Conecte-se conosco
Dica de Natal: Não compre o novo MacBook Pro

Apple

Dica de Natal: Não compre o novo MacBook Pro

Bateria do MacBook Pro não é tão boa quanto deveria ser e site americano voltado para consumidores não recomenda a compra do produto

Dica de Natal: Não compre o novo MacBook Pro

Novo MacBook Pro apresenta inconsistência nos testes de bateria

Vai ano, vem ano e a Apple sempre apresenta produtos incríveis para os consumidores. O MacBook Pro de 2016 não deveria ser diferente. Após anos sem nenhuma grande novidade na linha de notebooks da Maçã, finalmente esse seria o computador da mudança.

Não podemos dizer que não foi, o novo MBP trouxe uma Touch Bar, melhorias de processamento e hardware, portas USB-C entre outras coisas. O problema é que o MacBook ficou mais caro este ano – e só o brasileiro sabe o quão caro ficou – e como se não pudesse ficar pior, a bateria desse Mac não é nada animadora.

A Apple não costuma mentir sobre a duração dos seus produtos, mas desta vez alguém fez uma conta um pouco errada. Diversos usuários relatam que o computador dura entre 3 a 6 horas, o que está bem longe das 10 horas prometidas pela empresa. E agora o Consumer Reports, pela primeira vez, aconselha as pessoas não comprarem o novo MacBook Pro.

Eles testaram o modelo sem Touch Bar, o de 13 polegadas com Touch Bar e o de 15 polegadas. Todos eles foram comprados em lojas comuns, como qualquer pessoa faria – e os testes apresentaram resultados bem estranhos.

O que a Consumer Reports fala sobre o MacBook Pro

Eles começaram com três testes consecutivos com o modelo de entrada com Touch Bar. A primeira vez ele durou 16 horas, a segunda quase 13 horas e a terceira apenas 3h45. Já o sem Touch Bar, no primeiro teste, durou 19h30 e no segundo, apenas 4h30. Estranho, não?

O mesmo aconteceu com a versão de 15 polegadas. De 18h30 para 8h de um teste para outro, o que chamou a atenção do site.

“Geralmente, a duração da bateria do laptop varia de um teste para outro em maios ou menos 5%. (…) Contudo, com a diferença gritante descoberta nos testes com o MacBook Pro, os testes não refletiriam o uso diário de um consumidor. Por essa razão, nós usamos os dados da menor duração de bateria e com esses números demos o veredito final.”

Por este motivo, o Consumer Reports não recomenda o novo MacBook Pro para as pessoas. A Apple diz estar trabalhando para entender o que aconteceu com os seus notebooks. Por enquanto, é melhor não comprar a nova geração de MacBooks Pro até que o problema seja solucionado – até porque aqui no Brasil o preço passa dos R$13 mil só o modelo de entrada.

Você acha que a Apple deve resolver esse problema rápido? Você pretende comprar o MacBook Pro de 2016 mesmo assim? Deixe o seu comentário aqui embaixo.

Jornalista formado pela Cásper Líbero. Trabalhou na TV Gazeta, BandNews TV e Rede Globo. Atualmente, é Editor-chefe do Showmetech, escrevendo sobre o que há de mais importante no mundo da tecnologia.

Comentários

Mais de Apple

Dica

Advertisement

Mais Lidas

Reviews

Cultura Geek

Tutoriais

Recomendado para você



Subir