Rtx 3060 vs rx 6600 xt: qual vale mais a pena?

RTX 3060 vs RX 6600 XT: qual vale mais a pena?

Avatar of felipe vidal
Botamos a RTX 3060 vs RX 6600 XT numa rinha de GPUs e mostramos que a placa da NVIDIA consegue uma vantagem pequena, mas se sai melhor em Full HD

Na dúvida sobre qual placa comprar para jogar em Full HD? Colocamos a RX 6600 XT, da AMD, e a RTX 3060, da NVIDIA, para competir e ver qual vale mais a pena para rodar games nessa resolução e em qualidade ultra, contando ainda com uma alta taxa de quadros.

As intermediárias

Rtx 3060 vs rx 6600 xt: qual vale mais a pena?. Botamos a rtx 3060 vs rx 6600 xt numa rinha de gpus e mostramos que a placa da nvidia consegue uma vantagem pequena, mas se sai melhor em full hd
O ideal é usar as placas em Full HD, mas você pode tentar a resolução Quad HD desde que assine o DLSS/FSR ou baixe a qualidade gráfica (reprodução/ASUS)

Tanto a RTX 3060 quanto a RX 6600 XT são placas que ficam entre o segmento de entrada e o segmento intermediário, feitas para rodar games, principalmente, em 1080p com tudo no talo e a uma alta taxa de quadros.

No caso da placa da NVIDIA, a 3060 atualmente é o segundo modelo mais básico do lineup da NVIDIA, perdendo apenas para a recém-lançada RTX 3050. Já com a AMD, a 6600 XT tem uma versão mais modesta: a RX 6600, sem esse sufixo XT, e um pouco mais barata, além da RX 6500 XT, a versão mais em conta da família 6000.

Antes de entrar nos testes pra decidir qual vale mais a pena, é importante conhecer um pouquinho sobre cada uma dessas placas individualmente.

RTX 3060

Rtx 3060 vs rx 6600 xt: qual vale mais a pena?
Modelo da EVGA é mais simples (divulgação/EVGA)

O modelo que estamos usando aqui é o XC Black da EVGA, com um PCB mais curto, duas ventoinhas e construção modesta, mas que não deixa a desejar, e felizmente não esquenta tanto nem emite muito ruído.

A GPU também é equipada com 12 GB de memória VRAM GDDR6, o que causou dúvidas durante seu anúncio, já que sua irmã maior, a RTX 3060 Ti, possui 8 GB de VRAM. A explicação está no barramento das memórias. A NVIDIA explicou que a 3060 usa um barramento de 192 bits, que suporta 6 ou 12 GB. Em contrapartida, a 3060 Ti tem barramento de 256 bits, que traz uma maior velocidade e opção de 8 ou 16 GB. A fabricante optou por utilizar 8 GB na Ti e 12 GB na 3060 “normal” para equilibrar os projetos.

Rtx 3060 vs rx 6600 xt: qual vale mais a pena?
Especificações da 3060 (print/Felipe Vidal/GPU-Z)

A placa ainda tem um TDP de 170W, a qual é indicada uma fonte de 550W. É importante ficar de olho que os modelos de parceiras, como ASUS, Gigabyte, Gainward, PCYES, Galax, MSI e afins trabalham com clocks e/ou frequências mais elevadas, fazendo com que esses modelos customizados necessitem de um pouco mais energia para funcionar corretamente.

A placa também terá suporte à tecnologia Ray Tracing, presente em toda família das RTX, desde a geração 2000. O Ray Tracing cria condições de iluminação mais realistas, criando sombras e reflexos fidedignos ao que temos na vida real, por exemplo.

Claro que tudo tem seu preço. O RT é uma tecnologia pesada e impacta muito na performance, e a solução para o problema é resolvido com o Deep Learning Super Sampling 2.0, ou DLSS. O recurso utiliza Inteligência Artificial com machine learning para renderizar as imagens em resoluções menores e depois aumentar em uma resolução maior, preenchendo os pixels restantes com IA, e resultando numa imagem final com excelente qualidade.

RX 6600 XT

Rtx 3060 vs rx 6600 xt: qual vale mais a pena?
RTX 3060 vs RX 6600 XT: qual vale mais a pena?

Já com a RX 6600 XT, estamos usando um modelo mais robusto da PowerColor: o Red Devil. O acabamento é mais premium, a placa tem um PCB maior, backplate na parte traseira para dissipar calor, duas ventoinhas e muitos LEDs vermelhos.

O aparelho foi desenvolvido com a arquitetura RDNA2 e chip Navi 23 XT com litografia em 7 nm, com 32 unidades computacionais. Quando comparada com sua antecessora, a RX 5600 XT, há uma redução, pois essa placa tinha 36 unidades computacionais. Obviamente, o recente lançamento da AMD sai na frente justamente por estar imbuído numa nova e mais eficiente arquitetura, então no fim esse tipo de comparação é válida, mas precisa ser feita com cuidado.

O modelo da PowerColor entrega um clock base de 2428 MHz e o boost eleva essas frequências para até 2607 MHz. Isso significa que a RX 6600 XT Red Devil tem um pequeno overclock de fábrica. Além disso, temos 8 GB de memória RAM GDDR6 com fabricação da Samsung, operando em 128-bit e largura de banda a 256 GB/s. Isso é um retrocesso também em comparação com a RX 5600 XT, e, sendo franco, acaba impactando em certos usos, mas não tanto em games. Os piores cenários ficam na parte de renderização, por exemplo.

Rtx 3060 vs rx 6600 xt: qual vale mais a pena?
Especificações da 6600 XT (print/Felipe Vidal/GPU-Z)

O modelo tem suporte ao Ray Tracing, mas não ao DLSS, exclusivo da NVIDIA. De forma oposta, a AMD criou o FidelityFX Super Resolution. A tecnologia utiliza uma técnica de upscaling ao pegar uma imagem com resolução maior, como 1080p, depois reduzi-la, para então aumentar novamente com IA e a adição de alguns filtros. O grande truque é a utilização de filtros e softwares específicos que serão aplicados para tratar e corrigir imperfeições na imagem final.

Bancada de testes

Para nossa bancada de testes, usamos um sistema parrudo, com processador AMD Ryzen 7 5700G de 8 núcleos e 16 threads, 16 gigabytes de memória RAM em Dual Channel a 2666 MHz, e uma placa-mãe Gigabyte Aorus B550I Pro AX.

Testes em games

Call of Duty: Warzone

Rtx 3060 vs rx 6600 xt: qual vale mais a pena?
Empate técnico no Warzone (imagem: Felipe Vidal)

O primeiro teste fica com Call of Duty: Warzone, que na RTX 3060 roda muito bem com tudo no máximo a uma média de 120 quadros com a placa operando na casa dos 87 a 96% e fazendo cerca de 75 graus.

Já a RX 6600 XT fica também nessa margem dos 120 frames com tudo no ultra, mas eu senti que o sistema ficou até um pouco mais estável, embora a temperatura e % de carga permaneçam praticamente iguais.

Digamos que até aqui tivemos um empate técnico e ambas as placas se saíram muito bem apesar dos bugs e erros do Warzone.

CONTROL

Rtx 3060 vs rx 6600 xt: qual vale mais a pena?
Outro empate técnico no embate (imagem: Felipe Vidal)

Muito bonito e pesado, Control sempre está na nossa bateria de testes, e na RTX 3060 faz uma média de 70 frames em qualidade ultra, com a placa bem próxima do seu uso total e a 64 graus. Quando ligamos o Ray Tracing sozinho, a jogatina já cai para os 40 quadros, porque convenhamos, Control é pesado nesse sentido. Porém, ao ligar o Ray Tracing e o DLSS, a jogabilidade já volta a subir para a média de 67 fps.

Já a RX 6600 XT não manda mal também não. A placa faz basicamente os mesmos 70 frames em qualidade máxima, com temperatura de 67 graus e carga em quase 100%. O problema começa quando a gente liga o Ray Tracing no alto. O gameplay cai para injogáveis 14 frames.

Infelizmente aqui a gente não tem o DLSS pra salvar e nem mesmo FidelityFX Super Resolution, que não foi implementado no game. A solução foi baixar o traçado de raios para o médio, que aí a jogabilidade sobe e fica estável nos 44 frames.

FORZA HORIZON 5

Rtx 3060 vs rx 6600 xt: qual vale mais a pena?
A placa da NVIDIA começa a abrir uma pequena vantagem (imagem: Felipe Vidal)

Lançado recentemente, Forza Horizon 5 vem mostrando uma boa otimização nos PCs e traz gráficos hiper realistas. No game, com a RTX 3060 o gameplay ficou excelente, com tudo na qualidade extrema, Ray Tracing no alto e um gameplay ali variando entre 80 quadros ou um pouquinho mais.

Já na RX 6600 XT eu só tive que reduzir levemente uma ou duas configurações do extremo para o ultra, pois o jogo dava alguns avisos que a capacidade dos 8 gigabytes de memória VRAM estavam no limite, mas fora isso a jogabilidade foi igualmente excelente numa taxa de 70 frames ou mais.

BACK 4 BLOOD

Rtx 3060 vs rx 6600 xt: qual vale mais a pena?
Back 4 Blood funciona melhor em placas da NVIDIA (imagem: Felipe Vidal)

Fechando nossos testes, o sucessor espiritual de Left 4 Dead roda facilmente na RTX 3060 com tudo no máximo a uns 130 a 140 frames sem nenhuma dificuldade. Quando o DLSS é ativado no modo Qualidade, os números  sobem de 160 e chegam inclusive até 200 frames. É absurdo.

A RX 6600 XT, por sua vez, ainda continua muito bem, fazendo ali dos 120 a 130 frames em qualidade máxima, sem problemas. Quando a gente habilita o Fidelity FX Super Resolution no modo qualidade, os números também sobem para a casa dos 160 a 185 frames em muitas ocasiões.

Qual é melhor?

Essa é uma daquelas perguntas um tanto quanto ingratas para se fazer, porque como vimos, ambas as placas são muito boas, mas vamos começar pelo preço.

No momento em que esta matéria foi escrita, a RTX 3060 mais barata que encontramos custa R$ 4.199 no Magazine Luiza, mas dependendo do modelo pode passar dos 5 mil, enquanto a RX 6600 XT figura na casa dos R$ 4.000 na Kabum. Então são placas bem próximas em preço e no fim das contas em desempenho também.

RTX 3060 “VENCE” por pouco

Rtx 3060 vs rx 6600 xt: qual vale mais a pena?
Com uma marge curta, a RTX 3060 é um tiquinho melhor (reprodução/ThinkComputers)

Nos testes que eu mostrei, a RTX 3060 tem uma leve vantagem em algumas situações normais, porém, a grande diferença é em jogos que usam Ray Tracing. A NVIDIA fica com um passo à frente por ter o DLSS já bem consolidado em centenas de títulos por aí, e vai elevar muito o nível de gameplay.

A RX 6600 XT, por outro lado, mesmo tendo o FidelityFX Super Resolution, ainda precisa amadurecer esse tipo de tecnologia e são poucos os games que a possuem. Porém, esse cenário deve mudar em breve e a tendência é que a AMD invista pesado nesse segmento.

No fim das contas são placas ótimas para rodar em Full HD e baixando algumas configurações para o alto ou mesclando com o médio ainda deve dar pra rodar a maioria dos jogos em Quad HD sem problemas.

Aí, é só ver qual delas cabe mais no seu orçamento e estilo de jogo, esperar aquela promoção marota e partir para o abraço.

Veja também

E aí, o que achou da nossa batalha entre a RTX 3060 vs RX 6600 XT? Não esqueça de compartilhar e comentar aqui pra gente! Aliás, aproveita e confere o nosso review completo da RX 6600 XT.

Inscreva-se para receber nossas notícias:

Total
14
Shares
1 comentário
  1. Os gráficos estão inutilizados, uma vez que o objetivo deles deberia ser mostrar proporcionalidade, no teste do forza 75 não deveria ser apresentado como metade de 81.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Posts Relacionados