Reconhecimento facial do facebook será encerrado em breve

Reconhecimento facial do Facebook será encerrado em breve

Avatar of victor pacheco
Anteriormente utilizada como um recurso de marcação e criação de texto alternativo, a funcionalidade está sendo deixada de lado. Entenda agora

Você usa o reconhecimento facial do Facebook em seu dia a dia? Disponível desde dezembro de 2017, o recurso é usado tanto para lhe ajudar a marcar pessoas em uma foto, quanto para ajudar deficientes visuais que utilizam aplicativos de áudio descrição. Mas em breve, saiba que este uso não será necessário devido a uma mudança que a empresa está fazendo. Isso significa que todos os arquivos referentes às fotos de pessoas serão deletados.

Essa drástica alteração acontece em meio a uma mudança de nome da empresa que gerencia o Facebook e outras empresas de Mark Zuckeberg, onde foi citado que a privacidade é um dos pontos que a companhia mais tem focado. O texto alternativo no Facebook também passará por mudanças, entenda tudo agora mesmo.

Reconhecimento facial do Facebook não irá mais existir

Em meio a quedas e até mesmo vendas de dados que estavam disponíveis para todo o público, hoje foi anunciado que o reconhecimento facial do Facebook será descontinuado nas próximas semanas. A empresa espera revolucionar o mercado de reconhecimento facial e incentivar mais empresas a fazerem isso. Ainda não se sabe o motivo disso ter acontecido, mas especula-se que o recurso não tinha outra utilidade além de marcar pessoas em fotos e ser apoio para texto alternativo, útil para pessoas com deficiência.

Reconhecimento facial do facebook
Empresa espera ter uma melhor imagem sobre dados que possui em sua base

Entretanto, em fevereiro deste ano, o Facebook precisou fazer um acordo de US$ 650 milhões devido a uma das funcionalidades de marcação de pessoas em uma foto passar a ser obrigatória. No processo, foi decidido que a empresa estava escaneando rostos de pessoas sem seu consentimento — isso era opcional até 2019. Jerome Pesenti, Vice Presidente de Inteligência Artificial do Facebook, citou que o reconhecimento facial ainda é bastante promissor, mas é necessário ter muito cuidado.

“Olhando para o futuro, ainda vemos a tecnologia de reconhecimento facial como uma ferramenta poderosa, por exemplo, para pessoas que precisam verificar sua identidade ou para evitar fraude e falsificação de identidade. Acreditamos que o reconhecimento facial pode ajudar em produtos como esses com privacidade, transparência e controle, então você decide se e como seu rosto será usado. Continuaremos trabalhando nessas tecnologias e envolvendo especialistas externos. 

Na mesma publicação, foi citado que mais de um bilhão de perfis com imagens e nomes de pessoas serão excluídos. Importante citar que ao mesmo tempo, serviços de IA que usaram estes dados como base para se aprimorarem não serão deletados.

O que essa mudança significa?

Ao deletar todos os perfis criados por meio do reconhecimento facial no Facebook, a rede social azul também deixará de dar sugestões de marcação em fotos que são postadas por qualquer pessoa. Até porque, não haverão mais informações para que a identificação seja feita. Além disso, estas mesmas informações que eram usadas para criação de texto alternativo em fotos no Facebook também não existirão mais.

Logo do facebook
Mudança vai fazer com que mais de um bilhão de perfis sejam apagados

Sabe aquela notificação que aparece para você sempre recebe quando uma possível foto onde você aparece é postada? Nas próximas semanas, isso não irá mais acontecer. Tudo em relação ao que o Facebook sabe sobre você e seu rosto será apagado da rede social. Esta é uma forma de aumentar tanto a privacidade, quanto a confiança que a rede social passa para seus usuários.

Privacidade é um assunto que está sendo levado a sério pela rede social

Entrando no âmbito de privacidade e uso de dados que você fornece para a rede social, a Meta (novo nome do Facebook) espera que esta mudança impacte em como o site está utilizando os dados que tem em sua base. Hoje em dia, o reconhecimento facial fora do Facebook possui diversas funções, como desbloqueio de telefones e é até mesmo utilizado em transações bancárias.

Olhando mais para o atual momento da Meta, a mesma está mais focada em tampar seu rosto do que realmente ter isso em seu registro.

Privacidade no facebook
Empresa também espera que imagem seja restaurada em meio a vazamentos e até mesmo Fake News

O investimento no metaverso segue sendo extremamente alto, onde a empresa até mesmo está lançando óculos de realidade virtual e fones de ouvido para que cada vez mais, seu rosto apareça o menos possível. Também se sabe que Mark Zuckerberg irá contratar mais de 10 mil pessoas para este projeto. Dessa forma, faz sentido que o reconhecimento facial do Facebook seja descontinuado.

Texto alternativo no Facebook também passará por mudanças

O reconhecimento facial era usado como apoio para que o texto alternativo em imagens no Facebook fosse cada vez mais assertivo. Caso não esteja habituado com isso, esta é a informação lida por aplicativos e dispositivos utilizados por deficientes visuais. Na prática, a inteligência artificial conseguia dizer quem estava em uma foto por meio disso.

Agora, com o reconhecimento facial do Facebook sendo descontinuado, apenas será possível saber quantas pessoas estão em uma foto. Anteriormente, estava sendo utilizado um sistema de inteligência artificial apenas para gerar estas informações, mas agora isso não terá tanto apoio.

Logos facebook e instagram
Texto alternativo deixaré de ser assertivo na rede social

Dessa forma, quem mais perde com a eliminação do reconhecimento facial do Facebook são as pessoas que usavam o recurso de criação de texto alternativo. Nos resta esperar por mais informações da empresa para saber o que será feito em relação a esta perda.

Foi citado pela empresa que o Automatic Alt Text (AAT) identifica atualmente, 4% de todas as fotos que estão no Facebook. A rede social também trabalhará com este público para seguir entregando um canal acessível para todos.

Veja também

Na semana passada, o Facebook explicou como o metaverso irá funcionar na prática, veja agora:

Fontes: Facebook e The Verge

Inscreva-se para receber nossas notícias:

Total
2
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Relacionados