo (2010)

Rotten Tomatoes: 82% | Metacritic: 69 | IMDB: 7,5

Título original: Scott Pilgrim vs. the World.

No longa de Edgar Wright, aos 23 anos, Scott Pilgrim (Michael Cera) tem uma banda de rock, um namoro firme e vive trocando de emprego. Ele está muito satisfeito com sua vida, até conhecer Ramona V. Flowers (Mary Elizabeth Winestead) e se apaixonar perdidamente pela jovem americana que acabou de se mudar para o Canadá. Mas não será nada fácil conquistar a garota, porque antes ele precisa enfrentar os sete ex-namorados dela, que irão fazer de tudo para impedir que ela namore outro. Scott Pilgrim contra o Mundo é um filme baseado nos quadrinhos criados por Bryan Lee O’Malley.

Sin City – A Cidade do Pecado (2005)

Rotten Tomatoes: 77% | Metacritic: 74 | IMDB: 8,0

Título original: Sin City.

Sin City é mais um um título de quadrinhos de Frank Miller que chegou às telonas. Com um trio formado pelo próprio Frank Miller, Robert Rodrigues e Quentin Tarantino em sua direção, o filme que tem no elenco Bruce Willis, Jessica Alba, Elijah Wood e Josh Brolin narra os acontecimentos de Sin City, uma cidade que seduz as pessoas.

Marv (Mickey Rourke) é um lutador de rua durão que após levar para casa a bela Goldie (Jaime King), ela aparece morta em sua cama. Agora Marv está em busca de vingança a qualquer custo. Além dele há Dwight (Clive Owen), um detetive particular que deseja proteger as damas da noite da cidade, após o assassinato de um policial. Há também John Hartigan (Bruce Willis), o último policial honesto da cidade, que se dispõe a salvar uma jovem de 11 anos das mãos do filho de um senador corrupto, mesmo restando apenas uma hora para se aposentar.

Filmes não convencionais baseados em quadrinhos: sin city: a dama fatal
Eva Green é Ava em Sin City: A Dama Fatal

Sin City: A Dama Fatal (Sin City: A Dame to Kill For) é uma sequência do longa original que chegou aos cinemas em 2014. Nancy Callahan (Jessica Alba) só pensa em vingança após a morte de John Hartigan. Ela contará com a ajuda do gigante Marv para enfrentar o corrupto Senador Roark (Powers Boothe). Enquanto isso, Dwight tenta ajudar a dama fatal Ava (Eva Green), mas é enganado por ela e precisará de apoio para enfrentar sua amada.

Tank Girl – Detonando o Futuro (1995)

Rotten Tomatoes: 40% | Metacritic: 46 | IMDB: 5,3

Título original: Tank Girl.

Tank Girl é um filme baseado nos quadrinhos homônimos, criados por Jamie Hewlett e Alan Martin. Em um mundo pós apocalíptico, após um cometa atingir o planeta Terra, a água potável se torna um bem muito precioso totalmente dominado pela mega-organização Water & Power. Rebecca Buck, conhecida como Tank Girl (Lori Petty), é membro de um grupo de foras da lei que mantém uma fonte no porão de uma casa. Mas quando sua fonte ilegal é descoberta, ela e seus amigos precisam lutar .

The Old Guard (2020)

Rotten Tomatoes: 80% | Metacritic: 70 | IMDB: 6,6

Charlize Theron mais uma vez protagoniza uma adaptação de quadrinhos. Em The Old Guard, filme original Netflix, ela dá a vida a Andy, personagem da história em quadrinhos homônima, criada por Greg Rucka e ilustrada pelo argentino Leandro Fernandez. Andy e seus companheiros possuem o dom da imortalidade, por motivos desconhecidos.

Tentando passar despercebidos, eles vivem suas vidas como seres humanos comuns e, ao longo dos anos, trabalham como mercenários, oferecendo seus serviços para aqueles que podem pagar mais. No entanto, tudo muda com a descoberta de que existe uma outra imortal. E agora Andy precisa lutar para que seus amigos não virem cobaias em experimentos da indústria farmacêutica.

V de Vingança (2006)

Rotten Tomatoes: 73% | Metacritic: 62 | IMDB: 8,2

Título original: V for Vendetta.

Símbolo de luta e revolução, o filme V de Vingança de James McTeigue é uma adaptação da história em quadrinhos criada por Alan Moore e ilustrada por David Lloyd. No futuro, a Inglaterra vive sob um regime totalitário. Lá, Evey Hammond (Natalie Portman) é salva da morte por um homem mascarado conhecido pelo codinome V (Hugo Weaving) – um vigilante que utiliza a destruição para combater os opressores da sociedade – tornando-se agora sua aliada. Ao convocar seus compatriotas a se rebelar contra o governo inglês, V provoca uma verdadeira revolução.

Valerian e a Cidade dos Mil Planetas (2017)

Rotten Tomatoes: 48% | Metacritic: 62 | IMDB: 8,2

Título original: Valerian and the City of a Thousand Planets.

Valérian et Laureline de Pierre Christin e Jean-Claude Mézières é uma história em quadrinhos francesa que inspirou o longa Valerian e a Cidade dos Mil Planetas de Luc Besson. Valérian (Dane DeHaan) é um agente viajante do tempo e do espaço, no século XVIII, que luta ao lado da parceira Laureline (Cara Delevingne), por quem é apaixonado, contra os ataques de bandidos intergaláticos. Quando chegam no planeta Alpha, eles precisarão acabar com uma operação comandada por grandes forças que deseja destruir os sonhos e as vidas dos habitantes do planeta.

Conhece outros filmes não convencionais baseados em quadrinhos que deveriam estar na nossa lista? Conte para a gente nos comentários.

Veja também:

Os 45 melhores filmes de ficção científica.

Fonte: AdoroCinema.

Inscreva-se para receber nossas notícias:

Total
1
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Posts Relacionados