E3 2019: os dez momentos mais marcantes das conferências

Entre bizarrices engraçadas e surpresas agradáveis, listamos os dez dos melhores momentos eternizados no maior evento de videogames do planeta.
Entre bizarrices engraçadas e surpresas agradáveis, listamos os dez dos melhores momentos eternizados da E3 2019

A E3 2019 chegou ao fim, deixando dezenas de jogos ainda não lançados pendurados no penhasco do hype. O evento é sempre uma celebração do universo do entretenimento eletrônico, promovendo tanto visões artísticas dos estúdios quanto poderio tecnológico por parte das fabricantes de consoles e outros tipos de hardware.

Mesmo sem a presença da Sony PlayStation, a E3 2019 foi marcada por diversos anúncios inesperados e momentos emocionantes que ficarão na memória dos espectadores. Vamos relembrar um pouco das principais conferências em um Top 10 de encher os olhos.

Futebol de rua

O bom e velho Fifa Street deixou saudades da época de ouro do PlayStation 2, mas não por muito tempo: o futuro título numerado da franquia de esportes receberá um modo de jogo que vai alegrar os mais nostálgicos.

A novidade foi anunciada na E3 2019 e se chamará Football Volta. Essa nova modalidade funcionará como um modo jornada, onde podemos criar e personalizar nosso jogador. Assim como nos títulos da franquia de futebol de rua, haverá diversas localidades inspiradas nos bairros periféricos mais conhecidos das grandes cidades do mundo.

Battle Royale de Fallout 76

Em 2018, muitos fãs da franquia Fallout se decepcionaram com Fallout 76 — seja pelas opiniões divisivas sobre as funcionalidades online ou pelos bugs tão comumente encontrados pela comunidade. Em 2019, a Bethesda decidiu agradar um pouco do público criando novos modos de jogo para o RPG de mundo aberto.

Apelidado de Nuclear Winter, o modo battle royale de Fallout 76 já pode ser baixado gratuitamente caso você já possua o jogo base. Um total de 52 jogadores disputarão para ver quem será o grande overseer do Vault 51.

Novo Xbox na E3 2019?

A nova geração de consoles está mais próxima do que imaginamos. Sabendo disso, a Microsoft resolveu dar alguns detalhes sobre o que será seu novo projeto de hardware (que ainda não tem nome, mas é conhecido pelo codinome Xbox Project Scarlett).

Já foram confirmados recursos como resolução 8K nativa, taxa de desempenho de até 120 quadros por segundo (fps) e ray tracing em tempo real — tecnologia recentemente revelada pela NVidia. A escolha de SSD para armazenamento também indica que o futuro console será ainda mais rápido para carregamentos dentro do jogo e nos menus. O preço, nome final e design exterior, porém, ainda não foram divulgados.

O retorno dos fliperamas

A distribuidora de jogos independentes Devolver Digital escandaliza, ano após ano, a cena das conferências com toda sua irreverência narrativa e visual, aproveitando a oportunidade para alfinetar as políticas das grandes empresas. Em formato satírico ao Nintendo Direct, a empresa revelou Enter The Gungeon: House of the Gundead.

O produto trata-se, na verdade, de um fliperama em tamanho real que faz referência a clássicos como House of the Dead, jogo arcade muito popular nos anos 80 e 90. A “máquina” já se encontra em pré-venda pela bagatela de 5 mil dólares americanos (cerca de vinte mil reais). É, acho que não é desta vez que vamos jogá-lo no Brasil tão facilmente!

Irmãos Bowser

O chefão da série Super Mario cansou de procurar empregos dentro dos videogames e decidiu expandir seus negócios para o Nintendo Direct. Durante a apresentação em vídeo, Bowser apareceu e trocou algumas palavras com o apresentador, Yoshiaki Koizumi, mas foi interrompido por uma terceira personalidade.

O novo presidente da Nintendo of America, Doug Bowser, tratou de explicar o mal-entendido. A brincadeira foi bem sadia e engraçada, com o próprio executivo explicando que seu nome em nada se relaciona com o vilão da Nintendo. Que coincidência curiosa!

Fantasia medieval em dose dupla

Alguns rumores já se espalhavam pela internet semanas antes da E3 2019 indicando que a FromSoftware, desenvolvedora do recém-lançado Sekiro: Shadows Die Twice, estaria trabalhando em um projeto com o elogiado escritor inglês George R.R. Martin. O título Great Rune foi o que mais ganhou maior atenção dos públicos em fóruns como Reddit e ResetEra.

E não é que o ambicioso projeto era verdade? Vazado alguns dias antes da conferência da Microsoft (onde foi oficialmente revelado), Elden Ring é o verdadeiro nome do jogo que misturará um gameplay à la Dark Souls com uma narrativa nos moldes dos livros de Game of Thrones (ou As Crônicas de Gelo e Fogo).

Uma sequência inesperada

Esse certamente era um sonho distante para os “nintendistas”. Todos sabiam que a lendária série Zelda apareceria com os já anunciados The Legend of Zelda: Link’s Awakening e Cadence of Hyrule, mas a grande surpresa ficou por conta do último trailer, revelado após o apresentador Yoshiaki Koizumi se despedir das câmeras.

Ainda sem nome, a sequência de The Legend of Zelda: Breath of the Wild parece se passar no mesmo mundo já conhecido pelos fãs, mas aparenta ter algo de bem misterioso em sua trama. O produtor da série, Eiji Aonuma, afirmou que o título em desenvolvimento não se relaciona diretamente com o bizarro The Legend of Zelda: Majora’s Mask, mas se trata de algo ainda mais obscuro.

“Cão-panheiro” dos games

Durante o anúncio do mais novo jogo da Ubisoft, o shooter Tom Clancy’s Ghost Recon Breakpoint, o ator Jon Bernthal da série The Walking Dead foi convidado para o palco para falar um pouco mais sobre sua participação no jogo. O que mais surpreendeu o público, porém, foi o fiel escudeiro do artista.

Jon Bernthal e seu companheiro canino Bam Bam foram as estrelas no evento da Ubisoft na E3 2019.
Jon Bernthal e seu companheiro canino Bam Bam foram as estrelas no evento da Ubisoft na E3 2019.

Bam bam, cachorro de Jon, também entrou no palco e ficou calmo ao lado de seu dono. As câmeras e a atenção dos jornalistas presentes ficaram divididas, mas certamente um amigo canino não pe algo que se vê todo dia em uma conferência de games.

Simpatia e naturalidade no palco da E3 2019

Todos sabíamos que Shinji Mikami, fora dos holofotes desde The Evil Within (2014), estava trabalhando junto a Tango Gameworks em um novo projeto. Durante a conferência da Bethesda, a diretora criativa Ikumi Nakamura explicou um pouco mais sobre o intitulado Tokyo: Ghostwire, mas quem acabou sendo alvo de elogios foi a própria apresentadora.

Com toda sua animação e naturalidade, a responsável pela parte artística do projeto falou em inglês sobre o novo jogo — que ainda não foi totalmente revelado, mas parece ser uma mistura de survival horror com ação investigativa. A postura de Ikumi foi elogiada pelos espectadores presentes na conferência da Bethesda por sair da zona de conforto e monotonia dos discursos de executivos como Todd Howard.

Uma surpresa de tirar o fôlego

Parece que as grandes produções de games e a indústria Hollywoodiana estão cada vez mais próximos. Depois do vasto elenco revelado para Death Stranding, novo jogo de Hideo Kojima, foi a vez da CD ProjektRed revelar um dos grandes nomes do cinema para o aguardadíssimo Cyberpunk 2077: o ator canadense Keanu Reeves.

Reeves — que interpretará o papel de um mercenário chamado Johnny Silverhand — disse que o mundo em Cyberpunk 2077 é “de tirar o fôlego”. Para surpresa de todos, um dos espectadores no local gritou que o próprio ator era “de tirar o fôlego”. Reeves replicou dizendo o mesmo sobre o público, eternizando um momento totalmente inesperado e aumentando ainda mais a antecipação pelo RPG em primeira pessoa.

Adicionar Comentário

Clique aqui para postar um comentário

Deixe uma resposta

Receba nossas notícias:
[widget id="jackmail_widget-2"]
Holler Box