Google exibe soluções para eleições de 2022 contra fake news

Google exibe soluções para eleições de 2022 contra fake news

Avatar of victor pacheco
Ações são focadas na diminuição de fake news, chegada de relatório de transparência e incentivo a pequenas minorias. Entenda o o que Google prepara para eleições de 2022

Em uma coletiva para imprensa, hoje foi dia do Google apresentar suas ações para que as eleições de 2022 sejam seguras e com informação de qualidade. Faltando pouco mais de um ano para que todos os brasileiros voltem às urnas para escolherem um novo Presidente da República e Governadores dos Estados, o Google está atuando ainda mais forte com o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), parceria que acontece desde 2014.

Entre as novidades para as eleições de 2022, um relatório de transparência sobre todos os anúncios com cunho político será exibido para brasileiros, assim como a multinacional também estará atuando para que as fake news sejam combatidas, isso por meio de um trabalho realizado por jornalistas. Confira tudo o que deve ser feito pelo Google para que fato, todos tenhamos acesso à informação necessária.

Ação com TSE estará ainda mais intensificada

Desde 2014, o Google fechou uma parceria com o TSE para agir como uma ferramenta contra disseminação de notícias falsas e claro, conseguir entregar os melhores resultados possíveis. E isso não está valendo apenas para o âmbito eleitoral, como afirmou Aline Osório, secretária-geral da Presidência do TSE. As notícias falsas até podem ser maiores e mais graves no período eleitoral, mas com toda certeza, também estão chegando a outros pontos da sociedade.

“Ficou evidente que a desinformação não se restringe ao período eleitoral. Essa desinformação que tenta enfraquecer as bases da democracia é contínuo, então precisamos de ações para mitigar os efeitos negativos desde já”.

Aline Osório, secretária-geral da Presidência do TSE

Tal parceria entre Google e TSE também é focada em oferecer captação para servidores do órgão público, onde todos recebem o conteúdo necessário para agir e conseguir agir para que a disseminação de notícias falsas não aconteça.

Você pode não saber, mas na última eleição municipal de 2020, o Google ofereceu dois painéis para que todos os seus usuários tenham acesso ao máximo de informação, sendo eles: “Dúvidas sobre o Título de Eleitor” e “Como votar”. Geralmente, resultados para perguntas do dia a dia são “puxados” de artigos relacionados ao assunto, mas neste caso, o próprio Tribunal Superior Eleitoral realizou a curadoria de todo o conteúdo.

Dados de parceria entre tse e google para eleições de 2022
Parceria entre Google e TSE acontece desde 2022

O mesmo vale para medida contra a COVID-19 em meio às eleições, isso antes e no dia de todos votarem. Se por algum motivo, você fez uma pesquisa sobre assunto eleitoral no ano passado, saiba que teve acesso a isso devido à parceria entre Google e TSE. E isso está sendo intensificado para que em 2022, o mesmo trabalho seja feito.

Relatório de transparência será disponibilizado para toda a população

Já disponível em oito países, um das principais ferramentas que devem ajudar a saber o valor, quem investiu e até mesmo quais Estados estão recebendo um maior investimento político, assim como as instituições estão colocando dinheiro nisso.

Relatório de transparência para eleições de 2022
Relatório deve ajudar a saber por quem e onde está sendo feito o investimento em anúncios políticos

O relatório de transparência já está disponível em oito regiões do Mundo e foi anunciado hoje que o Google também deve trazer isso para o Brasil até o fim do primeiro semestre de 2022. Não haverá cobranças ou limitações para que todos possam conferir tais informações, isso sendo disponibilizado em uma página própria do Google.

Verificação de anúncios estará ainda mais rígida

Se sabe que os anúncios podem ser utilizados como uma forma de espalhar mentiras e até mesmo enganar pessoas que não possuem um alto filtro para identificar uma notícia falsa, certo? Com isso em mente, o Google está deixando a aprovação de anúncios relacionados a política ainda mais rígida. Além de passar pela aprovação do algoritmo, também haverá uma verificação humana assim que um anúncio eleitoral for submetido para a plataforma.

Outro ponto rígido é que o criador do anúncio, que pode ser o próprio candidato ou até mesmo uma empresa especializada, precisa se identificar que isso também seja colocado no ar. E isso vale para tudo, onde segundo o Google, mesmo se você tiver realizando apenas uma menção a partidos políticos, titulares de cargos eleitos, ou candidatos à Câmara dos Deputados, ao Senado Federal, à Vice-Presidência e à Presidência. 

Anúncios políticos no google para eleições de 2022
Anúncios políticos em eleições de 2022 deverão ter identificação

Natalia Kuchar, que é advogada e integrante da Ads & Platforms, também aproveitou para avisar que a partir do dia 17 de novembro deste ano, todas as pessoas que preferirem anunciar na plataforma do Google agora precisarão informar CPF e/ou CNPJ para serem aprovados. Desde de 15 setembro, isso estava sendo realizado de forma voluntária, mas a partir desta data, passa a ser obrigatório. Também será necessário informar o nome da pessoa que passou por isso e que o mesmo é uma propaganda eleitoral.

Verificação de eleição de 2022
Google estará ainda mais rígido para eleições de 2022

Tais ações valerão tanto para a disposição de anúncios exibidos em resultados de pesquisas como no YouTube. Todas as informações enviadas pelas pessoas que contrataram um espaço no Google também estarão disponíveis no relatório de transparência, onde isso de fato deve ficar mais forte no começo do ano que vem.

Parceria com veículos de imprensa para evitar fake news

Por meio de um grupo que conta com 33 veículos de imprensa e leva o nome de COMPROVA, o Google também estará se unindo a estes profissionais para que o período de eleições de 2022 seja o mais seguro e claro, não tenhamos tantas notícias falsas. A informação foi ressaltada por Marco Túlio Pires, líder do Google News Labs.

Google exibe soluções para eleições de 2022 contra fake news. Ações são focadas na diminuição de fake news, chegada de relatório de transparência e incentivo a pequenas minorias. Entenda o o que google prepara para eleições de 2022
COMPROVA é composto por um grupo de 33 veículos de imprensa

Tal parceria está ativa desde 2018 e tem ajudado todos os usuários a terem acesso a uma informação de qualidade. Cursos para jornalistas, em parceria com a ABRAJI (Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo) também foram oferecidos para que a verificação de informação seja a mais assertiva possível.

Segundo o Google, mais de 3 mil profissionais de jornalismo de 23 estados brasileiros se inscreveram para participar da primeira turma on-line do curso, que deve abrir novas inscrições até abril de 2022. A tempo das eleições de 2022.

Outra novidade que deve impulsionar o período de eleições de 2022 é uma página do Google Trends criada apenas com conteúdo político, esta que claro, será atualizada em tempo real com informações de qualidade. Tal novidade também esteve disponível no ano passado e pode ser acessada até hoje.

Focado em trabalhar com jornalistas para que as melhores informações sejam postadas, também foi citado que o Google está abrindo um canal direto para estes profissionais. No caso de alguma necessidade decorrente do Google Trends, basta enviar um e-mail para [email protected] com prazo de entrega, termos de interesse e período de análise. O endereço [email protected] também será um canal disponível.

Google Play também será usada como ferramenta nas eleições de 2022

No período de eleições, é alto o número de pessoas que procuram por aplicativos relacionados à política como uma forma de se informarem mais sobre o assunto. Durante a conferência de hoje, foi possível saber que a loja de aplicativos também será configurada para ser o mais confiável possível. Isso inclui uma revisão periódica de softwares que sejam usados para enganar usuários.

Mulher instalado o e-título
E-título e outros aplicativos receberão destaque em eleições de 2022

Decorrente da parceria com o TSE, aplicativos desenvolvidos por órgãos do Governo também receberão destaque na página inicial, para que os donos de aparelhos com Android não precisem fazer uma grande pesquisa durante o período de eleições de 2022. Uma seção apenas com aplicativos relevantes, como o e-título e relacionados também será criada. Treinamentos com equipes da Justiça Eleitoral também estão sendo realizados para que o desenvolvimento de boas práticas seja ainda mais aprimorado.

Fundo para organizações com atividades para pequenas minorias

Por meio do Google.org, que pode ser definido como uma parte filantrópica da empresa de navegadores, foi anunciado que o valor de R$ 1,5 milhão será destinado para organizações que estiverem desenvolvendo projetos que resultarão na candidatura de pessoas que fazem parte de minorias. Isso inclui:

  • Indígenas;
  • Toda a comunidade LGBTQIA+;
  • Comunidade Negra;
  • Mulheres.

Dessa forma, o Google espera aumentar a diversidade política em nosso país. No ano de 2020, as mulheres representavam apenas 12% de todos os prefeitos eleitos durante o primeiro turno, levando dados de todo o Brasil. Isso deve mudar com tais investimentos em instituições que são focadas justamente neste público.

Google tem atuado para ser um braço importante no período eleitoral de 2022

As eleições de 2022 devem ser um período ainda mais importante em um país que passou por uma perda de mais de 600 mil vidas, onde toda e qualquer informação falsa deve ser evitada. O Google, como maior ferramenta de pesquisa que temos em nosso dia a dia, espera que tais ações anunciadas hoje possam ajudar neste ponto.

Mulher realizando votação em urna eletrônica
São Paulo – Movimento de eleitores na 250ª Zona Eleitoral da Lapa, localizada na Escola Heitor Garcia, durante as eleições municipais.

Uma das ferramentas que mais devem ajudar nisso é o relatório de transparência, que deve estar disponível até junho de 2022. Dessa forma vai ser possível o quanto os candidatos estão investindo para que seus nomes e ideias sejam vistos na internet. Mais detalhes sobre as novidades apresentadas hoje para o período de eleições de 2022 devem ser compartilhados em breve.

Veja também

O Twitter é outra rede social que está agindo para que as notícias falsas deixem de circular dentro de seu âmbito virtual, confira:

Fonte: Google

Inscreva-se para receber nossas notícias:

Total
4
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Relacionados