Videogame do Google? Tem novidade chegando no dia 19

Videogame do Google? Tem novidade chegando no dia 19
Google deve anunciar console baseado na nuvem na Game Developers Conference 2019, com apoio da Ubisoft, lançando-se no novo mercado de gaming cloud

O mercado de consoles deve ganhar um forte nome depois de décadas de disputa entre Nintendo, PlayStation e Xbox. A disposição vem do Google, investindo em uma plataforma na nuvem para rodar jogos. Um ano depois do Google anunciar o Projeto Agones, rumores apontam que a empresa já está pronta para anunciar seu console no próximo dia 19 na Game Developers Conference 2019.

Google prepara um console totalmente baseado na nuvem

Imagem de gameplay do Assassin's Creed: Odyssey, jogo que rodou na plataforma de nuvem do Google, Projeto Agones, graças a parceria com a Ubisoft
Google e Ubisoft firmaram parceria e rodaram Assassin’s Creed: Odyssey no Projeto Agones

Ano passado o Google revelou o Projeto Agones, uma tecnologia open source (“código aberto, em tradução livre) que consegue rodar jogos em servidores dedicados, entregando uma experiência fluida para os usuários em qualquer máquina. A primeira empresa a abraçar a ideia foi a Ubisoft, oferecendo Assassin’s Creed: Odyssey para rodar no Agones como demonstração do poder da nuvem do Google. Entretanto, para bom desempenho é necessário uma internet de no mínimo 25 mb/s de velocidade.

Streaming de games

Um tweet bastante curioso do Google encheu a internet de especulações sobre o que a empresa vai trazer que é “a visão do Google sobre o futuro dos games.” O que muitos internautas estão cogitando é que o Google pode estar trazendo um novo streaming de games. Especulações à parte, dia 19 o mundo vai saber do que se tratá.

Durante esses 364 dias que se passaram, não houveram mais anúncios do projeto. O serviço é restrito a desenvolvedores, e não sabemos quais outras empresas estão colaborando, tampouco quando o serviço será lançado ao público. Porém, dia 19 tudo pode ser esclarecido.

O Google reservou um espaço na Game Developers Conference (GDC) no dia 19, às 14 horas. A descrição da keynote é: “Juntem-se — Google tem uma virada de jogo para mostrar”. É de se esperar, no mínimo, algo grande.

Controle já foi patenteado

Patente de controle do Google e, ao lado, conceito por Sarang Sheth
Conceito produzido por Sarang Sheth

A maior especulação é de um console, com indícios que datam anos atrás. Nessa semana um dos rumores se tornou mais concreto: foi descoberta uma patente de controle pelo Google.

Costas de patente de controle do Google e, ao lado, conceito por Sarang Sheth
Conceito produzido por Sarang Sheth

É possível ver uma arquitetura muito comum, seguindo as linhas tradicionais de um controle de console. Não há painel touch como no PS4, não se divide com no Nintendo Switch e nem parece tão ergonômico como no Xbox One. Entretanto, o controle do Google apresenta suas características únicas.

Podemos logo notar a presença de um botão para a Assistente, o que revela recurso de comandos de voz. Também não detalha se haverá referência a letras nos botões. É sugerido um compartimento para pilhas, mas também uma saída USB para carregamento. O controle parece se alinhar à proposta de um console baseado na nuvem, pois o próprio design tem um ar leve.

Nas vésperas do GDC 2019, a descoberta dessa patente já nos prepara para o que podemos ver no evento. Fontes da Kotaku afirmam que o Google deve atuar como publicadora de jogos, além de investir pesado realizando compra de desenvolvedoras.

Google não estará sozinho no gaming cloud

Console Nvidia Shield TV, baseado na nuvem e com sistema operacional Android
Desde 2013, a Nvidia já tem sua linha de consoles baseados na nuvem que rodam o sistema operacional Android

Caso o Google oficialize sua plataforma gamer na nuvem, não será a única empresa a apostar nesse novo mercado. A Sony já tem seu serviço de streaming desde 2014, o PlayStation Now (indisponível no Brasil). A Microsoft anunciou o Project xCloud, que deve ter seus primeiros testes público ainda esse ano. Enquanto isso, a Nvidia vende a linha Shield de consoles baseados na nuvem desde 2013 (rodando Android e com Google Assistente).

A chegada do Google ao mercado de gaming cloud não será na posição de vanguarda, mas de um importante nome a somar, dando maior valor à categoria.

Fontes: Pocket Now, 9to5Google

O que você espera do console do Google? Comente abaixo!

Adicionar Comentário

Clique aqui para postar um comentário

Deixe uma resposta

Receba notícias por e-mail