Galaxy Fold: Samsung relança smartphone dobrável por US$ 2 mil

Galaxy Fold: Samsung relança smartphone dobrável por US$ 2 mil 7
Após correções, a Samsung já relançou o Galaxy Fold na Coreia do Sul por um valor equivalente a R$ 8.200 em conversão direta. Os aparelhos começam a ser entregues a partir do dia 11 de setembro.

A Samsung saiu na frente na corrida do lançamento de smartphones dobráveis, apresentando o Galaxy Fold no começo do ano no mesmo evento em que apresentou o Galaxy S10 e suas variantes. As primeiras impressões, entretanto, apontaram problemas sérios que mereciam ser reavaliados, e a empresa mostrou estar a par dos fatos e disposta a corrigí-los. Agora, após a realização das mudanças, o Galaxy Fold já está pronto para ser relançado oficialmente em alguns mercados, iniciando na Coréia do Sul e em seguida em outros países como os Estados Unidos, Reino Unido, França e Alemanha.

O atraso do Galaxy Fold

No final do mês de julho desse ano, a Samsung anunciou que se dedicaria a corrigir todos os problemas que foram apontados no Galaxy Fold durante as revisões do aparelho.

Galaxy Fold passa por mudanças e melhorias e é finalmente relançado
Galaxy Fold passa por mudanças e melhorias e é finalmente relançado

Durante esse anúncio foi prometido que o Galaxy Fold estaria pronto em setembro, e esse prazo foi cumprido. A Samsung deverá apresentar o smartphone dobrável durante a IFA 2019 amanhã, dia 6 de setembro, onde serão iniciadas as pré-vendas dos aparelhos para a Coreia do Sul. A data para o envio dos produtos acontece no dia 11 de setembro.

Números limitados

Ao que tudo indica, a Samsung irá disponibilizar um número limitado de unidades na Coreia do Sul, todas desbloqueadas. Ainda não foi confirmada qual será essa quantidade, mas as apostas já se iniciaram. Algumas fontes afirmam acreditar que serão entregues cerca de 20.000, outras acreditam que será algo mais limitado, em torno de 2.500 unidades no geral e apenas 300 a 400 na primeira leva.

Ele virá com opções de cores preto, prata, verde e azul, e o preço será de KRW 2.39 milhões – Em conversão direta isso daria algo em torno de US$ 1,965 ou R$ 8.200 mil. O Galaxy Fold terá apenas uma configuração, a de 12GB de memória RAM e 512GB de armazenamento, com a conectividade 5G. O processador escolhido é o Snapdragon 855 e GPU Adreno 640.

Na parte das câmeras, há um conjunto quíntuplo: na traseira são três lentes, sendo 16MP (ultra grande angular) + 12MP (grande angular) e 12MP (teleobjetiva); no interior há a câmera para selfies de 10MP e um sensor de profundidade RGB; e uma outra câmera para selfies quando em modo celular também de 10MP.

Já na bateria, são duas versões de acordo com a rede escolhida: nos mercados onde há 5G, a bateria será de 4.235mAh; nos mercados com conectividade 4G, será um pouco maior, de 4.380mAh.

O lançamento nos Estados Unidos está previsto para o dia 27 de setembro
O lançamento nos Estados Unidos está previsto para o dia 27 de setembro

Para os Estados Unidos a previsão é que o lançamento aconteça no final do mês, mais precisamente no dia 27 de setembro, uma sexta-feira. Um detalhe importante é que os novos iPhones, que serão anunciados na próxima terça-feira, deverão chegar ao mercado ainda antes dessa data, provavelmente no dia 20 de setembro.

O que mudou no Galaxy Fold

A ideia de um smartphone que pode se desdobrar e se tornar um tablet em momentos de necessidade tornou-se um novo foco no mercado de dispositivos móveis esse ano. Muitas empresas estão apostando em seus modelos dobráveis e a Samsung foi uma das primeiras a realmente apresentar um aparelho com esse tipo de tecnologia.

Segundo a empresa, o Galaxy Fold foi feito para inspirar novas experiências. Quando fechado, é possível ter acesso as funções mais essenciais utilizando apenas uma mão. Quando aberto, ele se torna uma ótima ferramenta multitarefas, uma opção mais confortável para ver vídeos, jogar e curtir uma experiência mais imersiva em uma tela de 7.3 polegadas.

Porém, quando começou a ser testado para reviews, alguns problemas foram encontrados e teve que ser retirado para avaliação e reparos. Primeiro foi a melhora na camada de proteção da tela. Nas unidades iniciais essa camada de proteção não estava totalmente presa no topo da tela, o que fez com que muitas pessoas acreditassem que ela fosse removível e por isso estragando o aparelho no mesmo dia em que receberam. Com as melhorias, a camada protetora está bem presa, sem possibilidades de ser confundida com uma proteção removível e diminuindo o risco que isso aconteça.

Com a mudança, a camada de proteção da tela já não terá pontas soltas para que possa ser removida facilmente
Com a mudança, a camada de proteção da tela já não terá pontas soltas para que possa ser removida facilmente

Outra mudança feita pela empresa foi a de diminuir os espaços no topo e na parte de baixo do aparelho. Esses espaços estavam muito afastados, o que facilitava bastante a entrada de poeira e partículas e com isso aumentavam as chances de danificar o aparelho mais rapidamente. Eles também reforçaram o painel dobrável adicionando camadas extras de metal por baixo da tela. Com isso aumentam as chances de proteger o interior do aparelho mesmo que partículas consigam ultrapassar os espaços mais fechados.

Embora não exista nenhuma mudança tão grande a ponto de mudar o visual do Galaxy Fold, essas melhorias feitas pela empresa acabaram tornando-o um pouquinho mais pesado e mais grosso. A diferença, entretanto, é bastante pequena em comparação às primeiras unidades. Ele passou de 15.5mm de grossura para 15.7mm e, se antes pesava 264g, agora pesa 276g. São mudanças que não serão realmente sentidas no uso diário por quem já tinha utilizado o aparelho, mas que valem ser destacadas.

Ainda não se sabe quando o Galaxy Fold chegará no Brasil, mas espera-se que o aparelho não demore muito a ser lançado por aqui após o lançamento nos Estados Unidos. Outros países que também já vão começar a receber os aparelhos em setembro são a França, Alemanha e Reino Unido.

Fonte: Samsung Newsroom

Adicionar Comentário

Clique aqui para postar um comentário

Deixe uma resposta