Elon musk

ONU desafia Elon Musk a acabar com a fome mundial por US$ 6 bi

Avatar of victor pacheco
O bilionário disse que venderia ações da Tesla e doaria o dinheiro caso a ONU provasse ser possível acabar com a fome com US$ 6 bi, e agora recebeu a resposta

Você acha que pessoas que estão na lista de grandes bilionários em todo o mundo poderiam fazer mais pela humanidade? Como uma resposta sobre um questionamento, a ONU desafia Elon Musk para que a fome mundial seja erradicada por meio de um “pequeno” investimento da fortuna do dono de empresas como Tesla e SpaceX.

Em outubro deste ano, Elon Musk provocou a Organização das Nações Unidas, citando que caso Plano Mundial de Alimentos (PMA) provasse que fosse realmente possível acabar com a fome mundial com “apenas” US$ 6 bilhões, então ele venderia ações da Tesla para contribuir. A resposta da ONU chegou, e você confere as informações agora mesmo.

O pedido de Elon Musk

Para entender como chegamos a este momento, é preciso fazer uma pequena volta no tempo. Em outubro deste ano, durante uma entrevista para o canal estadunidense CNN, David Beasley, diretor do Plano Mundial de Alimentos, citou que uma doação única (onde bilionários de todo o mundo poderiam se unir) de US$ 6 bilhões poderia salvar mais de 42 milhões de vidas.

“É por isso que os bilionários precisam dar um passo à frente agora. Seis bilhões de dólares para ajudar 42 milhões de pessoas que literalmente morrerão se não os alcançarmos. Não é complicado. Não estou pedindo a eles que façam isso todos os dias, todas as semanas, todos os anos.”

David Beasley, diretor do Plano Mundial Alimentar

Com isso, após a entrevista, muitas pessoas começaram a cobrar tanto Elon Musk, que possui uma fortuna avaliada em US$ 288 bilhões, quanto outros bilionários, como Jeff Bezos (com uma montante de de US$ 206 bilhões), proprietário da Amazon.

Onu desafia elon musk e jeff bezos
Principais bilionários foram desafiados a fazerem doação em conjunto para acabar com fome do Mundo.
Fonte: Standard UK

Mas o dono da Tesla e SpaceX respondeu a este questionamento, citando que caso a ONU realmente provasse com dados e planejamento que o valor de US$ 6 bilhões poderia realmente acabar com a fome do mundo, então ele estaria vendendo ações da Tesla para conseguir esse valor (sem a interferência de outros grande empresários). Veja o tweet:

Como o Plano Mundial de Alimentos funciona?

Como uma divisão da ONU, o Plano Mundial de Alimentos é focado em fornecer comida para todas as pessoas do mundo. Por ano, cerca de 91,4 milhões de pessoas recebem ajuda deste programa em 83 países. Além de fazer a separação de alimentos para os mais necessitados, o PMA também atua na arrecadação de dinheiro para que todos os projetos saiam do papel e a fome seja erradicada.

Logo do programa mundial de alimentos
Programa Mundial de Alimentos é focado em acabar com fome em países pobres.
Fonte: ONU

Atuando como a maior organização humanitária do mundo que trata da fome e promove a segurança alimentar, são realizadas ações para que todas as pessoas afetadas pela pobreza tenha acesso ao básico para não morrerem de fome. Durante a pandemia da COVID-19, supõe-se que 270 milhões de pessoas quem moram em países onde o PMA atua tenham passado por dificuldades, com um aumento de 82%.

Equipe do pma
Integrantes do PMA ganharam importante prêmio em 2020.
Fonte: Twitter/ WFP South Sudan

Em 2020, o Plano Mundial de Alimentos foi premiado com o Prêmio Nobel da Paz devido a “seus esforços no combate à fome, pela sua contribuição para melhorar as condições de paz em áreas afetadas por conflitos e por atuar como uma força motriz nos esforços para prevenir o uso da fome como arma de guerra e de conflito”. Sem dúvidas este é um dos programas mais necessários em um momento de reestruturação da economia.

ONU desafia Elon Musk sobre investimentos para acabar com fome mundial

Com o pedido para que então, a Organização das Nações Unidas realmente provasse que a fome poderia ser erradicada, Elon Musk teve a resposta que tanto desejava. No site oficial do Programa Mundial de Alimentos, foram publicados todos os detalhes de como o valor de US$ 6 ,6 bilhões seria utilizados, veja:

  • US$ 3,5 bilhões para compra alimentos e entrega disso tudo;
  • US$ 2 bilhões em dinheiro e vales-alimentação;
  • US$ 700 milhões para custos específicos do país para projetar, ampliar e gerenciar a implementação de programas eficientes e eficazes para milhões de toneladas a mais de alimentos e transferências de dinheiro e vouchers;
  • US$ 400 milhões para gestão, administração e responsabilidade de operações globais e regionais.

O valor total do investimento do PMA para acabar com a fome seria de US$ 6,6 bilhões. Este dinheiro seria aproveitado em mais de 83 países e poderia beneficiar mais de 42 milhões de pessoas, mas a possibilidade pode aumentar na prática, pois estamos falando apenas sobre a teoria. E agora, a ONU desafia Elon Musk a ser uma voz ativa na erradicação da fome.

Elon Musk ainda não respondeu sobre caso

Estando com as informações necessárias de seria possível que a fome pudesse ser erradicada em todo o mundo, o dono da Tesla ainda não se pronunciou desde o tweet de David Beasley. Outros bilionários, como Jeff Bezos, não chegaram a falar sobre o assunto — mesmo podendo se unir para ajudar o Programa Mundial de Alimentos.

Em seu perfil oficial do Twitter, o diretor do Programa Mundial de Alimentos citou que o número de pessoas com fome extrema em cinco países já chega a 20 milhões, e o investimento de Elon Musk poderia mesmo salvar diversas vidas. Nos resta esperar para ver os próximos capítulos desta história.

Você acha que veremos uma resposta de Elon Musk e o grande bilionário cumprirá a promessa de vender ações da Tesla para arrecadar o valor de US$ 6 bilhões? Comente abaixo!

Veja também

Sabia que na última semana, Elon Musk realizou a venda de ações da Tesla por US$ 5 bilhões? Veja detalhes:

Fontes: Business Insider, Fortune, CNBC, PAM e Unric

Inscreva-se para receber nossas notícias:

Total
18
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Relacionados