He-Man na Netflix: tudo o que você precisa saber para assistir ao remake

He-man na netflix: tudo o que você precisa saber para assistir o remake
Conheça a história desse grande personagem da cultura pop e saiba todas as novidades de sua nova estreia na Netflix

Uma das séries animadas mais populares dos anos 80 está de volta. Mestres do Universo: Salvando Eternia é uma sequência direta do clássico que marcou uma geração inteira. Anos depois, os fãs poderão assistir ao icônico He-Man na Netflix em uma história inédita, adaptada aos moldes da atualidade e com um visual repaginado.

Dirigida e produzida por Kevin Smith, a animação inédita da Netflix é assinada pela Powerhouse Animation, estúdio responsável por Castlevania e traz no elenco nomes famosos como Chris Wood, Lena Headey e Mark Hamill – as novas vozes, respectivamente, de He-Man, Maligna e o Esqueleto. 

Conheça a seguir a trajetória marcante da saga de heróis, como assistir ao remake de He-Man e que os fãs podem esperar de seu retorno.

Qual é a história do He-Man?

Antes de surgir sua série animada, He-Man fazia parte de um lançamento de bonecos da Mattel. No início dos anos 80, a empresa de brinquedos infantis estava produzindo uma nova linha baseada no filme Conan, o Bárbaro

Mas, por ser considerado inapropriado para as crianças, a companhia decidiu se inspirar no longa e então desenvolveu a série de bonecos Mestres do Universo. Dessa maneira, nascia um dos personagens que mais tarde viria a se tornar um fenômeno mundial.

Para impulsionar as vendas dos novos bonecos, que vinham juntos com um minigibi, a Mattel encomendou uma animação para a Filmation Studios, responsável por produzir a primeira série de Tom & Jerry e o desenho de Tarzan. Em 1983, foi lançado He-Man e os Defensores do Universo, que ficou no ar até 1985. Como resultados, a série de He-Man com 130 episódios divididos em duas temporadas ajudou não só a popularizar os brinquedos, como se tornou uma das séries mais queridas de sua geração.

He-man na netflix: tudo o que você precisa saber para assistir ao remake
He-Man é o alter ego de Adam, o sucessor do trono do planeta mágico Eternia. (Imagem: He-Man e Os Defensores do Universo/Divulgação)

Situada no planeta Eternia, uma terra medieval com artifícios tecnológicos avançados, a trama apresenta Adam, príncipe e filho do rei Randor, que se transforma no poderoso He-Man ao proferir as palavras “Pelos poderes de Grayskull… Eu tenho a força!”. Em sua forma heroica, ele precisa combater aqueles que tentam invadir e tomar o reino onde vive, sobretudo o Esqueleto, seu principal arqui-inimigo.

He-Man também consegue transformar seu tigre Pacato no Gato Guerreiro, um de seus aliados nos confrontos. Sua identidade é secreta e a esconde de sua família enquanto os protege. Outros personagens integram a história da série e ajudam o herói em diversos momentos da história.

Já que a série tinha como foco o público infantil, todos os episódios sempre terminavam com uma espécie de “lição de moral” que tal sequência queria transmitir. Isso acabou se tornando uma das coisas mais icônicas da animação, uma vez que o personagem musculoso “quebrava a quarta parede” (isto é, conversava diretamente com quem estava lhe assistindo) e lançava um belo discurso.

He-Man também nunca feriu seus inimigos, apenas portou sua espada para disparar lasers e desviar de obstáculos, o que também é outra característica marcante da estrutura narrativa da série.

Quais são os personagens marcantes desta saga?

Cada personagem da série possui sua relevância na trama, mas alguns deles roubam a cena e são os mais marcantes da saga. He-Man dispensa apresentações: é aquele clássico herói superpoderoso, herdeiro do trono de Eternia, que, com uma espada concedida por Feiticeira, consegue se transformar num ser imbatível.

Feiticeira é a principal defensora do Castelo de Grayskull, onde vive, podendo sair apenas na forma de águia. Ela tem uma filha biológica chamada Teela. Esta foi criada por Mentor, o cientista do rei Randor, que prometeu nunca revelar a identidade de sua mãe para ela. Teela é a capitã da guarda do rei e é ela quem treina Adam que, por sua vez, sempre a decepciona nos deveres.

Pacato enquanto Gato Guerreiro pode falar e é a montaria do nosso herói. O rei Randor e a rainha Marlena são os comandantes de Eternia. Marlena era uma astronauta na Terra que, numa viagem, caiu acidentalmente no planeta mágico. No ciclo do Castelo, ainda temos o Gorpo, o mago bobo da corte e o alívio cômico da série, que sempre se atrapalha nos seus feitiços.

He-man na netflix: tudo o que você precisa saber para assistir ao remake
Da esquerda para a direita: Maligna, Esqueleto, He-Man, Mentor e Teela. (Imagem: He-Man e Os Defensores do Universo/Divulgação)

Do lado inimigo, o Esqueleto é o principal vilão da série. Ele vive na Montanha da Serpente, onde seu antigo mentor Hordak – que já atacou o planeta – arquitetava seus planos. O grande objetivo de Esqueleto é tomar o Castelo de Grayskull, absorver todo o conhecimento mágico contido ali, dominar Eternia e, em seguida, o universo.

Maligna está ao seu lado, uma bruxa muito poderosa que faz medo a todos os outros capangas do vilão. Diversas vezes ela já tentou trapacear Esqueleto e tomar Eternia, mas nunca conseguiu. Homem-Fera também é o bobo da corte do mal, cujo poder é hipnotizar animais e fazer com que eles sirvam a ele. Apesar do poder, ele é extremamente atrapalhado.

Alguns outros nomes da série: Ariete (amigo cavaleiro de He-Man), Aquático (um homem-peixe com grandes poderes concentrados na água) e Mandíbula (um ciborgue aliado de Esqueleto).

Embora muitas vezes o grande confronto seja entre He-Man e Esqueleto, já tiveram situações em que dois tiveram que se unir para enfrentar outra ameaça maior, como quando o demônio Sh’gora, invocado pelo próprio Esqueleto, ameaçou destruir tudo que estava em sua frente.

She-Ra: o impacto da série de He-Man em novas produções

Após o fim da animação dos Defensores do Universo, uma nova produção similar foi lançada originalmente para o público infantil feminino. She-Ra: A Princesa do Poder é basicamente o mesmo estilo da saga de He-Man, mas protagonizado por uma mulher. Com 93 episódios em duas temporadas, a série também fez bastante sucesso.

He-man na netflix: tudo o que você precisa saber para assistir ao remake
She-Ra: uma das personagens mais marcantes dos seriados animados. (Imagem: She-Ra: A Princesa do Poder/Divulgação)

Situada dessa vez em Eteria, a princesa Adora, sucessora do trono, desperta poderes e se transforma em She-Ra para combater o exército de Hordak, o mentor de Esqueleto. O grande diferencial foi o carisma da personagem principal e, de quebra, a atenção a uma representação feminina heróica que não era comum na época. No entanto, He-Man fez diversas aparições na série e participou ativamente nos combates ao lado de sua gêmea.

Em 2018, a Netflix lançou um reboot da série produzida pela DreamWorks que trouxe um visual inédito à guerreira. Intitulada She-Ra e As Princesas do Poder, a série não só reapresentou She-Ra, como integrou outras figuras femininas e deu mais importância a elas na trama. Hoje, a série já finalizou os seus trabalhos na quinta temporada.

He-man na netflix: tudo o que você precisa saber para assistir ao remake
Com visual repaginado, reboot de She-Ra foi disponibilizado na Netflix em 2018. (Imagem: She-Ra e As Princesas do Poder/Netflix/Divulgação)

O Legado dos Defensores do Universo

A saga do herói loiro ainda foi adaptada outras vezes. Em 1987, um filme live-action inspirado na série foi lançado com Dolph Lundgren, Frank Langella, Meg Foster e Courteney Cox no elenco. Em 1990, As Novas Aventuras de He-Man trazia o protagonista no futuro em um planeta chamado Primus. Apesar da novidade, o público não se engajou tanto na história. 

He-Man é um fenômeno com todas as letras. Seu impacto atingiu não só influenciou e estimulou a indústria de brinquedos – assim como é até hoje com a Barbie – como permanece na memória de seus espectadores. 

Falando especificamente do Brasil, um país onde geralmente as produções animadas com viés socioeducativo tem grande impacto nos mais jovens, a série do He-Man trouxe um saldo positivo para esse aspecto, mesmo que talvez possa parecer engraçado assistir os métodos que o herói utilizava para ensinar uma simples lição de esforço, legalidade e cooperação.

Não é à toa que, por exemplo, Caverna do Dragão, outro título dos anos 80, também teve um enorme impacto na cultura pop e é referência até hoje. A série do He-Man é referência em produção, mas também em sua essência, que é muito cativante.

He-man na netflix: tudo o que você precisa saber para assistir ao remake
Primeira HQ de He-Man lançado no Brasil pela Editora Abril, em janeiro de 1986. (Imagem: He-Man/Editora Abril/Reprodução)

Em solo nacional, foram lançadas sob o título da saga: álbum de figurinhas, quadrinhos, mais bonecos e ainda duas músicas: “He-Man”, sucesso do grupo infantil Trem da Alegria, e “She-Ra”, uma versão gravada por ninguém menos que Xuxa.

He-Man não escapou de ser reproduzido nem na era moderna, momento em que as pessoas prestigiaram o seu legado na internet e – assim como muito conteúdo – rendeu diversos memes. De certa forma, seu espírito está vivo até hoje. 

He-man na netflix: tudo o que você precisa saber para assistir ao remake
Se você reconhece esta imagem, você já sabe qual música vem à cabeça. (Imagem: Reprodução)

Para conhecer detalhadamente cada passo da ascensão de He-Man, recomendamos o documentário A Força de Graykull: A História de He-Man e Os Mestres do Universo, disponível na Netflix. A produção conta os bastidores da saga que continua inspirando uma legião de fãs.

Trailer de Mestres do Universo: Salvando Eternia

He-man na netflix: tudo o que você precisa saber para assistir ao remake
Remake de He-Man na Netflix: visuais novos com trama inédita desembarca no streaming em julho. (Imagem: Mestres do Universo: Salvando Eternia/Netflix/Divulgação)

A Netflix uniu forças com Kevin Smith, que produziu e dirigiu o novo remake, e vai lançar Mestres do Universo: Salvando Eternia, o retorno oficial do herói, no dia 23 de julho. Esse é um momento muito esperado, especialmente para os fãs brasileiros, que possuem uma memória afetiva muito forte com a série original. Além disso, é uma ótima oportunidade para apresentar o título para a nova geração.

Uma das principais diferenças do antecessor para essa produção que os espectadores podem esperar é um enredo focado no grupo de Grayskull como um todo, e não apenas no líder, como o título já entrega. 

O trailer divulgado pela plataforma de streaming traz imagens da série com todos os personagens ao som da faixa icônica “Holding Out for a Hero”, de Bonnie Tyler. Assista:

Veja também:

Gostou do nosso conteúdo? Não deixe de conferir também a nossa edição mais recente do ShowmeCAST em que trazemos uma lista de séries imperdíveis para você maratonar!

Fontes: Netflix

Receba notícias como essa no seu email. Inscreva-se aqui:

Adicionar Comentário

Clique aqui para postar um comentário