Space Force, uma sátira espacial super atual chega na Netflix

Space Force Promo scaled
A nova Força Aérea Espacial é imaginada pelo criador de The Office na comédia Space Force, estrelada por Steve Carell

Em 2019, o presidente dos EUA Donald Trump anunciou que criaria um novo serviço militar, o Space Force, ou, Força Aérea Espacial (em tradução livre). Este novo serviço — o primeiro a ser criado desde 1947, quando a força aérea americana foi criada — foi recebido com controvérsia, principalmente pelo Partido Democrata, de oposição.

Não somente pela ambição megalomaníaca do presidente, mas pela utilização descabida de recursos do governo. O Presidente pediu o astronômico (perdão pelo trocadilho) valor de 500 milhões de dólares para injetar no projeto, e recebeu duras críticas por apostar em um projeto que não tem relevância alguma para o atual cenário econômico americano.

Com isso, não demorou muito para o assunto se tornar piada, e agora também um série de comédia na Netflix.

Confira o trailer de Space Force abaixo:

Space Force: a série

Já falamos aqui no Showmetech sobre o autor Greg Daniels, quando falamos sobre seu background e a estreia da série Upload em maio, na Amazon Prime Video.

A criação de Space Force foi na verdade muito simples. O ator Steve Carell alega que a única coisa que teve que falar para a Netflix para vender a sua ideia foi literalmente “Space Force“, já que a notícia da criação do serviço militar fora recebida com muita ironia.

Como a série The Office ainda figura como uma das mais assistidas na plataforma, Carell convidou Greg Daniels para criar junto com ele esta série. A Netflix dividiu com a dupla uma pesquisa interna, que revelava que público americano gosta de ver séries e filmes que mostrem os bastidores de ambientes de trabalho (por isso o sucesso de The Office na plataforma).

Então foi um caminho óbvio para os criadores em focar a série nos bastidores da Força Aérea Espacial.

Steve Carell interpreta um general chamado Mark Naird, encarregado de encabeçar a “Força Aérea Espacial”. Uma vez nas novas instalações, o general tem que trabalhar com Adrian Mallory (interpretado pelo sempre ótimo John Malkovich), um especialista em ciência, que definitivamente será o inimigo do general.

Carell assegura que o general Mark Naird não tem nada a ver com o super imaturo Michael Scott, seu personagem em The Office. O general é maduro, talentoso, condecorado, mas egomaníaco e megalomaníaco. Talvez seja a própria representação do Presidente Donald Trump, que os criadores alegam que nem sequer será mencionado na série.

Greg Daniels revelou que baseou partes da trama e do general Mark Naird no filme “Dr. Fantástico ou: Como eu Aprendi a Parar de Me Preocupar e Amar a Bomba“, o clássico de Stanley Kubrick de 1964. No filme, um general amalucado (interpretado pelo talentoso Peter Sellers) tenta iniciar uma nova guerra nuclear. Confira o trailer abaixo, e se possível assista ao filme, que é uma sátira definitivamente atemporal (disponível na plataforma HBO GO).

No elenco de Space Force ainda estão as atrizes Lisa Kudrow (a Phoebe em Friends), Jane Lynch (a treinadora Sue em Glee) e a relativamente novata Diana Silvers, que teve bastante sucesso no hit independente Fora de Série.

O timing do lançamento da série também não poderia ser melhor: em dezembro de 2019, Donald Trump assinou um decreto oficializando a criação do Space Force. Além disso, no dia 16 de maio de 2020, o governo americano divulgou o logo deste novo serviço militar que rapidamente recebeu comparações com a logo da Star Fleet Command de Star Trek. Confira abaixo e tire suas conclusões

Space Force, uma sátira espacial super atual chega na Netflix

Os 10 episódios estarão disponíveis na Netflix no dia 29 de Maio e o piloto da série foi dirigido por Paul King, diretor do mega hit britânico Paddington.

Assistiu a série? Escreva suas impressões nos comentários abaixo!

Receba notícias como essa no seu email. Inscreva-se aqui:

Adicionar Comentário

Clique aqui para postar um comentário

Assine nossa Newsletter