Revolução dos computadores: veja 10 máquinas históricas. Veja 10 computadores que mudaram o mundo com as suas inovações e influenciaram a tecnologia que usamos em nosso cotidiano.

Revolução dos computadores: veja 10 máquinas históricas

Avatar of ricardo buçard
Veja 10 computadores que mudaram o mundo com as suas inovações e influenciaram a tecnologia que usamos em nosso cotidiano.

Hoje em dia é possível realizar diversas tarefas, das mais simples às mais complexas, na palma da sua mão, com celulares cada vez mais potentes e acessíveis. Mas, sem a existência dos primeiros computadores e dos PCs antigos, com todas as inovações que cada um trouxe para suas respectivas épocas, nada disso seria possível. Acompanhe um pouco da história dos computadores que mudaram o mundo e veja como eles influenciaram a tecnologia que usamos em nosso cotidiano.

Primeiros computadores

ENIAC

O ENIAC é um computador criado pela IBM em 1945 e considerado o primeiro computador a ser totalmente digital. Entre as suas características, está o fato de ser programável e Turing-completo, o que significa que consegue realizar qualquer cálculo que um computador programável consegue fazer. Ele foi usado pelo Exército dos Estados Unidos para cálculos de trajetória balística e durante a construção da bomba de hidrogênio.

Um dos primeiros computadores, o eniac ocupava uma sala inteira e pesava toneladas

Ocupava uma sala inteira, e era necessário que diversas pessoas o operassem para que realizasse instruções e fizesse cálculos. Em 1948, recebeu melhorias que possibilitaram a programação armazenada em memória, o que diminuiu o tempo de reprogramação da máquina e melhorou seu uso.

IBM System 360

A foto mostra o ibm system 360, o mainframe da ibm, sendo operado por duas pessoas
O mainframe IBM System 360 ocupava uma sala inteira. (Foto: Reprodução)

Um dos primeiros mainframes na história dos computadores a ser capaz de rodar programas que tenham sido criados para qualquer uma das máquinas deste sistema, mudando o paradigma anterior que fazia com que um programa só funcionasse no computador para o qual foi criado. Era composto de diferentes modelos, com hardware, capacidade de processamento e preços. Esta característica muda a forma como computadores e programas são criados a partir de então, tornando programas mais universais.

PCs Antigos

Xerox Alto

Em um momento em que computadores eram mainframes, ou seja, ocupavam salas inteiras, e precisavam ser operados por várias pessoas para rodar suas instruções, o Alto foi um grande salto evolutivo, podendo ser considerado o primeiro Personal Computer (Computador Pessoal, em tradução livre), por ser capaz de ser operado por uma pessoa.

Uma revolução dos computadores, o xerox alto foi o primeiro pc voltado para a interação com uma interface gráfica
Uma revolução dos computadores, o Xerox Alto foi o primeiro PC voltado para a interação com uma interface gráfica

Lançado em 1973, trouxe inovações que seriam o padrão para os PCs uma década antes: sistema baseado em uma interface gráfica com uso de cursor (um mouse de três botões) para interação com um menu e programas em janelas, e não apenas através de linhas de texto. Além disso, o Alto tinha também um teclado, processamento e armazenamento internos e até mesmo comunicação cabeada com outros computadores, a Ethernet, que usamos até hoje. O objetivo da empresa era criar um escritório sem o uso de papel. O grande problema, assim como seus antecessores, era o seu custo: US$ 32 mil, US$ 110 mil em valores atuais.

Apple II

No fim dos anos 1970, muitos computadores eram lançados e tiveram sucesso com o público interessado no assunto, mas o Apple II mudou o mercado ao focar no consumidor médio e não apenas para empresas ou entusiastas de tecnologia. Desde o início de sua história, a Apple sempre teve muito cuidado com design, e não foi diferente neste PC, todo feito de plástico, com monitor e teclado, enquanto alguns concorrentes deixavam até mesmo peças expostas, o que é muito menos atraente para um usuário comum. Somado a isso, o preço inicial de US$ 1.300, US$ 7.881 nos dias de hoje, era muito mais acessível a todos.

A imagem mostra o computador apple ii em exposição em um evento
Apple II em exposição em um evento

O fato de não haver necessidade de comprar acessórios para exibir imagens coloridas era um diferencial deste computador, enfatizado até mesmo no então novo logo colorido da Apple no aparelho. O aplicativo VisiCalc foi um grande incentivo de vendas para empresas, sendo o primeiro programa de planilhas dos computadores. Jogos também fizeram grande uso das cores desse computador, entre eles Pac-Man e Prince of Persia.

O sucesso do Apple II foi tão grande que a produção continuou até 1993, representando um ciclo de vida de 16 anos, incomum até mesmo hoje. Com quase 6 milhões de cópias vendidas, foi responsável por grande parte da receita da empresa em seu início, possibilitando investimentos em computadores seguintes.

IBM Personal Computer

A foto mostra o ibm personal computer, um dos computadores mais importantes da história. (foto: reprodução)
IBM PC: um dos computadores mais importantes da História. (Foto: Reprodução)

Com competidores como Apple e Commodore lucrando muito com seus microcomputadores voltados para o uso doméstico em vez de empresarial, a IBM viu um mercado com grande potencial, que gerou 15 bilhões de dólares em vendas em 1979. A empresa já havia lançado o microcomputador IBM 5100 em 1975, mas o custo muito alto impediu o sucesso nas vendas para usuários não entusiastas de tecnologia.

O IBM PC foi um sucesso estrondoso, principalmente pelo preço competitivo e qualidade de seus componentes, como teclado e tela, vindos de bons fornecedores de fora, tornando a IBM a empresa de tecnologia mais valiosa da década de 1980. Além disso, a documentação detalhada e incentivo para criação de software e hardware de outras empresas compatíveis com o PC fizeram deste um dos mais completos de sua época. Com tanta documentação aberta e empresas criando produtos compatíveis com o PC, logo surgiram clones, atestando o quão influente foi este computador no período de lançamento. O sistema operacional usado era o DOS, futuramente usado em computadores Windows.

Commodore 64

A imagem mostra o microcomputador commodore 64, pc antigo sucesso nos anos 80
Um dos PCs antigos que mais fez sucesso com jogos nos anos 80

O mais barato entre os PCs antigos mencionados neste texto, o Commodore 64 foi lançado em 1982 por US$ 595, apenas US$ 1.659 em valores atuais, se tornando um enorme sucesso no mercado de microcomputadores de baixo custo. O preço baixo não significa que era ruim, sendo ainda melhor graficamente que o Apple II, o que tornou ele um grande computador para jogos na sua época, com jogos clássicos como Pac-Man, Tetris, Wolfstein 3D, Pitfall e até mesmo jogos da Nintendo, como Mario e Donkey Kong, e da Sega, como Golden Axe.

Macintosh

A imagem mostra o computador macintosh, uma revolução dos computadores na parte gráfica
O Macintosh e sua inovação com interface gráfica de usuário

Lançado em 1984, o Macintosh teve uma das campanhas de marketing de lançamento mais famosas da História, fazendo uma alegoria do Macintosh destruindo o Grande Irmão do famoso livro 1984, de George Orwell. A grande revolução trazida por este computador foi popularizar o uso de interfaces gráficas para navegação, terminando com o uso de linhas de comando.

Como este tipo de software ainda era muito novo, a Apple sofreu com falta de programas que rodassem em seu produto. Foi aí que a empresa contratou a Microsoft e outras desenvolvedoras para trazer novos programas para o Macintosh.

Windows 1.0 PC

Primeiro computador lançado pela Microsoft, o Windows 1.0 foi lançado em 1985 e focado fortemente em sua interface gráfica de usuário, com o uso do mouse para navegação, algo que era incomum e que não foi muito bem aceito na época pelo público. Construído sobre o MS-DOS, que era totalmente baseado em linhas de comando, o Windows 1.0 não pode ser considerado um sistema operacional por si só, dependente do MS-DOS para executar o seu programa corretamente.

A imagem mostra a interface do microsoft windows 1. 0, com cada janela ocupando uma parte da tela e uma caixa de diálogo sobreposta sobre as janelas. (foto: reprodução)
A interface do Microsoft Windows 1.0, com cada janela ocupando uma parte da tela. (Foto: Reprodução)

Na primeira versão do Windows, as janelas sobrepostas não eram permitidas. Programas como relógio, calendário, calculadora, Paint, Notepad e outros ficam todos abertos na tela em seu próprio espaço. Somente caixas de diálogo poderiam aparecer sobre outras janelas, mas não poderiam ser minimizadas.

Compaq LTE

Um dos primeiros computadores compactos do mundo, que futuramente seriam conhecidos com laptops ou notebooks, o Compaq LTE é um dos mais influentes da história dos computadores. Acompanhado de um teclado, uma tela, disco rígido e entrada para disquetes, vinha com o pacote completo necessário para a época.

Foto do notebook compaq lte, um dos primeiros notebooks da história
Um dos primeiros notebooks da história, o Compaq LTE influenciou o design deste tipo de computador

Lançado em 1989, os seus competidores eram limitados em suas funcionalidades e muito maiores, o que os tornava difíceis de serem carregados por aí, o objetivo por trás do produto. Pesando 3kg, o LTE tinha um processador Intel 286, rodava MS-DOS e era capaz até mesmo de rodar Windows. Com um acessório que poderia ser acoplado ao LTE, ele poderia até substituir um computador desktop no seu uso, o que era realmente incomum para a época.

iBook

Com um visual que fez sucesso no final dos anos 1990 e início dos anos 2000 de componentes eletrônicos transparentes e coloridos, o iBook foi lançado em 1999, com visual baseado no iMac G3, um dos designs mais famosos dos computadores da Apple, e é o antecessor do iMac.

A imagem mostra o apple ibook, uma revolução dos computadores por ser o primeiro notebook com wi-fi
Uma revolução dos computadores: o primeiro notebook a vir com Wi-fi, o iBook tem um visual bem diferente dos notebooks atuais

Este notebook mudou a história dos computadores ao ser o primeiro a trazer uma tecnologia que hoje em dia é imprescindível no nosso dia a dia: o Wi-fi. Esse foi o seu grande atrativo de marketing, inclusive durante sua apresentação, quando Steve Jobs passou o iBook por dentro de um bambolê para mostrar como era possível navegar na internet sem o uso de cabos. Na época, o recurso de internet sem fio foi chamado de AirPort.

O iBook era um produto de uma linha de entrada, enquanto o notebook premium da empresa era o PowerBook, o primeiro focado em consumidores e o segundo para profissionais. Seu sucesso foi tão grande que outras versões foram lançadas até o produto ser trocado pelo iMac em 2006.

Entre os computadores que mudaram o mundo, qual você achou mais interessante? Diga para gente nos comentários!

Fontes: Computer Weekly, CBS, Make Use Of e Smithsonian Magazine.

Inscreva-se para receber nossas notícias:

Total
2
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Posts Relacionados