Conecte-se conosco
maxresdefault 6 - Para o Facebook, telepatia poderá em breve se tornar realidade

Ciência e Tecnologia

Para o Facebook, telepatia poderá em breve se tornar realidade

Mark Zuckerberg, fundador do Facebook, afirmou que a companhia tem trabalhado em meios de comunicação que utilizem apenas a mente do usuário

58a43f9f883b0 MarkZuckerbergF8Picture 720x405 - Para o Facebook, telepatia poderá em breve se tornar realidade

Mark Zuckerberg foi o anfitrião do evento realizado nesta última terça-feira

O Facebook iniciou ontem (18) mais uma edição da conferência dedicada aos desenvolvedores de sua plataforma, a Facebook F8. Assim como o esperado para o evento, Mark Zuckerberg, CEO e fundador da companhia, detalhou no palco alguns dos planos do Facebook a respeito de bots, tecnologias de realidade aumentada e virtual, além de, é claro, inteligências artificiais.

Embora muito tenha sido dito sobre os pontos citados – principalmente se lembrarmos que a conferência do ano passado se pautou nesses assuntos – a grande revelação do evento foi prometida apenas para hoje à tarde: segundo o próprio Zuckerberg, o Facebook estaria desenvolvendo uma interface totalmente controlada pelo cérebro do usuário. Parece inacreditável, mas você pode ler a declaração dada na íntegra logo abaixo:

“Amanhã nós iremos informar vocês sobre todo o nosso trabalho em conectividade. Temos um time que neste momento está preparando um segundo voo para o Aquila, nosso drone movido a energia solar e que irá distribuir internet para todas as pessoas ao redor do mundo. Amanhã também iremos falar sobre várias outras tecnologias que estamos desenvolvendo; você irá ouvir Regina Dugan falar sobre nossos trabalhos em ampliar as capacidades da realidade aumentada, o que inclui esforços em a respeito de interfaces controladas pelo cérebro e que, um dia, irão permitir que você se comunique utilizando apenas a sua mente.”

De acordo com a imprensa presente na conferência, a nova interface seria o resultado de meses de um trabalho sediado no misterioso ‘Building 8’, um prédio industrial inaugurado no ano passado pelo Facebook. Também nas palavras dos jornalistas, a equipe responsável pela chamada BCI – ‘Interface Cerebral de Computadores’, traduzindo do inglês – estaria procurando por engenheiros e neurocientistas dispostos a desenvolver pesquisas do gênero pelos próximos 2 anos.

facebooks bulking up the team for its mysterious new hardware division building 8 720x360 - Para o Facebook, telepatia poderá em breve se tornar realidade

Regina Durgan (foto) é a atual chefe de operações no Building 8, do Facebook

Embora não tenha dado muitos detalhes sobre como a sua BCI deverá funcionar, o executivo afirmou que conheceremos grande parte da tecnologia na segunda apresentação da conferência, que deve acontecer hoje (19) por volta das 14h00 no horário de Brasília. Dito isso, espera-se que as tecnologias por trás das BCIs possam estar muito mais a frente do que imaginamos.

Uma BCI de Elon Musk?

elon musk big 720x400 - Para o Facebook, telepatia poderá em breve se tornar realidade

Conhecido por fundar a Tesla, Elon Musk também criou o PayPal e a SpaceX

Sendo o aparente próximo passo em relação às inteligências artificiais, as chamadas ‘Brain Computer Interfaces’ também podem estar relacionadas a futura ampliação (física) da mente humana. Segundo o que diz a revista eletrônica Futurism, até mesmo Elon Musk estaria interessado na possibilidade de integrar IAs à mente humana, o que nos levaria a um futuro bastante parecido com o apresentado no mangá Ghost in the Shell.

“Os seres humanos precisarão se tornar ciborgues caso queiram ser relevantes num futuro dominado por inteligências artificiais” – afirmou Musk.

Por fim, vale lembrar que o milionário, que é amplamente conhecido por suas enormes ambições, afirmou estar fundando uma companhia inteira dedicada a pesquisar a inserção de hardware inteligente em cérebros humanos.

Continue lendo
Advertisement

19 anos, brasiliense, acadêmico de Direito e apaixonado por tecnologia, informação e entretenimento.

Comentários
Subir