REVIEW: Need for Speed Hot Pursuit Remastered é pura nostalgia

Need for speed hot pursuit remastered
Sem novos conteúdos, Need for Speed Hot Pursuit Remastered traz toda a diversão do jogo original e inclui o Autolog para competir com seus amigos


Need for Speed é sinônimo de jogos de corrida para o pessoal que cresceu ali nos meados dos anos 2000. A subsérie Underground, especificamente, é bem conhecida por, junto da franquia de filmes Velozes e Furiosos, ter popularizado os rachas de carros no imaginário popular. Mas, nos últimos anos, a franquia vem dando muitas escorregadas. Provavelmente pensando nisso que a EA decidiu, em vez de lançar um novo título da franquia esse ano, anunciar o Need for Speed Hot Pursuit Remastered — remasterização do popular jogo de 2010 — para o PlayStation 4 e para todos os Xbox a partir do One.

Qual é o resultado dessa remasterizarão, porém? Positivo ou mais um deslize no histórico da EA dos últimos anos? Será um jogo de corrida tão bom quanto outros disponíveis no mercado?

Polícia e ladrão — mais bonitos

Need for speed hot pursuit remastered conta com perseguições policiais e corridas de rua, no caso, um carro de polícia perseguindo num carro esportivo laranja
As perseguições contra a polícia são alguns dos momentos mais legais do jogo.

O grande atrativo de Need for Speed Hot Pursuit Remastered é a existência de dois tipos de eventos principais: os de corrida de rua e os de polícia. 

Nas corridas de rua você usa carros extremamente tunados, em uma jogabilidade remanescente da franquia Burnout, para vencer a corrida. Conforme o jogador avança na carreira, ele libera “poderes” como um super turbo, uma poderosa roda com espinhos e até mesmo disruptores de eletrônicos. 

Já nos eventos da polícia, você também usa carros turbinados em uma jogabilidade que, mais uma vez, lembra a franquia Burnout. Só que dessa vez, ao invés de vencer a corrida, o jogador deve destruir o carro dos corredores, já que como policial você irá os prender. Você conta com “poderes” diferentes nesses eventos, como chamar bloqueios de ruas e colocar espinhos na pista. 

Em geral, essa dupla de eventos deixa bem claro o que o jogo é, e embora algumas variações apareçam esporadicamente — como testar carros novos chegando no ponto pedido em determinado tempo e achar atalhos nas pistas — você ainda se sente bem preso no padrão de corridas. Mas, vamos ser honestos: é esperado, não?  Afinal, é um jogo de corrida, a repetição é algo incluso no pacote. 

Need for speed hot pursuit remastered 1
Os gráficos estão mais vivos, mas não são os melhores carros vistos na geração.

Quanto aos visuais, a melhora em relação ao original é óbvia, mas ainda assim o jogo não se destaca nesse quesito, ainda mais ao levar em conta os vários jogos do gênero que estão disponíveis no mercado. Se você procura uma experiência próxima da vida real, tanto em gráficos quanto no controle dos carros, recomendamos que passe longe desse título. Agora, se quer diversão, ele é o jogo correto.

O poderoso Autolog

Need for speed hot pursuit remastered 3
Bater o tempo dos seus amigos é uma sensação ótima.

Normalmente, jogos de corrida usam muito o recurso do tempo: o jogador faz uma certa corrida e o cronômetro age como o medidor da sua habilidade. No caso de Need for Speed Hot Pursuit Remastered, esse processo é ainda melhor com a presença da plataforma Autolog. Em resumo, é uma rede social interna do título que pega seus amigos adicionados na PlayStation Network e na Xbox Live e compara o tempo de conclusão de uma corrida entre vocês. 

Ao entrar numa corrida e escolher a opção “Recomendação do Autolog”, o jogo seleciona o tempo de um de seus amigos. Se você o superar ao final do evento, seu amigo ao entrar no jogo irá receber uma notificação e, se você quiser, uma mensagem sua. 

O Autolog, no fim, acaba sendo uma das melhores formas de incentivar a competitividade em um jogo de corrida como esse. Todos os eventos do jogo são compatíveis com essa função, e das horas que joguei para esta avaliação, muitas delas foram tentando superar o tempo de alguns amigos que fizeram questão de tirar meu nome do topo. 

Conclusão

A pergunta do começo do texto foi “será que Need for Speed Hot Pursuit Remastered é um jogo bom, mesmo 10 anos depois?”. A resposta é um sonoro sim. Recentemente tive oportunidade de jogar outros jogos de corrida lançados esse ano, e nenhum deles me divertiu e empolgou tanto quanto esse título. 

Em épocas difíceis como essa da pandemia em que vivemos agora, jogar um jogo não denso e simplesmente divertido é uma boa pedida. Need for Speed Hot Pursuit Remastered é justamente isso.

Need for Speed Hot Pursuit Remastered pode ser encontrado na PS Store e na Xbox Live, e cópias físicas estão disponíveis no Submarino para PlayStation 4 e para os Xbox, e você ganha 5% de cashback na compra dos jogos.

Se você prefere outros títulos de corrida, não deixe de ler o review do Forza Horizon 4. Deixe aqui nos comentários também o que vocês acharam desse remake!

  • Visuais - 7/10
    7/10
  • Som - 9/10
    9/10
  • Jogabilidade - 10/10
    10/10
  • História - 10/10
    10/10
9/10

Summary

Remasterização do Need for Speed lançado em 2010, Hot Pursuit Remastered é diversão pura em um meio de jogos tão densos.

Pros

Os dois tipos de eventos, polícia e corridas, são extremamente divertidos.

O sistema de “autolog” transforma a competição entre amigos em uma rivalidade bem mais gostosa de acompanhar

Cons

Embora os gráficos tenham sido remasterizados, ainda mostram sua idade.

Receba notícias como essa no seu email. Inscreva-se aqui:
Tags

Adicionar Comentário

Clique aqui para postar um comentário