Cartões do mozper

Mozper, cartão de débito para crianças, chega ao Brasil

Avatar of victor pacheco
Novidade permite gerenciamento de mesada e pais recebem notificação sempre que nova compra for realizada

Você já imaginou uma solução que possui não apenas um cartão de débito para crianças, mas também permite o monitoramento de todos os gastos? Esta é a ideia principal do Mozper, plataforma que começou a funcionar no México em 2019 e chegou ao Brasil hoje.

Desenvolvida completamente para a geração Z, a novidade chega como apoio para que, desde cedo, o futuro de nossa nação aprenda a gerenciar seu dinheiro, assunto que ainda é um tabu em boa parte das famílias. Entenda como funciona o Mozper agora mesmo.

Origem do nome Mozper

O nome da plataforma que fabrica cartão de débito para crianças pode parecer um tanto complicado, mas é mais fácil de compreender do que você imagina. A ideia de criar o Mozper nasceu após Gabriel Roizner, atual CEO da startup, se ver em um impasse de não conseguir monitorar todas as compras de seus três filhos, assim como não ter certeza sobre como ensiná-los a gastar e guardar o dinheiro de forma inteligente.

O nome Mozper é a junção de três pilares de nossa empresa de cartão de débito para crianças e adolescentes. A primeira sílaba (Mo) vem da palavra monitoring, com os pais conseguindo ter acesso às compras e inclusive, recebendo uma notificação sempre que uma compra é aprovada. O Z é conectado com a geração foco (geração Z). A terceira sílaba (per) está relacionada à prospering (prosperar). Nosso principal propósito é permitir que os jovens entendam como administrar seu dinheiro desde cedo.

Gabriel Roizner, CEO da Mozper

O Mozper é uma empresa que possui apenas três anos de atuação no mercado e foi ativada pela primeira vez em 2019, no México. Para ser lançada no Brasil, foi fechada uma parceria com a Visa, empresa consagrada no mercado de cartão de crédito e vai permitir que o Mozper tenha acesso ao conhecimento de mercado.

Compartilhamos com o Mozper da opinião de que, com uma melhor organização e planejamento de suas finanças, todos podem alcançar seus sonhos de uma maneira responsável. Na Visa, acreditamos que consumidores mais conscientes tomam melhores decisões financeiras, que impactam a vida de toda a sua comunidade. Essa é uma geração que nasceu digital, então é importante que tenham acesso a uma solução inovadora como essa para despertar o interesse pelo tema da educação financeira

Eduardo Abreu, vice-presidente de novos negócios da Visa no Brasil

Quais as funcionalidades do Mozper?

Para permitir a educação financeira de crianças e adolescentes que já possuem seus próprios gastos, o Mozper conta com diversas funcionalidades que podem ajudar os pais e/ou responsáveis a terem um maior controle.

Mãe e filha utilizando cartão de crédito para crianças mozper
Novidade tem foco em permitir que pais e filhos tenham maior conversa sobre educação financeira (Foto: Mozper)

O primeiro deles é a possibilidade de mesada automática, que permite não apenas o agendamento do envio de dinheiro, mas também a definição de onde o dinheiro será gasto. Os pais podem escolher quanto será gasto em alimentação, roupas, entretenimento e até mesmo saque.

Exemplo de mesada automática do mozper
Será possível definir os gastos da mesada para que você saiba onde seu dinheiro está sendo gasto (Foto: Mozper)

Outra funcionalidade interessante é o escudo “anti-dívidas”, que permite a definição de limite para que as surpresas no final do mês não lhe façam pular da cadeira. Também será possível programar a liberação de dinheiro quando uma tarefa extra for realizada, como conclusão de tarefa da escola ou arrumação do quarto.

Tarefas extras do mozper
Tarefas extras do Mozper podem gerar recompensas para seus filhos e pagamento é feito assim que conclusão é feita (Foto: Mozper)

Os responsáveis podem estipular um valor que será adicionado no limite o cartão de débito para crianças e adolescentes assim que a tarefa for concluída (a marcação pode ser feita no aplicativo que está disponível para Android e iOS).

Se seu filho(a) precisa juntar dinheiro para comprar algum novo produto, há uma funcionalidade no Mozper que permite que a criação de metas para que, desde cedo, eles aprendam a economizar para conseguir o que desejam. As transferências entre contas do Mozper são gratuitas. Também é possível enviar dinheiro para sua conta principal ou para a de seu filho via TED ou Pix.

Quanto custa?

Para ter acesso a todas as funcionalidades do Mozper e permitir que todos os jovens aprendam a gastar e gerenciar seu dinheiro desde cedo, é necessário realizar a contratação de um plano por R$ 25,00 mensais, que aloca até 4 pessoas por família. Mas caso opte por realizar assinatura anual, o valor cai para R$ 19,90.

Todas as pessoas que forem incluídas no plano do Mozper estarão recebendo um cartão próprio que conta com a tecnologia NFC. Uma conta no aplicativo também será aberta assim que a contratação for realizada.

Cartão físico e digital do mozper
Cartão virtual e físico podem ser utilizados por quem tem conta no Mozper

O aplicativo para Android e iOS pode ser instalado logo depois disso e seus filhos já poderão ter acesso aos conceitos básicos de educação financeira. A contração pode ser feita pelo site oficial do Mozper.

Educação financeira em lares brasileiros

Com o lançamento do cartão de débito para crianças e adolescentes, uma pesquisa que mostra a visão geral dos lares brasileiros quando falamos de gerenciamento de dinheiro foi divulgada. Idealizada pela Grimpa, foi possível saber que 43% dos pais de adolescentes de 10 a 17 anos não tiveram acesso à educação financeira quando eram mais novos.

Pesquisa sobre educação financeira no brasil
Pesquisa mostra dados sobre educação financeira no Brasil (Foto: Captura de tela/Showmetech)

94% de todos os 600 entrevistados, pais e mães com mais de 30 anos, sabem que o tema é importante até mesmo para quem nunca teve contato. E aqui, uma surpresa: 90% das pessoas que participaram da pesquisa já conversam com seus filhos sobre educação financeira, um aumento de 33% em relação à juventude.

Pesquisa sobre educação financeira no brasil
Pais sabem que assunto de gastos e controle de dinheiro deve ser feito dentro dos lares (Foto: Captura de tela/Showmetech)

Os pais com mais de 30 anos também consideram que quanto mais cedo o assunto for inserido nos lares, mais fácil fica para os adolescentes entenderem os detalhes da educação financeira. Entre os entrevistados que tiveram ensinamentos sobre gastos e economia do dinheiro, seus próprios pais, mães e irmãos foram responsáveis por passar os conhecimentos de geração para geração.

Pesquisa sobre educação financeira no brasil  sobre opinião de pais sobre educação financeira nas escolas
Você acha que a educação financeira deveria ser ensinada nas escolas? (Foto: Captura de tela/Showmetech)

75% dos responsáveis que dão mesadas para seus filhos fazem um controle rígido por meio de planilha ou anotação manual. Por fim, 60% das pessoas acreditam que a educação financeira deveria ser ensinada tanto na escola, quanto em casa. Algumas escolas já contam com a matéria em sua grade, mas isso está longe de ser abrangente e há muito o que ser melhorado.

O que você achou da ideia do Mozper? Pensa em realizar a contração do plano para ter um maior controle sobre os gastos de seus filhos e ainda ensinar educação financeira para eles (as)? Diga pra gente nos comentários!

Veja também

Confira nosso review do Multilaser M8 4G, um bom tablet para crianças

Inscreva-se para receber nossas notícias:

Total
1
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Posts Relacionados