Câmera do iPhone 12 Pro e do Note20 Ultra: qual é melhor?

Imagem da câmera do iPhone 12 Pro e do Note20 Ultra
Tanto a câmera do iPhone 12 Pro quanto do Note20 Ultra tem pontos fortes e fracos em situações distintas, quando comparadas entre si

A câmera do iPhone 12 Pro, o high-end atual da Apple, é poderosa e traz um sistema com recursos avançados. E a do Galaxy Note20 Ultra, topo de linha da Samsung, também. Então, qual será que é a melhor?

A resposta para essa pergunta parece simples, mas não é. Isso porque para respondê-la, antes precisamos considerar uma série de parâmetros. Nesta matéria, você confere os pontos fortes e fracos da câmera do iPhone 12 Pro e do Galaxy Note20 Ultra.

Spoiler: a do iPhone 12 Pro é melhor em algumas coisas, enquanto a do Galaxy Note20 Ultra é melhor em outras. Meio confuso, né? Vamos por partes, então.

Câmera do iPhone 12 Pro e do Note20 Ultra

Foto da câmera do iPhone 12 Pro e do Note20 Ultra
Câmera do iPhone 12 Pro e do Note20 Ultra são poderosas (foto: Lexy Savvides/CNET)

Antes de comparar as capacidades e pormenores de cada câmera, vamos ver qual sistema de câmeras cada smartphone traz.

Apesar de falarmos “câmera do iPhone 12 Pro“, na verdade o smartphone high-end da Apple traz um sistema triplo de câmeras traseiras e uma frontal. O sistema de câmeras do iPhone 12 Pro traz as seguintes lentes:

  • Grande-angular: 12MP e abertura f/1.6;
  • Ultra-angular: 12MP, abertura f/2.4 e campo de visão de 120º;
  • Teleobjetiva: 12MP e abertura f/2.0;
  • Frontal: 12MP e abertura f/2.2.

Além dessas lentes, o sistema do iPhone traz um sensor LiDAR, que é usado para funcionalidades que envolvam realidade aumentada e, no caso de fotos e vídeos, para deixar o foco automático mais rápido e preciso, mesmo em ambientes com pouca luz.

As câmeras do celular da Apple também contam com zoom óptico de 2x e zoom digital de até 10x. Já em relação a vídeos, o sistema é capaz de gravar em HDR com Dolby Vision e em 4K, com zoom óptico de 2x e digital de até 6x. Mais detalhes sobre tudo isso em breve, mas já vai mantendo essas informações em mente.

Agora falando sobre o Galaxy Note20 Ultra, o celular topo de linha da Samsung também traz um sistema triplo de câmeras. São elas:

  • Grande-angular: 108MP e abertura f/1.8;
  • Ultra-angular: 12MP e abertura f/2.2;
  • Teleobjetiva: 12MP e abertura f/3.0;
  • Frontal: 10MP e abertura f/2.2.

Além dessas lentes, o sistema de câmeras do Note20 Ultra conta com um sensor de autofoco a laser (que funciona de forma parecida e tem o mesmo propósito do sensor LiDAR do iPhone 12 Pro, no quesito captura de imagens).

Um dos diferenciais das câmeras do high-end da Samsung é a capacidade de zoom. O smartphone conta com zoom óptico de 5x e híbrido (que mistura zoom óptico com digital) que vai de 10x a 50x. Outro diferencial é em relação a gravação de vídeos, porque o sistema é capaz de capturar em 8K.

Se você tiver um olhar afiado, deve ter percebido duas discrepâncias nas capacidades das câmeras dos celulares. E talvez você já esteja pensando “bom, a câmera do Galaxy Note20 Ultra é de 108MP e grava em 8K, então é melhor que a do iPhone 12 Pro”. Mas essa ponderação é um pouquinho mais complicada.

Agora vamos destrinchar os pormenores do funcionamento dessas lentes e dos recursos dos sistemas do iPhone 12 Pro e do Note20 Ultra. Abaixo você confere como foi o desempenho dessas câmeras nas categorias mais importantes para o uso cotidiano.

Foto de paisagens

Aqui rola um empate técnico entre a câmera do iPhone 12 Pro e a do Galaxy Note20 Ultra. Apenas um olhar muito técnico iria dar conta de discernir fotos da mesma paisagem tiradas pelos dois smartphones. Duvida? Então dê uma olhada nessas fotos tiradas pela repórter Lexy Savvides, do site CNET, no Golden Gate Park, em São Francisco (EUA):

Foto da câmera do iPhone 12 Pro e do Note20 Ultra
(fotos: Lexy Savvides/CNET)

Em ambientes bem iluminados, ambas as câmeras tiram fotos excelentes. No caso das fotos acima, ambas as câmeras estavam com as “configurações padrão” (Smart HDR ativado no iPhone 12 Pro e Otimizador de Cena ativado no Note20 Ultra).

No caso do iPhone, o celular traz outra capacidade computacional de otimização de imagens capturadas pelas suas lentes, além do Smart HDR. É o Deep Fusion, que realça as texturas da cena fotografada e reduz o ruído na imagem.

A vantagem do sensor de 108MP na grande-angular do Galaxy Note20 Ultra é que você tem uma liberdade maior para realizar cortes nas fotos sem perder qualidade ou nitidez, mesmo que você não tire fotos usando os 108MP de capacidade da câmera. Isso é possível porque o celular utiliza a tecnologia de pixel binning, que, na prática, “espreme” a capacidade dos 108MP nos 12MP que são a configuração padrão da lente no smartphone. Ou seja, você tem o “poder” dos 108MP sem precisar usar, de fato, os 108MP.

Já em situações com “condições mais desafiadoras” de iluminação, a lente ultra-angular do iPhone 12 Pro capturou imagens com cores e saturação melhores do que a do Note20 Ultra, segundo a repórter do CNET. Ela também apontou que a lente do iPhone corrigiu melhor as distorções nas bordas, que no caso do Note20 Ultra ficaram um pouco curvadas.

Infográfico sobre edição de fotos no iPhone 12 Pro
Apple ProRaw traz opções avançadas de edição de fotos (imagem: Apple/Divulgação)

Se você quiser trabalhar de forma mais profissional com as fotos tiradas com smartphone, o iPhone 12 Pro oferece ainda o Apple ProRaw, que é um novo formato de imagem que combina o processamento multiframe da Apple e os recursos de fotografia computacional com a versatilidade do formato RAW. Nesse formato, os dados da imagem são armazenados sem processamento, o que permite edição e pós-produção mais detalhado (e criativo). Se você quiser saber mais sobre esse novo formato de imagem do iPhone 12 Pro, dê uma olhada nesta matéria do Showmetech que explica as características do Apple ProRaw.

Foto com zoom

Neste quesito, a vantagem do Galaxy Note20 Ultra é nítida. Isso porque o sistema de câmeras do celular da Samsung, como já citado anteriormente, oferece zoom óptico de até 5x, em comparação aos 2x do iPhone 12 Pro.

Em ambientes bem iluminados, essa capacidade de zoom do Note20 Ultra é bem prática porque produz fotos excelentes sem que você precise realmente dar passos para ficar mais perto do que você quer tirar foto. Se você estiver numa praia, por exemplo, e quiser tirar uma foto bonita do mar sem precisar sujar os pés de areia ou molhá-los, o zoom óptico de 5x permite que você se dê esse luxo.

Foto tiradao com câmera do Note20 Ultra
Foto tirada com zoom óptico do Galaxy Note20 Ultra (foto: Lexy Savvides/CNET)

Se você quiser aproximar mais ainda, dá para contar com o zoom híbrido de 10x até 50x. Neste último, as imagens ficam bem pixeladas (ou seja, ruins). Já no caso do zoom híbrido de 10x, se for num ambiente bem iluminado a foto pode ficar boa.

No iPhone 12 Pro, você tem zoom óptico de 2x e zoom digital de até 10x. Só que na prática, o zoom de 2x no iPhone tem qualidade superior ao de 2x no Note20. Isso acontece porque o celular da Samsung usa zoom digital na grande-angular entre 2x e 4x. É só a partir do 5x que o sistema troca para a lente teleobjetiva, que tem zoom óptico. Então quando o assunto é “zoom 2x”, você tem óptico no iPhone 12 Pro (que é melhor) e digital no Note20 Ultra.

Modo retrato

Aqui a vantagem vai para o iPhone 12 Pro. Esse recurso é aquele que deixa o fundo desfocado (ou “borrado”) e dá um certo charme para as fotos. No iPhone, isso chama “Modo Retrato” (que é o jeito que “pegou” falar aqui no Brasil), enquanto no Galaxy Note20 Ultra chama Foco Dinâmico.

Os dois celulares são bem inteligentes na hora de identificar qual é o objeto (ou pessoa) que está no primeiro plano para, então, desfocar o fundo. Mas nas fotos tiradas pelo iPhone 12 Pro, as cores e a iluminação ficam mais vívidas. Confira abaixo:

Fotos da câmera do iPhone 12 Pro e do Note20 Ultra
(fotos: Lexy Savvides/CNET)

Selfies e fotos à noite

Neste quesito, vale a mesma regra geral na hora comparar as câmeras: os dois smartphones têm seus pontos fortes e fracos.

Dependendo do seu tom de pele, do cabelo e do seu gosto para aparecer nas selfies, os resultados serão mais satisfatórios na câmera frontal de um celular em comparação ao outro. Na comparação realizada pela repórter do CNET, no caso, o desempenho da câmera frontal do Note20 Ultra foi melhor quando ela estava numa posição contraluz em que a iluminação estava forte.

A vantagem do iPhone 12 Pro neste quesito, porém, é que sua câmera frontal também traz modo noturno, que mantém a imagem nítida e vívida mesmo em ambientes com pouca iluminação. Isso pode ser bem útil para a qualidade das suas fotos na hora de tirar selfies em rolês à noite, por exemplo (depois que pandemia passar, claro). Esse recurso não existe na câmera frontal do Galaxy Note20 Ultra.

Modo noturno

Falando nele, aqui é onde rola outro empate técnico. Tanto o iPhone 12 Pro quanto o Note20 Ultra permitem que você use o modo noturno em qualquer uma das lentes traseiras. E os dois trazem um sensor dedicado ao autofoco (sensor LiDAR no iPhone e sensor de autofoco a laser no Note20 Ultra).

Para a repórter Lexy, o sensor LiDAR da Apple deixou o autofoco mais rápido do que o sensor de autofoco a laser da Samsung. Mas isso, por si só, não impacta na qualidade das fotos capturadas. 

O que impacta, de fato, é a abertura das lentes (aquele “f/alguma-coisa“). A abertura da grande-angular do iPhone 12 Pro é ligeiramente maior que a do Galaxy Note20 Ultra – f/1.6 e f/1.8 respectivamente (sim, nesse caso quanto menor o número, maior a abertura). E uma abertura maior significa que mais luz consegue entrar na lente, o que deixa as fotos noturnas menos escuras.

Só que no final das contas, quem decide se o resultado de um é realmente melhor que o do outro é você. No caso, a repórter do CNET preferiu a foto que ela tirou no Note20 Ultra. Veja abaixo:

Fotos do iPhone 12 Pro e do Note20 Ultra
(fotos: Lexy Savvides/CNET)

Gravando vídeos

Por mais que o sistema de câmeras do Galaxy Note20 Ultra seja capaz de gravar vídeos em 8K, para a repórter do CNET a qualidade dos vídeos gravados pelo iPhone 12 Pro é superior (lembrando que resolução e qualidade são coisas diferentes). Ela diz que além das cores ficarem mais vívidas nos vídeos do iPhone, o foco é mais suave, em comparação aos vídeos gravados pelo Note20. Assista abaixo um vídeo que Lexy gravou usando o iPhone 12 Pro:

Uma vantagem da câmera do iPhone 12 Pro é que você pode gravar vídeos em Dolby Vision HDR, que a repórter diz que fica fantástico quando você assiste no celular ou numa tela (monitor ou TV) que tenha suporte a essa tecnologia. Você pode ativar ou desativar esse modo nas configurações do smartphone. Já o Note20 Ultra é capaz de gravar em HDR10+, mas, segundo Lexy, a reprodução de vídeos gravados assim não é tão suave na tela do smartphone.

Veja agora um vídeo que traz cenas gravadas pela repórter usando o Note20 Ultra:

O diferencial do Galaxy Note20 Ultra no quesito gravação de vídeos é a gama de configurações e ajustes “profissionais” que você consegue regular no celular antes de começar a gravar. Isso inclui um modo Foco Dinâmico (em 1080p), que desfoca o fundo, e um “Modo Profissional” propriamente dito. Esse é parecido como o modo manual numa câmera semiprofissional, onde você consegue regular exposição, balanço de brancos e foco, por exemplo. Você também consegue escolher entre várias opções de resoluções e taxas de frames por segundo (fps).

Qual é a melhor câmera, então?

Imagem de câmera do iPhone 12 Pro e do Note20 Ultra
iPhone 12 Pro e Note20 Ultra: qual tem a melhor câmera?

Para fotos (posadas e de paisagem) e vídeo, a repórter da CNET recomenda a câmera do iPhone 12 Pro. Já para fotos com zoom, pouca iluminação e vantagens de um sensor poderosíssimo de 108MP, ela recomenda a do Galaxy Note20 Ultra.

Então a resposta é: depende do que você valoriza, prioriza, quer e precisa numa câmera de smartphone desse nível. Como apontado no começo desta matéria: as câmeras dos dois têm seus pontos fortes e fracos e o desempenho de uma supera o da outra em determinadas situações.

Fonte: CNET


Curtiu essa comparação entre a câmera do iPhone 12 Pro e do Note20 Ultra? Então dê uma olhada no review do Showmetech do smartphone topo de linha da Samsung!

Receba notícias como essa no seu email. Inscreva-se aqui:

Adicionar Comentário

Clique aqui para postar um comentário

Assine nossa Newsletter