Xbox Game Pass: por que assinar o serviço de games da Microsoft

A um preço baixo e contando com uma vasta biblioteca de jogos, o Xbox Game Pass é uma excelente pedida para gamers
A um preço baixo e contando com vasta biblioteca de jogos, o Xbox Game Pass é uma excelente pedida para gamers

A indústria de jogos eletrônicos passa atualmente por uma revolução na forma como jogadores acessam conteúdo. Se antes precisávamos das caixinhas de jogos, com discos ou cartuchos para poder jogá-los, hoje a compra da mídia digital, por download, já parece algo ultrapassado. Os jogos eletrônicos como serviço, não como produto, começam a tomar forma. E o Xbox Game Pass, que tem muitos atrativos, é uma importante peça nesta transformação.

O que é o Xbox Game Pass

O Xbox Game Pass é um serviço oferecido pela Microsoft e que atualmente está disponível para Xbox One e computadores — futuramente, com o lançamento do Xbox Series X, o serviço deve aparecer nessa nova plataforma.

Com este serviço, mediante o pagamento de um valor mensal — ou outro intervalo de tempo, em caso de promoções —, uma vasta biblioteca de jogos é disponibilizada para que o usuário instale em seu dispositivo e jogue o quanto quiser.

Imagem promocional do jogo Forza Horizon 4 em que dois carros estão em um terreno sem asfalto
Todos os jogos da Microsoft entram no catálogo do Xbox Game Pass desde o lançamento.

Com o serviço de armazenamento em nuvem da Microsoft, ainda é possível iniciar progresso em um jogo no Xbox One e continuá-lo no PC, e vice-versa, caso o plano que assinar seja compatível com esta opção.

É importante destacar que a assinatura ao Xbox Game Pass não permite, por si só, que o usuário jogue conectado à internet. Para jogar com outras pessoas na web, é necessário assinar também ao Xbox Live Gold.

Quais jogos estão disponíveis

Uma das grandes vantagens desse serviço é sua biblioteca de jogos, que conta com títulos recentes e está em constante crescimento.

A Microsoft, desde o lançamento do serviço, assumiu o compromisso de permitir que todos os seus jogos estejam disponíveis no Xbox Game Pass assim que forem lançados, o que torna esta a opção mais barata e vantajosa para jogar obras-primas da indústria, como Halo, Forza e Gears of War.

Tela de seleção com 10 jogos, entre eles títulos como GTA 5, Tekken 7 e Tom Clancy's The Division
Atualmente, a crescente lista de jogos do Xbox Game Pass conta com 395 jogos.

Títulos de outras empresas também contam no catálogo de games. Nomes de peso como Grand Theft Auto V, Wolfenstein, The Witcher, Resident Evil e tantos outros dão as caras no serviço.

A biblioteca completa de jogos disponíveis pode ser conferida no site oficial do serviço.

Preços

Eis um dos maiores atrativos do Xbox Game Pass: o baixo custo ao cliente. O serviço é oferecido em três planos diferentes. O primeiro deles, disponível apenas para Xbox One, custa R$ 29,00 mensais e permite acesso a toda biblioteca oferecida, além de descontos e ofertas exclusivas para assinantes.

O segundo oferece os mesmos jogos e os descontos do plano anterior, porém sua assinatura só dá acesso ao serviço através de um computador. Nesse caso, a máquina deve ser potente o bastante para rodar o jogo escolhido. Este segundo pacote sai pelo mesmo preço do plano anterior, R$ 29,00, porém novos usuários pagam inicialmente apenas R$ 13,99 ao mês.

Tela com anúncio de preços do Xbox Game Pass. Dados descritos na matéria.
Acesso a vários títulos por preços chamativos no Xbox Game Pass.

A terceira opção é a que sai mais em conta. Chamada de Ultimate, ela permite o acesso a jogos através tanto de um Xbox One como de um PC. Além disso, por apenas R$ 39,99 por mês o usuário recebe uma assinatura do Xbox Live Gold, que, além de permitir jogar on-line com outros jogadores, oferece descontos exclusivos na loja e oferece, sem custo adicional, dois jogos de Xbox One e dois de Xbox 360 todos os meses.

O pacote Ultimate está custando apenas R$ 1,00 no primeiro mês de novos assinantes.

Game Pass x Xcloud

Até aqui, pode ter ficado subentendido que o Xbox Game Pass é algo equivalente ao Netflix, porém voltado aos jogos eletrônicos. No entanto, esclarecemos que, ao contrário do famoso serviço para filmes e seriados, o da Microsoft permite apenas o download e a instalação do jogo na máquina do jogador.

Isso quer dizer que todo o processamento necessário para rodar o game é feito no dispositivo utilizado para a instalação. Não se pode dizer, portanto, que o Xbox Game Pass se trata do “Netflix dos games”.

Já o Projeto Xcloud, que atualmente encontra-se em fase de testes, promete que os jogos sejam acessados sem a necessidade de instalação na máquina, uma vez que todo o processamento é feito nos servidores da Microsoft. Este serviço ainda não tem data divulgada para lançamento, mas deve ser detalhado pela companhia norte-americana em breve, uma vez que no fim de 2020 será iniciada uma nova geração de videogames.

Gostou? Conta aqui para a gente a sua opinião sobre o Xbox Game Pass!

Receba notícias como essa no seu email. Inscreva-se aqui:

Adicionar Comentário

Clique aqui para postar um comentário

Assine nossa Newsletter