Starlink no mundo

Elon Musk anuncia cobertura do Starlink no mundo todo para agosto

Avatar of dácio augusto
Elon Musk anunciou que vai disponibilizar sua internet via satélite Starlink no mundo todo em agosto, com exceção do Polo Norte e do Polo Sul

Durante a Mobile World Congress (MWC), Elon Musk anunciou que o serviço de internet via satélite da SpaceX, o Starlink, terá cobertura global a partir de agosto.

Elon musk anuncia cobertura do starlink no mundo todo para agosto. Elon musk anunciou que vai disponibilizar sua internet via satélite starlink no mundo todo em agosto, com exceção do polo norte e do polo sul
Elon Musk, CEO da SpaceX.

A cobertura do Starlink no mundo todo cobrirá todo o globo, com exceção do Polo Norte e Polo Sul. O objetivo, segundo Musk, é que a internet trazida pelos satélites do projeto atinja porcentagem da população sem acesso a boas conexões, como fibra ótica e 5G. Atualmente, os satélites Starlink fornecem internet para 12 países, e contam com 69 mil usuários, com previsão de durante os próximos 12 meses mais 500.000 usuários entrem no programa.

O projeto Starlink tem como meta oferecer internet rápida e amplamente disponível via satélite. O programa usa tecnologias que garantem redução de custos para os clientes e maior abrangência da conexão, a partir das quatro antenas de alto desempenho que cada satélite do serviço tem. Os satélites formam uma rede ampla e de alta capacidade, atingindo regiões que as operadoras atuais de internet e telecomunicações não conseguem chegar.

Atualmente, as antenas que são instaladas nas casas dos clientes tem custo de US$499, mas Musk quer reduzir esse custo para US$300 ou US$250. Ainda segundo o CEO da SpaceX, cada antena custa para a empresa mais de US$1.000. Outros custos de operação também serão reduzidos, a partir de lançamentos de mais satélites na órbita de uma só vez. A infraestrutura feita pelo projeto também poderá ser usada em parcerias com empresas de telecomunicações, para o backhaul das redes dessas empresas, ou seja, fazer a conexão entre o núcleo da conexão e suas sub-redes periféricas, ajudando na diminuição de custos da infraestrutura da internet via satélite da SpaceX.

Fonte: PCMag

Para mais informações sobre Elon Musk e Starlink, como a internet para aviões e carros, fique de olho no Showmetech.

Inscreva-se para receber nossas notícias:

Total
3
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Relacionados
Google sign 83

Google se manifesta sobre a decisão do processo Apple x Samsung

Após a histórica decisão do tribunal norte-americano que condenou a Samsung a pagar mais de US$ 1 bilhão (R$ 2 bilhões) à Apple por violação de direitos de propriedade intelectual, representantes do Google se manifestaram dizendo que não acreditar que este fato possa limitar o acesso dos consumidores aos dispositivos com sistema operacional Android.
Avatar of bruno martinez
Leia Mais