Review: Galaxy A80, o intermediário com câmera giratória da Samsung

Foto destacada do Galaxy A80
O Galaxy A80 tem como diferencial sua super câmera giratória, adotando um novo display infinito e processamento poderoso; confira o review completo

A linha Galaxy A sempre foi uma linha de tendências: o Galaxy A7 (2018) foi o primeiro smartphone da Samsung com 3 câmeras traseiras; o Galaxy A8 (2018) trouxe design premium ao público intermediário; já o Galaxy A9 (2018) foi além, apresentando um celular com um conjunto quádruplo de câmeras. Em 2019, a linha Galaxy A 2019 ganhou o Galaxy A80, smartphone mais potente dos seis anunciados, que marca a estreia da Samsung no segmento de câmeras giratórias.

Com o diferencial da câmera giratória, o Galaxy A80 inaugurou a tela “New Infinity Display”, sem o polêmico notch, câmeras frontais, sensores ou bordas. É uma nova aposta – intermediária, vale destacar – no mercado de smartphones bezeless (sem bordas, em tradução livre), que já conta com grandes nomes como Zenfone 6, OnePlus 7 Pro e Xiaomi Mi 9T.

Recebemos um modelo do Samsung Galaxy A80 e, durante duas semanas de testes, você confere o nosso review completo sobre o novo smartphone da Samsung. Será que o Galaxy A80 se destaca no seu maior diferencial? Com o preço sugerido de R$ 3.499,00 no Brasil, vale a pena optar por um intermediário premium em vez de um topo de linha?

Smartphone quase sem bordas da Samsung
Smartphone quase sem bordas da Samsung

Design e construção

O que mais chama atenção no Galaxy A80 é o seu design grandão e totalmente sem bordas. Motivo disso é a nova tecnologia das câmeras, que, ao invés de possuírem sensores frontais e traseiros, como ainda é predominante no mercado, há um módulo giratório na parte de trás que acomoda três câmeras e podem ser usadas conforme a sua necessidade.

sistema giratório das câmeras permitiu a entrada de mais tela em um corpo menor
sistema giratório das câmeras permitiu a entrada de mais tela em um corpo menor

Se o usuário quiser tirar uma foto normalmente usando as câmeras, basta sacar o celular e registrar o momento. Se preferir tirar uma selfie, com um botão as mesmas câmeras traseiras são viradas para a frente do usuário, em um movimento que leva menos de um segundo. A solução é inteligente e satisfatória, pois o Galaxy A80 pôde ganhar mais tela sem, necessariamente, aumentar o tamanho da carcaça – as dimensões são 165.2 x 76.5 x 9.3 mm. Um detalhe que vale a pena comentar é o barulho considerável que o módulo faz ao ser ativado.

Vidro traseiro é protegido pelo Gorilla Glass 6; frontal é protegido pela terceira versão
Vidro traseiro é protegido pelo Gorilla Glass 6; frontal é protegido pela terceira versão

Apesar de grande e pesado, com 220g, a pegada é mais satisfatória do que parece. Ele é todo feito em vidro com laterais em alumínio e tampouco é escorregadio. É impossível manuseá-lo com uma mão, pois são 6,7 polegadas que ocupam mais de 85% da área frontal, mas no geral acaba passando uma sensação de firmeza ao segurá-lo. Na caixa, o Galaxy A80 acompanha uma capinha protetora que auxilia contra quedas. Aliás, tente evitar ao máximo derrubá-lo no chão. A última versão do Gorilla Glass está presente somente no vidro traseiro – na frente, ainda é o Gorilla Glass 3

Se tratando de entradas, o Galaxy A80 possui uma porta USB-C para carregamento e transferência de dados, gaveta para chip e uma saída mono para alto-falante. Notou algo faltando? Pois é, o conector 3.5mm foi deixado de fora, acompanhando um fone de ouvido USB-C na caixa. Não há também entrada para cartão de memória no smartphone, porém ele traz 128GB de armazenamento interno.

Tela

Seguindo o padrão de qualidade da Samsung, o display do Galaxy A80 impressiona – de todas as maneiras. Primeiro, porque são 6,7 polegadas que ocupam 85,8% da área frontal, tamanho mais do que excelente para curtir seus filmes, séries e jogos. A resolução Full HD+ com tecnologia Super AMOLED apresentam cores bastante definidas e brilho intenso. Nas configurações do aparelho, é possível alterar a coloração manualmente ou escolher entre os presets básicos para cada necessidade.

Jogos são excelentes quando são otimizados para ocuparem o espaço da tela
Jogos são excelentes quando são otimizados para ocuparem o espaço da tela

Por padrão, Apps como Netflix e YouTube ainda estão se adaptando ao formato 20:9, e alguns títulos podem não tomar toda a proporção da tela. Feliz e infelizmente, no Galaxy A80 é possível fazer um movimento de pinça para que o conteúdo tome todo display, porém perde-se qualidade na imagem no processo – quem já tentou aumentar uma imagem na edição, sabe como fica. Além dessa perda, no YouTube é comum perder alguns quadros nos vídeos, justamente porque não é uma solução pensada junto com o serviço, e sim um zoom para preencher a tela.

Apesar de enorme, a tela apresenta 331ppi de densidade, o que é ideal para não ver pixels na tela
Apesar de enorme, a tela apresenta 331ppi de densidade, o que é ideal para não ver pixels na tela

Apesar disso, não há do que reclamar quanto à qualidade do display. Mesmo com a tela grande, são 331ppi de densidade, o que não permite ver nenhum pixel na tela – não com um olho humano -, e o touchscreen é bem suave.

Processamento e memória

A cada lançamento a linha Galaxy A se aproxima ainda mais de modelos topo de linha. “Se aproxima”, porque ainda não está no mesmo patamar. O Galaxy A80 traz um processador Snapdragon 730G, dividido em oito núcleos Kryo, sendo 2 núcleos rodando a 2.2Ghz e 6 núcleos rodando a 1.8GHz. O novo processador intermediário da Qualcomm é o mesmo Snapdragon 730 que equipa o Xiaomi Mi 9T, por exemplo, mas é uma versão com um extra em jogos. Aliado ao chipset, há 8GB de memória RAM, 128GB de armazenamento interno não expansível e placa gráfica Adreno 618.

O Galaxy A80 roda todos os jogos da Play Store com ótima qualidade. Asphaut 9, Garena Free Fire, Sonic Forces, Yu-Gi-Oh! Duel Links e Modern Combat 5 apresentaram ótima taxa de quadros e sem perdas durante a jogatina. É bom deixar claro que o Galaxy A80 não é um smartphone topo de linha. Os carregamentos são um pouco mais lentos, muitos elementos gráficos podem deixar a desejar. Ainda assim, será o melhor intermediário que você vai ter em questão de processamento, isso não há dúvidas. Aplicativos de mensagens, redes sociais, serviços de streaming, rodam com folga na memória.

Câmeras

Sistema giratório mantém qualidade tanto para a câmera traseira quanto para selfies
Sistema giratório mantém qualidade tanto para a câmera traseira quanto para selfies

Há uma razão muito nobre por trás do conceito de câmera giratória além de diminuir as bordas do aparelho. Se a câmera traseira pode se tornar a câmera para selfie com um apertar de botão, na teoria, a qualidade de ambos os estilos seriam a mesma. Certo? Bom, o Galaxy A80 mostra que não é bem assim. O único conjunto de câmeras presente no aparelho inclui: um sensor principal de 48MP com abertura de f/2.0 e lente grande angular (wide); sensor secundário de 8MP, abertura de f/2.2 e lente ultra grande angular; e um sensor Time of Flight (ToF 3D), com abertura de f/1.2. 

O sensor principal consegue gravar em 4K a 30fps sem estabilização ou 1080p a 60fps com estabilização, além de possuir HDR automático, Modo Noturno e efeito desfocado inteligente. Em boas condições de luz, a qualidade dos registros é excelente, com ótimos níveis de detalhes e pouquíssimos ruídos. Já a câmera com lente ultra grande angular sofre de detalhes e as cores tendem a ser lavadas. Em ambientes mais iluminados, ela não vai deixar na mão quando o assunto for capturar mais objetos na mesma foto. 

Uma ótima novidade no smartphone é o sensor ToF 3D, que garante o efeito desfocado. No Galaxy A80, o sensor está mais inteligente, podendo realizar o desfoque até mesmo em gravações de vídeos – ainda não é perfeito e o objeto precisa estar o mais imóvel possível.

Para compensar a falta de uma abertura menor, o Galaxy A80 traz o Modo Noturno, mas também não sai como o esperado, sendo preciso abrir mão de nitidez por imagens mais claras. 

Ao mudar para o Modo Selfie, curiosamente a qualidade de imagens fica inferior em relação à traseira – o que não faz sentido, pois se tratam dos mesmos sensores. 

Sistema

A interface que roda no Galaxy A80 é a OneUI em cima do Android 9.0 Pie. A interface da Samsung evoluiu bastante durante os anos e podemos dizer que essa versão é a definitiva. As transições são suaves, os ícones possuem cores menos agressivas e, o principal, há algumas funcionalidades bastante úteis. É possível alterar tema, ícones, papel de parede, o estilo do Always on Display, aplicar Modo Noturno e aproveitar o enorme display para navegar apenas por gestos.

Interface OneUI é uma das melhores disponíveis no mercado
Interface OneUI é uma das melhores disponíveis no mercado

Bateria

Em nossos testes, os 3.700mAh do Galaxy A80 foram suficientes para pouco mais de um dia de uso moderado, acessando a internet via Wi-Fi, jogando, assistindo streaming de jogos e usando a câmera giratória para fotos e vídeos. Em relação aos seus concorrentes, como Motorola One Vision, ele é menos econômico, até porque estamos falando de uma tela gigante e um módulo giratório que consomem bateria. Ainda assim, ele não decepciona.

Quanto ao carregamento, o smartphone suporta o fast charging de 25W, o que consegue recarregar o Galaxy A80 é pouco mais de 1h15min. 

Recursos extras e áudio

Além do conceito de câmeras giratórias, o Galaxy A80 é mais um modelo da linha Galaxy A que traz sensor de impressões digitais sob a tela. Ele de longe é rápido quanto o P30 Pro, OnePlus 7 Pro ou o Galaxy S10+ e, nem sempre é tão responsivo. Mas funciona. Outra alternativa ao desbloqueio por digital seria usar o sensor Time of Flight para reconhecimento facial mais seguro e rápido. Entretanto, não é tão viável quando se tem um sistema giratório de câmeras.

Leitor de digitais não é dos mais precisos, mas funciona
Leitor de digitais não é dos mais precisos, mas funciona

A Samsung retirou o alto-falante para chamadas e incluiu uma tecnologia que faz a tela vibrar para emitir o som, semelhante ao P30 Pro. O resultado não é dos melhores e, quando está com volume máximo, pode ser um pouco indiscreto. Já o alto-falante mono presente na parte inferior é facilmente abafado pelas mãos ao jogar, mas o som é surpreendente bom e não distorce em volume máximo.

Não há entrada 3.5mm no Galaxy A80 e a Samsung pôs na caixa fones de ouvido com entrada USB-C. Tais fones são os mesmos presentes nos outros smartphones da linha Galaxy A, mas a qualidade não é tão boa quanto R$ 3.499,00 merece.

O Galaxy A80 não acompanha entrada 3.5mm para fones de ouvido
O Galaxy A80 não acompanha entrada 3.5mm para fones de ouvido

Considerações finais

O Galaxy A80 é o melhor intermediário do mercado, isso não há dúvidas. Excelente processamento, novo display infinito com ótima definição, bateria que acompanha o consumo do smartphone e as câmeras giratórias fazem ótimos registros em boas condições de luz. Entretanto, o maior obstáculo do Galaxy A80 é o custo x benefício entregue. Pelo menos por um primeiro momento, é difícil encontrar um segmento onde o Galaxy A80 se destacaria. Há concorrentes intermediários tão bons quanto ele que custam muito menos, como também há smartphones topo de linha custando o mesmo. Só o tempo dirá se será uma boa aquisição.

Se você for um entusiasta de tecnologias móveis e deseja experimentar o conceito de câmeras giratórias, vale a pena aguardar mais alguns meses e verificar se o valor diminui.

Review em vídeo do Galaxy A80

Especificações técnicas do Samsung Galaxy A80

Samsung Galaxy A80Especificações
Tela6,7” Super AMOLED
85,8% da área frontal
331ppi
Gorilla Glass 3
ProcessadorQualcomm Snapdragon 730G
Octa-core (2×2.2GHz Kryoo 470 Gold + 6×1.8GHz Kryo Silver)
GPU Adreno 618
Memória e
armazenamento
8GB de memória RAM
128GB de armazenamento interno
Sem expansão via cartão de memória
Sistema
Operacional
Android 9.0 Pie (interface OneUI)
Câmeras48 MP, f/2.0, 26mm (wide), 1/2″, 0.8µm, PDAF
8 MP, f/2.2, 12mm (ultrawide), 1.12µm
TOF 3D camera, f/1.2, 30mm
Bateria3.700mAh
Carregamento ultrarrápido 25W
SomAlto-falante mono
Alto-falante para chamadas na tela
Sem entrada para fones de ouvido
Cancelamento de ruído ativo
Dolby Atmos
ExtrasSensor de digitais na tela
Acelerômetro
Giroscópio
Proximidade
CorpoVidro traseiro Gorilla Glass 6
Alumínio nas laterais
Vidro frontal Gorilla Glass 3
PreçoR$ 3.500,00
Samsung Galaxy A80
  • Tela - 9.5/10
    9.5/10
  • Design e construção - 8/10
    8/10
  • Processamento - 9/10
    9/10
  • Câmeras - 7.5/10
    7.5/10
  • Bateria - 7/10
    7/10
  • Recursos extras - 6.5/10
    6.5/10
  • Sistema - 9.9/10
    9.9/10
  • Custo X benefício - 5/10
    5/10
7.8/10

Samsung Galaxy A80

O Galaxy A80 tem como diferencial sua super câmera giratória, adotando um novo display infinito e processamento poderoso

Pros

  • Display infinito Full HD+ excelente para jogos e filmes;
  • Processamento para jogos surpreendente com Snapdragon 730G;
  • Alto-falante mono produz som alto;
  • Câmera principal registra ótimas fotos;
  • OneUI traz experiência excelente para o usuário;
  • Carregamento ultrarrápido. 

Cons

  • Sensor de digitais sob a tela é lento e impreciso;
  • Modo selfie é menos precisa que Modo Tradicional;
  • Bateria é satisfatória, mas poderia ser melhor;
  • Modo Noturno possui muito ruído;
  • Sem entrada Para fones de ouvido;
  • Fones de ouvido não vale o preço cobrado;
  • Custo X benefício em primeiro momento não é bom. 

Adicionar Comentário

Clique aqui para postar um comentário

Deixe uma resposta

Receba notícias por e-mail