Netflix custará R$ 19,90 para novos assinantes, usuários atuais só terão aumento em 1 ano

Netflix
Novas assinaturas do Netflix custarão R$ 19,90 por mês, enquanto usuários atuais pagarão R$ 16,90 por mais um ano.

Netflix

O serviço de streaming de vídeos Netflix começou a notificar seus usuários brasileiros sobre o reajuste no preço das mensalidades do serviço de R$ 16,90 para R$ 19,90.

O novo valor, porém, só passará a ser cobrado dos usuários atuais daqui a 1 ano. Para novos assinantes, o preço maior deve começar a ser praticado hoje. O serviço chegou ao Brasil em 2011 custando R$ 14,90/mês.

A assinatura não ficará mais cara apenas no mercado nacional: segundo o CEO Reed Hastings as assinaturas custarão “um ou dois dólares” a mais por mês em todos os territórios cobertos pelo Netflix. Na Europa a mensalidade aumentará 1 Euro e no Reino Unido, 1 Libra. Contudo, para quem já é assinante do serviço no continente europeu, o preço atual será mantido por 2 anos.

Assinantes atuais estão recebendo um email como o abaixo, comunicando as alterações:

Para adicionarmos cada vez mais filmes e séries de TV, estamos ajustando o preço da assinatura de R$16,90 para R$19,90 para novos assinantes. Como você já é assinante da Netflix, gostaríamos de agradecê-lo garantindo o preço da sua assinatura atual de R$16,90 por um ano. O preço que você paga atualmente só será ajustado para R$19,90 em ou após o dia 1o. de junho de 2015, desde que você continue assinando seu plano atual.

Planos de assinatura Netflix

Atualização: Tarde demais! Os novos preços já estão no ar no site do Netflix, conforme a imagem acima. Para quem não quiser pagar R$ 19,90, o serviço contará agora com uma opção mais em conta, R$ 17,90. Este pacote porém, não transmite conteúdos em alta definição e permite assistir vídeos em apenas um dispositivo de cada vez.

Fontes: WPCentral, The Verge, Netflix

4 Comentários

Clique aqui para postar um comentário

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

  • + ou -, tem algum conteúdo muito bom, mas ainda, aqui no Brasil, o
    conteúdo é muito antigo, tem poucos, como o Lobo de Walstreet (que acho
    que foi colocado para justificar o aumento…rs) que são novos, vou
    continuar assinando, mas o alerta já está em amarelo. Dois anos seguidos
    e já aumentou 13,42% e 17,75% respectivamente, não gosto de inflação,
    já vivi em tempos até piores, mas não quero que volte, logo, se não
    aumentar o conteúdo (sem ser porcaria), e principalmente nas séries, não
    aparecerem as novas temporadas mais rapidamente, vou reavaliar se
    realmente vale a pena.

Receba notícias por e-mail

Receba notícias no seu e-mail
Holler Box
%d blogueiros gostam disto: