Nona geração: o poder dos processadores Intel Core i5, i7 e i9 em games

12 990x703 - Nona geração: o poder dos processadores Intel Core i5, i7 e i9 em games
Segundo Intel, os novos processadores Intel Core i5, i7 e i9 de nona geração foram desenvolvidos com praticantes de e-sports em mente

A Intel realizou um evento para explicar a potência de seus novos processadores já lançados no Brasil. Disponíveis em território nacional desde o início de novembro, os Intel Core da nona geração  são, basicamente, uma atualização em cima da arquitetura presente nos chips Coffee Lake da geração anterior. Confira mais detalhes:

Os Intel Core de nona geração são ideais para a prática de e-Sports

esports - Nona geração: o poder dos processadores Intel Core i5, i7 e i9 em games
Segundo Intel, novos processadores Coffee Lake Refresh vencem qualquer jogo

Apelidada de Coffee Lake Refresh, a nona geração de processadores Intel Core tem seu lançamento voltado para um público em especial: praticantes de e-Sports. Caso desconheça o termo, os e-sports são nada menos do que a prática de esportes no mundo eletrônico.

Porém, diferentemente de esportes convencionais, aqui, temos uma demanda por alto poder de processamento, uma vez que profissionais do ramo prezam por altas taxas de quadros por segundo em jogos que são exigentes por natureza. E é aí que os novos chips da Intel entram em ação:

“O lançamento do processador Intel Core i9 de nona geração é um marco para o universo de e-Sports”

“O lançamento do processador Intel Core i9 de nona geração é um marco para o universo de e-Sports”, afirma Carlos Buarque, diretor de Marketing da Intel Brasil, que diz que o novo processador “é o melhor da Intel para games”.

1 3 - Nona geração: o poder dos processadores Intel Core i5, i7 e i9 em games
i9-9900K bateu 16 recordes de benchmark

Este modelo citado por Carlos Buarque é o processador topo de linha da geração, que leva o nome de Intel Core i9-9900K. Desbloqueado para overclock, o chip bateu 16 recordes de benchmark, alcançando um clock de 7,1 GHz – seu clock base é 3,6 GHz.

De acordo a Intel, a empresa está apenas acompanhando o mercado de hardware para games, que cresce a cada dia. Segundo a consultoria americana DFC Intelligence, o mercado de PCs com hardware avançado e dedicado a jogos cresceu cerca de 40% em relação ao ano de 2017, o que totalizou em aproximadamente US$ 40 bilhões movimentados.

Além do i9-9900K, outros dois processadores deram as caras no Brasil: i5-9600K e i7-9700K. Enquanto o primeiro tem seis núcleos rodando a um clock base de 3,7 GHz, o último tem oito núcleos rodando a um clock base de 3,6 GHz.

Esses três modelos, que já podem ser comprados em algumas poucas lojas do varejo online, já estão presentes em computadores de marcas como 2 A.M Gaming e Rawar. Quanto aos Intel Core de nona geração para notebooks, a fabricante afirma que eles chegarão somente em 2019, sem especificar a data.

Inteligência artificial e conexão 5G também são foco da Intel

5G connectivity - Nona geração: o poder dos processadores Intel Core i5, i7 e i9 em games
Intel está fazendo a sua parte na implementação de redes 5G

No mesmo evento, a Intel explicou suas principais ideias para as seguintes áreas: inteligência artificial, redes 5G, internet das coisas, realidade aumentada, realidade virtual e data centers. De acordo com a empresa, estas tecnologias transformarão a sociedade de uma maneira positiva, permitindo que tomemos decisões com maior velocidade e precisão.

“Em resumo, estamos em uma nova era da computação centrada em dados. A proliferação da nuvem, a iminente transição para o 5G e o crescimento da inteligência artificial (AI) e da análise de todos os tipos de dados estão levando a uma mudança no mercado”, explica Maurício Ruiz, diretor geral da Intel Brasil.

Enquanto a inteligência artificial ganha espaço pouco a pouco em lugares como China, Índia, Reino Unido, França e União Europeia, as redes 5G prometem avançar de maneira mais rápida. De maneira a contribuir para isso, a Intel lançou um portfólio de transceptores 100G com fotônica em silício e o modem multimodal Intel XMM 8160 5G. Este último é, segundo a fabricante, otimizado para trazer a conexão 5G a smartphones, computadores e outros.

“Queremos acelerar o processo de leilões de frequência para garantir que as redes 5G entrem em funcionamento o quanto antes”

“Queremos acelerar o processo de leilões de frequência para garantir que as redes 5G entrem em funcionamento o quanto antes, melhorando a experiência de usuários que trabalham e consomem conteúdo online”, afirma Ruiz.

No entanto, apesar dos esforços dessa e de outras empresas, a tecnologia 5G ainda deve demorar a ser implementada no Brasil – leia mais aqui. Além disso, já mencionamos que o iPhone só deve ganhar compatibilidade com este tipo de sinal em 2020.

Onde comprar os novos processadores da Intel

Caso esteja cansado de lidar com baixas taxas de FPS e deseje fazer um upgrade, saiba que é possível encontrar um Intel Core i5-9600K por a partir de R$ 1.659,60. Enquanto isso, os processadores Intel Core i7-9700K e Intel Core i9-9900K saem por R$ 2.431,80 e R$ 3.176,28, respectivamente.

Leia também

Carros autônomos serão populares daqui 50 anos, afirma Intel

12 - Nona geração: o poder dos processadores Intel Core i5, i7 e i9 em games

Adicionar Comentário

Clique aqui para postar um comentário

Deixe seu comentário:

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Receba Notícias por E-mail:

Share via