Qualcomm prevê até 40 dispositivos conectados nas casas até 2022

Qualcomm prevê até 40 dispositivos conectados nas casas até 2022
A Qualcomm apresentou na sua sede em São Paulo uma amostra do que será possível ser feito dentro das casas nos próximos anos.

Depois dos smartwatches, smartphones, smartTVs e demais ‘aparelhos espertos’, chegou a vez dos ‘smart routers’ ou ‘roteadores inteligentes’. A Qualcomm apresentou na sua sede em São Paulo uma amostra do que será possível ser feito dentro das casas nos próximos anos.

Assim, práticas como acionar todo e qualquer tipo de dispositivo apenas falando com seu roteador serão a realidade. Além disso, entre esses dispositivos entram desde de um aparelho de ar condicionado, um alto-falante inteligente ou uma geladeira, a até mesmo uma simples lâmpada!

Qualcomm prevê até 40 dispositivos conectados nas casas até 2022

A era dos “Smart Routers”

A Qualcomm antecipou em seu evento o que chamou de “era dos smart routers”. Com essa ideia, ela prevê que até 40 dispositivos poderão ser conectados e controlados simultaneamente nas casas até 2022. Além disso, esse conceito reúne tecnologias como WiFi Mesh, Internet das Coisas e comando de voz em um único equipamento. Assim, possibilita o controle de aparelhos compatíveis inclusive à distância.

De acordo com a empresa, isso será possível graças ao conjunto de tecnologias reunidas neste smart router. A principal delas é a WiFi Mesh, sistema de distribuição de sinal Wi-Fi ‘em malha’ por meio de vários roteadores menores. Assim, esses roteadores estabelecem comunicação entre si de modo a transmitir de forma homogênea a conexão à internet por todos os cômodos de uma casa ou pequena empresa.

Qualcomm prevê até 40 dispositivos conectados nas casas até 2022

Outras tecnologias envolvidas

Entretanto, os smart routers trarão também conectividade Bluetooth e a chamada ZigBee. Esse tipo de conectividade é um padrão utilizado por sistemas de automação residencial. Além disso, também terão um assistente de voz embarcado que, neste caso, será o Alexa.

Com isso, você dirá algo como “Alexa, ligue a luz da garagem” ou “Alexa, ligue o som da sala” e, como um passe de mágica, tudo funcionará ao seu comando de voz. Porém, o único problema é que esses comandos terão de ser falados em inglês, pelo menos inicialmente.

Qualcomm prevê até 40 dispositivos conectados nas casas até 2022

Mas isso deve mudar em 2019, quando a Amazon promete que a Alexa estará falando português fluentemente. Além disso, outra boa notícia é que outros assistentes de voz como o Google Assistente ou mesmo a Siri da Apple também poderão ser implementados nesse produto.

Qualcomm de olho no futuro

De acordo com Hamilton Matias, diretor de produtos conectados para a América Latina, essa tendência tecnológica é irreversível. Em 2012, haviam até 8 dispositivos inteligentes conectados nas residências norte-americanas. Porém, esse número saltou para 24 no ano passado.

Qualcomm prevê até 40 dispositivos conectados nas casas até 2022

Assim, a expectativa para 2022 é que o número de dispostivos que possuam tecnologia IoT (Internet of Things ou Internet das Coisas na tradução livre) poderá chegar a 50 por residência. Por fim, a Qualcomm também anunciou que os primeiros modens com tecnologia Mesh 2.0 chegarão ao solo brasileiro ainda este ano!

Porém, já existe pelo menos um modelo sendo vendido oficialmente por aqui: é o Deco M5 da TP-Link . Os demais poderão ser o Asus Lyra Trio e o Samsung Home Pro. Já o roteador inteligente ainda não tem prazo para ser lançado por aqui. Porém, nada que impeça os já citados fabricantes tragam suas versões para o Brasil.

A aí? O que acharam das novidades da Qualcomm para os próximos anos? Não deixem de comentar!

Assine nossa Newsletter